Uncategorized

Também não batem palminhas

Novas adesões o time dos desafetos de Requião: Cláudio Fruet, Alvaro Dias, José Richa (in memoriam), Mário Pereira, Ruy Nogueira, Caio Brandão, Deni Schwartz, Euclides Scalco, Hélio Duque, Olivir Gabardo, Leite Chaves, Durval Amaral, Orides Mezzaroba, Friedman Wendpap, Jefferson Pires, Edson Feltrin, Lineu Thomaz, Ivo Pugnaloni, Ricardo Chab, Adail Sprenger Passos, Eneas Farias, Claudio Fajardo, Reinaldo Almeida Cesar, João Dornelles Barbosa, Ney Camargo, Nei Marques, Altino Birnfeld, Altamir Narciso, Jodicley Schinemmann, Luiz Carlos Rocha, Rochão de Maringá, Cícero Bley Jr, Cleverson Andreoli, Acir Mezzadri, Adolpho Mariano da Costa, Ines Carnielleto, Edmar Canário Tesser, Renato Adur, Tadeu França e Ezequias Moreira.

7 Comentários

  1. Benedito Pires na Mã Responder

    A cada aniversário os convidados para a festa de Requião são outros. Pobre diabo condenado à solidão e ao degredo moral.

  2. Idiota da Objetividade Responder

    Sobrou alguém?

    Só os cavalinhos do sítio do contribuinte…quer dizer do burro do contribuinte e da mula do eleitor

  3. Tem tambem o Neivo Beraldin que denunciou falcatruas do Banestado no primeiro governo requiao na área de publicidade e hoje sofre ameaças por ter cumprido seu papel de deputado.

Comente