Uncategorized

Três casos na Justiça pelo desvio de verba na Assembléia


O advogado Eduardo Duarte Ferreira, defensor de mais de 50 pessoas que a Polícia Federal interrogou sobre desvios de verbas e devolução de salários aos deputados na Assembléia, assegura que até agora apenas três casos de investigação foram transformados em processos.

São os casos dos deputados Nereu Moura e Luís Cláudio Romanelli, que deu origem a toda a investigação e que está no Supremo; o do deputado Barbosa Neto, que também passou para o Supremo porque ele se elegeu deputado federal; e o do deputado Carlos Simões, que tramita aqui, na Justiça Estadual.

Ferreira deu entrevista hoje pela manhã ao jornal da rádio Banda B e disse que há muita especulação sobre essa investigação que corre em segredo de justiça. Até aqui, a Polícia federal ouviu centenas de funcionários para saber se trabalhavam, se recebiam e se devolviam parte do salário ao deputado. E só constatou ilícito nas três três situações.

Eduardo ferreira acredita que há interessados em usar o processo como arma contra adversários neste período eleitoral. E que há a possibilidade de quem esteja envolvido em processo querer envolver todos os demais para sair do foco principal do interesse da mídia.

Foto: Denis Ferreira Netto

6 Comentários

  1. Claudio Masteri Responder

    Segundo comentários a linha de defesa é que a culpa foi do falecido Molinari que comandava o RH da Assembléia. Tem acusado que já conseguiu trancar a investigação da justiça federal de Porto Alegre com a tese: A CULPA É DO MORTO.

  2. Precisa investigar um Deputado com discurso moralista e ver o imposto de renda que demontra enrriquecimento injustificável nos ultimos 6 anos!! Fontes afirmam que ele é o maior comprador de terras do norte do estado!! A ultima compra custou (pasmem) UM MILHÃO E MEIO DE REAIS na “cidade dos passarinhos”!!! É… Tem “laranjas” que foram pautados e prometem jogar M–DA NO VENTILADOR!!
    “AZEDOU O MORALISMO!!!”

  3. Por trás de tudo existem interesses obscuros de utilização politicamente de fatos já esclarecidos e sepultados. Porque a Gazeta do Povo está explorando o assunto e as pessoas que querem atingir! Será por causa das grandes verbas publicitárias que tem recebido do Governo Federal como Petrobrás, Caixa Econômica e Banco do Brasil onde vemos diariamente propagandas de folhas inteiras de páginas? Interesse de quem por trás de tudo isso, vocês imaginam de quem seja? Bingo.

  4. Felizardo Fonseca Responder

    Passando o rastelo, as reportagens da Gazeta do Povo podem ser um tiro no pé… dado pelos novos independentes do jornalão.

  5. Tem mais coisa com ligação no tal Norte…Talvez eu não esteja falando a mesma coisa que o “tô por dentro”, mas o Ministério Público ESTADUAL pode dar mais detalhes para PF.

  6. Gente, esta foto do Carlos Simoes esta otima!!!!
    Por essas e outras que eu acho que o Beto nao precisa dessa gente!!!!

Comente