Uncategorized

Um dia no Sítio Cercado e com a turma do Feltrin

Beto Richa passou a manhã no Sítio Cercado. Inaugurou quadra coberta na Escola Augusta Ribas e entregou as chaves de 12 apartamentos da Cohab no conjunto Ilha do Cardoso.

À tarde recebeu a visita de Marcos Vilaça, ministro do TCU. Depois, recolheu Edson Feltrin, Paulo Rossi e Jefferson Piress para trocar figurinhas sobre a vida política do povão. Os três insistiram na idéia de que é melhor trocar de vice. Entre Luciano Ducci e Gustavo Fruet, os três vão de Fruet.

7 Comentários

  1. luiz fernando sancho Responder

    Campana,não sou politico,mas procuro acompanhar tudo que acontece no mundo político,de Curtiba,do Paraná e no brasil,muitas vezes me atualizo atravez do seu blog,e falando daqui da terrinha,tenho con-versado bastante a respeito da eleição municipal, depois que surgiu o assunto da possibilidade da vice do prefeito Beto Richa ser ocupado pelo dep.Gustavo Fruet, com todos que eu comento, a maioria absoluta das pessoas falam que o Prefeito ganha a eleição no 1* turno. Não conheço pessoalmente nem o prefeito e o deputado, mas tenho certeza que quem sairá ganhando é o povo de Curitba, pois são filhos de dois grandes politicos que o Paraná já teve.

  2. paiakan júnior Responder

    É isso aí. É preciso ter coragem para expor idéias, e esses três mosqueteiros têm de sobra. Beto e Fruet são a garantia de renovação na política.

  3. Se o Beto tiver coragem (difícil), com certeza ele vai com o Gustavo. Caso ele decida disputar o governo em 2010, com certeza vai precisar de alguém com votos suficientes para elegê-lo em Curitiba. O Fruet teve mais de 200 mil votos, enquanto o Ducci não conseguiu nem eleger o Miquele Caputo Deputado Estadual, com $aude e tudo mai$.

  4. Todos os Curitibanos são a favor desta idéia maravilhosa.
    E o Luciano tem que sair candidato a prefeito pelo seu partido, forçar o 2º turno, e todos os Curitibanos terem a oportunidade de um debate franco entre a Representante do Governo Federal, e o representante das oligarquias de Curitiba.

  5. Gustavo Fruet, durante muito tempo, foi enganado por Requião, achando que um dia teria apoio do governador para ser prefeito de Curitiba, pelo PMDB. Agora, parece que embarca nesta mesma ilusão, sob as asas de Beto Richa. Beto Richa não é muito diferente de Requião. Não vai deixar nenhuma liderança política em sua praia. O homem quer reinar pela próxima geração e as limitações regionais e de interesses de Luciano Ducci são mais seguras para os planos imperiais de Beto. Fruet mais uma vez vai ficar a ver navios. Parece que o menino não aprende. Essa geração de menudos bem nascidos é bem pior que a geração de seus pais. É só comparar. Tanto faz se o sobrenome é Richa, Fruet, Stephanes, Camargo, Passos, Almeida, Cury ou outros. Falta muita habilidade para trilhar os mesmos caminhos que seus patriarcas.

  6. Com todo respeito! Responder

    O Beto tomou cuidado com a carteira, pois desta turma pode se esperar de tudo?

    Embora o Fruet seja um bom rapaz e um político razoável e em condições de assumir a vice ou até muito mais, qual é o peso político desta pobre armata que se coloca como representantes do seus interesses?

    Nenhum, pois não passam de um bando de desmoralizados!

    Fruet, não sei se eles estão diretamente ligados a você, pois caso estejam eles representam um desserviço a seu projeto, assim sendo busque urgentemente outros articuladores mais confiáveis e respeitáveis!

  7. Me desculpem, mas o Feltrin eu já o conheço da época do MDB. Ele é aguerrido e sabe fazer política. Qualquer tentativa de desqualificá-lo é em vão, pois ele é um lutador e qualquer partido de verdade o abrigaria em suas fileiras.

Comente