Uncategorized

“Enquanto isso, na Ilha de Elba”

O coronel Anselmo de Oliveira, na montagem como o Napoleão de Jacques Louis David.

O coronel Anselmo de Oliveira, novo comandante-geral da Polícia Militar que recentemente comparou sua rápida ascensão na carreira à trajetória de Napoleão, anunciou a nova equipe da PM que trabalhará com ele em “funções estratégicas”.

Para a chefia do Estado Maior nomeou o coronel Celso José Mello, que era comandante do Policiamento do Interior. Quem assume a função é o coronel Amaro do Nascimento Carvalho, ex-comandante do Policiamento da Capital, função que passa a ser ocupada pelo tenente-coronel Carlos Alexandre Scheremeta, indicado ao posto de coronel, na última reunião da Comissão de Promoção de Oficiais.

O coronel Jorge Luiz Thaís Martins permanece no comando do Corpo de Bombeiros, da mesma forma que o coronel Joacyr José da Silva fica à frente da Academia Policial Militar do Guatupê. O diretor de Apoio Logístico será o coronel João José Ramirez Junior e o diretor de Pessoal será o coronel Luiz Carlos Hunzicker Júnior.

Uma das inovações do novo comando da PM é o Estado Maior Especial, que será comandado pelo coronel Roberson Luiz Bondaruk. É uma equipe que vai pensar a polícia a médio e longo prazos.

1 Comentário

Comente