Uncategorized

Carta indignada do leitor sobre declaração de Eduardo Requião

Recebi carta de leitor que expressa a crescente indignação dos paranaenses com o governo Requião. Vale a pena ler, pois é reveladora de algo que Requião & família ainda não perceberam: o sentimento de repúdio que se expande com rapidez.

Prezado Fabio Campana,

O atual “Superintendente” do Porto de Paranaguá declarou hoje no telejornal Paraná TV, às 19h00,na Rede Paranaense de Televisão, que qualquer “MALACO” poderia ser nomeado em sua função, desde que não pertença a sua família. É a reação de Eduardo Requião contra a resolução do STF que proibe o NEPOTISMO. Nunca vi tamanha desfaçatez e desrespeito com a sociedade paranaense.

Atenciosamente

Edson Pereira Ache / OAB-Pr. nº 5.134

17 Comentários

  1. Dr. Edson, sua indignação é a mesma que a grande maioria dos trabalhadores, estudantes e deste extraordinário povo paranaense que abomina e repele veementemente o posicionamento desta família Requião Melo e Silva, nepotista que nos envergonha perante todo o Brasil!

  2. Beleza de entrevista, deve ter feito curso em algum estábulo da Suiça. Deveria ter ficado quieto, porque só aumentou a nossa indignação.

  3. Qualquer um pode assumir desde que não seja parente..

    Isso é vergonha. Parente NÃO é sinonimo de vagabundagem…

  4. Está família Requião tem que sumir do mapa do Paraná, bando de aproveitadores que gostam de mamar nas tetas do erário público!

  5. Vigilante do Portão Responder

    Realmente, qualquer malaco pode assumir o Porto, desde que o MALACO não seja irmão ou parente do governador.

  6. Nestes exatos dias os filhos mais novos do sujeito estão sendo vítimas de discriminação em suas escolas, como se pudessem tomar qualquer decisão a respeito da conduta dos pais e tios.

  7. Perguntar não ofende; até sair a resolução do STF, a nomeação de Malaco podia ser da família Requião ?

  8. Juliao Cardoso O S Responder

    Não precisa ser malaco,pois malaco como Superintendente já temos. O Porto de Paranaguá precisa de gente que ajude o Paraná e a cidade de Paranaguá. Não é esmola não ,só o que é de doreito:o ISS do Porto não é recolhido Para o Município desde que o DUdu Requião assumiu o cargo. Por isso o candidato do Governo,em Paranaguá , está atribuindo a sua surra nas pesquisas ao apoio dos irmãos Requião.Agora já “grudou”,não dá mais para dizer que não é apoiado pelos caras.

  9. Parnanguaras a nossa arma contra esse desrespeito é o nosso voto. Por isso, dia 5 de outubro, nós temos duas opções: “ou quebramos a maldição, ou continuamos sendo amaldiçoados”. Eu quebro.

  10. É isso aí, Braga, de “malaco” a família Requião entende bem. Ou alguém aí esqueceu do “Ferreirinha”?

  11. Alouuuuuuu Galera, isso tudo eu já sabia…
    vcs é que demoraram para perceber a podrera que é essa familia.
    ACORDA PARANÁ, chega de bandidos na política.

  12. como fala uma jornalista do parana vovó não e fraca não todos nos paranaense somos o que ele falou por ter votado no seu irmão, como diazia Rafael Greca e a sua turma no passado a Maria Louca como era conhecido o Sr. Requião.

Comente