Uncategorized

Deboche, incoerência, as críticas à candidatura de Maurício Requião para conselheiro do TC

O deputado Valdir Rossoni, líder da oposição, deu entrevista hoje ao jornalista Rafael Sibila, da rádio Band News e explicou que se Maurício requião for conselheiro, só poderá analisar contas do estado em 20022. Ou seja, vai se aposentar anyes de começar a trabalhar. Ouça o que disse Rossoni:

Rossoni ressaltou, ainda, que a Assembléia não está fazendo uma escolha normal, democrática, mas sim sofrendo uma imposição do governador Requião que usa a máquina do estado para impor o irmão. Ouça:

5 Comentários

  1. Vamos ser sinceros. Precisava gente mais qualificada que estes deputados estaduais para criticar a indicação de Mello e Silvinha por Mello e Silva. Esse tal Rossoni, líder do governo Lerner, que deu justificativas para a venda da Copel e para a nomeação do cunhado de Lerner, Naigeboren, para este mesmo cargo de conselheiro do TCE. Isso atrapalha os esforços para impedir esta vegonhosa nomeação, como também foi vergonhosa a nomeação do cunhado de Lerner. Será que nesta imensa província não tem alguém sem o rabo preso p’ra capitenear esta campanha anti-mauricinho??? Esta provincía é mesmo uma roça sem fim…

  2. Esse Rossoni, falar em moral, uso de maquina governamental, parece piada, quem foi que usou melhor a maquina do estado ate hoje senão foi o mesmo cara de pau do Rossoni, esse deputado deveria calar a boca e ver o que ele já fez de mal para o povo paranaense .Acho eu que o Requião não deveria colocar o irmão dele como conselheiro mesmo porque ele tem boas qualidades e não precisa disso. Mas ter que escutar o Rossoni de paladino da moralidade me provoca nojo. ugh, ugh

  3. Mestre Deng disse algo assim: não importa a cor do gato se ele pega o rato.
    Diante do descalabro e anomia em que se encontra a vida política e administrativa pública no Paraná – e não é de hoje, é de trasanteontem – de algum lugar deve surgir uma reação e o começo pode ser um basta no compadrio para entrar de ratão do Tribunal de Contas e em qualquer cargo da administração para repousar nas mordomias e privilégios e se fazer de morto para o interesse público.

  4. Fábio:
    Concordo com o Jango. Alguma reação deve começar para pôr fim ao descalabro desse tiranete das Auracárias. Se já não bastasse tentar enfiar o irmãozinho mais novo goela abaixo do Tribunal dos Descontos, via Assembléia Inlegislativa, ainda mantém o irmãozão mais velho (Vovó Naná para os íntimos) “tocando” o Porto de Paranaguá, fonte conhecida de suprimento de recursos “com fins lucrativos”, podendo comprar até mansão em Paris com essa grana toda. Não contente com essa lambança, ainda esconde do povo as verdadeiras razões para a compra de 22 mil televisores alaranjados (ou seriam arco-irisados???), com ou sem pen drive, a preços fajutados (sempre contra o erário). Isso é que é GAFANHOTICE das boas; o predador Requeijão não se contenta com o muito, quer o máximo… e, pelo jeito, vai conseguir isso.
    Deus nos livre desse demo… o quanto antes..
    Se não for barrado logo, o baiacu fedido de Paranaguá continuará a empestar o ar das criancinhas obrigadas a ver na TV a Escolinha dos Requeijão, todos os dias.
    Haja engov…

Comente