Uncategorized

Governo adia depoimentos de diretores da Paraná Previdência

O líder do governo, Luís Cláudio Romanelli, pediu para transferir para a próxima segunda-feira a sessão de Comissão para ouvir os diretores da Paraná Previdência.

Alegou que o presidente José Maria Correia está sendo substituído pelo desembargador Munir Karam. Mas sabe-se que o governador Requião é quem pretende evitar debates sobre a situação da Paraná Previdência.

Além da aplicação de dinheiro da instituição em bancos de segunda linha, como o UBS Pactual, Requião quer evitar outros questionamentos muito desconfortáveis para o governo. Entre eles, a razão que levou o governo a deixar de recolher a sua parte na contribuição obrigatória.

2 Comentários

  1. E o desembagador Munir Karam – vai manter sua decisão de mandar o “caso Pactual” à análise do Ministério Público e realização de auditoria, conforme afirmou publicamente ?
    Ou vai voltar atrás deixando o disse pelo não disse ?
    Seu primeiro ato, se aceitar a presidência, será esta definição – não menos que pública, igualmente.

  2. Os funcionários públicos de Matinhos já estão preocupados, pois, lá existe um fundão dos mesmos com 14 milhões de reais.
    Será que o Zé Maria também vai querer aplicar no Pactuasl todo esse dinheiro?

Comente