Uncategorized

Na falta do mordomo

Requião tentou culpar o Judiciário pelo aumento da criminalidade e teve de agüentar a dura reação dos juízes que, em outras palavras, mandaram o Duce pastar.

O jeito foi voltar a culpar quem não tem porta-voz, não convoca a imprensa, não reage. Segundo o secretário Luiz Fernando Delazari, é injusto cobrar da polícia a onda de violência, expansão do narcotráfico, recordes de assassinatos.

À falta do mordomo, sempre escalado para ser o culpado em antigos enredos da literatura policial, a culpa é do “sistema neoliberal que promove a miséria e causa a violência. Porque, todos sabem, pobreza gera violência”, raciocina o secretário.

Outro culpado indicado pelo secretário ressuscita uma expressão muito usada na crônica política dos anos 50 e que o secretário Delazari nos devolve com cheiro de naftalina. Saibam todos que a polícia enfrenta “forças ocultas”.

2 Comentários

  1. Paulo Caseirão Reply

    O último refúgio do idiota não é a pátria. É o neo-liberalismo. Coitado desse Brasil e desse Paraná. Não merecíamos tanto.

Comente