Uncategorized

Estelionato como este, só no Brasil

Deu no Cláudio Humberto

Aproveitando-se da desorganização na Universidade de Brasília, após a crise do reitor das magníficas mordomias, um falsário se apresentou há um mês como “interventor” na Fundação de Apoio à Pesquisa (Fadep), ligada à UnB, e assumiu a direção – sem que ninguém checasse sua história. Mais de R$ 200 mil foram surrupiados.

Marcelo Lima dos Anjos, 27, até já havia sido preso na Bahia, passando-se por procurador-geral de Justiça do Estado. O estelionatário é famoso: conseguiu ser nomeado assessor do Instituto de Radiodifusão da Bahia (Irdeb) por suposta indicação do deputado federal Fábio Souto (DEM-BA), mas Souto nega a indicação e diz que Marcelo imitou sua voz para consegui-la.

Outro esquema do golpista foi passar por emissário do arcebispo de Salvador, dom Geraldo Magela, para tomar dinheiro de políticos e personalidades sob a alegação de que a diocese estava com um déficit de R$ 1 milhão. Esta coluna tem a informação da iminente prisão de Marcelo Lima dos Anjos desde a tarde desta sexta-feira (20), mas em razão do fator surpresa da prisão, que foi realizada ao primeiro raiar do sol de hoje, a notícia só agora pôde ser divulgada.

9 Comentários

  1. Sou da Bahia e fui “colega” desse marginal aqui em Salvador enquanto ele trabalhava na Secretaria do Trabalho Assistência Social e Esportes e posso afirmar a vcs que ele sequer tem nível médio completo. Como uma pessoa assim, consegue dar aula numa faculdade como a UNB? Onde estão os pré-requisitos para um cidadão poder fazer parte de uma Universidade tão importante no nosso país? Será que acabou a educação do país e hoje os cargos só são concedidos através de pistolão?

  2. Prezados leitores,

    Eu também tive a infelicidade de conhecer este indivíduo aqui em Salvador e estou revoltado com o fato de um estelionatário e pedófilo conseguir cargos de coordenador e professor na UNB, enquanto outros professores com títulos autênticos e verdadeiros, sequer, conseguir uma oportunidade.

    Nós temos que reivindicar que este tipo nunca saia da cadeia porque, caso contrário, continuará aplicando golpes e molestando crianças e adolescentes.

  3. Esse individuo me deu aula de sociologia juridica na faculdade semestre passado.
    Ficou bem claro para todos nos q ele não passava de um inrolão. Não sei como uma pessoa dessa pode dar aulas em Faculdades.
    Em fim é facil ser bandido e inganar a todos pelo visto.

  4. Ele não dava só na UNB. Pois era “professor” de Ciências Políticas na Faculdade FORTIUM aqui em Brasília. É um ABSURDO!!!

  5. Essa pessoa foi meu professor de sociologia juridica ano passado e agora é q terei q fazer a materia de novo porque esse “professor de faculdade” ñ tem graduação nenhuma!!!!
    E agora ele vai pedir um habeas corpus e daqui a pouco vai esta enganano novas pessoas.
    Isso é absurdo!!!!

  6. Prezados senhores,

    Peço-lhes ajuda para impedir o relaxamento de prisão do FALSO PROFESSOR – ESTELIONATÁRIO E CORRUPTOR DE MENORES.

    http://www.mp.ba.gov.br/imprensa/clipping/

    “Estelionatário baiano preso em Brasília
    Os delegados da Divisão Especial de Repressão ao Crime Organizado (Deco), da Polícia Civil do Distrito Federal, receiam ter de libertar, na próxima semana, o estelionatário baiano Marcelo Lima dos Anjos, 31 anos, procurado pela Justiça da Bahia. A greve dos servidores do Judiciário no Estado está prejudicando o envio imediato de documentos, já solicitados pelos policiais por fax e correio.

    A falta do original do mandado de prisão preventiva, expedido ano passado pela 7ª Vara Criminal de Salvador, por tentativa de estelionato e falsidade ideológica, poderá levar o juiz responsável pelo caso a relaxar a detenção de Marcelo, feita às 6 horas de sábado em Brasília.

    Greve dificulta envio de papéis
    O temor dos delegados brasilienses com relação ao envio (ou não) da documentação para manter o estelionatário Marcelo Lima dos Anjos na prisão pela Justiça baiana tem fundamento, a julgar pela adesão que a greve possui junto à categoria.”

    Atenciosamente,

    Silvio Luiz

  7. Marcelo Lima dos Anjos Responder

    Primeiramente, queria explicar que os alunos que postaram comentários anteriormente, não foram meus alunos de 2º grau, nesse caso seria co-responsável pela forma nefasta como se expressam e denigrem o portugês.
    Há um concenso entre mim e vcs, bandidos e estelionatários devem estar atrás das grades. Na verdade vcs deveriam entender, que um homem sem conhecimento não figuraria na presidencia de uma Fundação de Pesquisa sem nada saber, destaco que todos os membros da mesma eram Doutores e PhD e com a excessão de uma Livre Docente, que por sinal era minha orientadora do Doutorado. Sei que a maioria dos leitores nem fazem idéia do que porventura venha a ser Livre Docente. No Brasil o meio acadêmico é falho, mas o interesse pela miséria tem ibope. O tempo passou tudo foi exclarecido, fui inocentado e a população continuará sendo enganada… Os milhões de reais continuaram saindo da saúde, segurança, obras, educação e pesquisas. Pois a população escolheu ser afanada e depois assistem tudo e batem palmas… Obrigado população brasleira, mas continuo triste, agora por VCS!!!

    Marcelo Lima dos Anjos
    marcelolimaa@gmail.com

  8. Nunca fui com sua cara, eu sabia que vc nao prestava vou fazer questa de imprimir essas noticias e sai mostrando para todos que ti conhecem.
    Ve se termina pelo menos o ensino fundamental para mentir que e alguma cooisa na vida.

  9. Saiu a condenação desse ESTELIONATARIO o processo já foi, TRANZITADO E JUGADO SENDO CONDENADO pelo caso da UNB. NÃO MAS É REU PRIMÁRIO.

Comente