Uncategorized

Prostíbulo paga viagem de aliados de Paulinho da Força

Requião não quer mais saber de proximidade com a Força Sindical. Tem medo da contaminação de sua imagem pelo escândalo de corrupção que envolve o deputado Paulinho da Força e seus assessores.

Planilhas encontradas pela Polícia Federal mostram que um bordel pagou passagens aéreas e hospedagens para o lobista João Pedro de Moura, consultor da Força Sindical e assessor do deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força Sindical, que recentemente esteve na escolinha das terças tecendo loas ao governador.

Entre acertos e adiantamentos às garotas de programa, aparecem nomes que receberam passagens aéreas e estadias em hotéis de luxo. Celso Murad e Washington Napolitano estão na lista dos réus no processo por formação de quadrilha, fraudes em contratos do BNDES, tráfico de pessoas e exploração de prostituição instaurado pela Justiça Federal.

6 Comentários

  1. Tem gente se coçando no butikim, né?
    Será que os homens de Greyskol, os que tem a Força, sabem a força do Heman do ministério público do Paraná?
    E se pegarem o butikim daqui?

  2. Estas são as companhias que restaram ao arquiduque Fanfarrão de Mello e Silva. Tendo repudiado os melhores (se é que havia) ficou com os piores, a escumalha, a choldra e o rebotalho.

  3. Glauceste Saturno Responder

    OU SERÁ O CONTRÁRIO! SERÁ QUE A FORÇA NÃO VAI SER CONTAMINADA PELAS PERIPÉCIAS DO REIQUIÃO???

  4. ana helena ramos Responder

    O EXEMPLO QUE VEM DE CIMA OU …
    NÃO SOBRA UM MEU IRMÃO: O NEPOTISMO INSTITUCIONALIZADO NO -PARANÁ É A GRANDE ORIGEM DE CORRUPÇÃO – JUSTUS NÃO ASSUME PELA CUNHADA…PESSUTTI, QUE EMPREGA TODA A FAMÍLIA, NÃO ASSUME PELO FILHO. É O PARANÁ NA
    MERDA…

  5. Será que o 1º de maio que o Requião bacou para a “Farça” Sindical também não teve ajuda do BNDES?? E o Paulinho na Escolinha do Requião falando da redução da jornada sob os olhares atentos do duce..

  6. Nauzian Breguio Responder

    A turma da Força e do Paulinho indicou o tal de Sérgio de Barros para ser Delegado na DRT do Paraná, que ficou la 3 meses. Se não fosse o senador Osmar Dias(PDT_ esta turma ia ficar lá por muito tempo. Mas ele indicou o novo delegado João Graça e limpou a area. Se não tivesse feito isso, as negociações para liberar verba para ONGs frias e para abrir sindicato frio iam rolar solto. Parabens Osmar…

Comente