Uncategorized

Deputados se preparam para o recesso branco

Os deputados do Paraná podem entrar em “férias” a partir da semana que vem. A mesa executiva deve consultar hoje todos os deputados para decidir se fará “recesso branco” para liberar os parlamentares para as campanhas eleitorais até o dia 5 de outubro.

O primeiro-secretário da Assembléia, deputado Alexandre Curi, do PMDB, falou que a opinião dele e do presidente Nelson Justus, DEM, é que não haja recesso, mas há uma forte pressão para que as “férias” sejam concedidas. O deputado falou com Heliberton Cesca.

Na semana passada algumas votações tiveram que ser adiadas porque não havia quorum para votações. Treze deputados são candidatos a prefeito ou a vice-prefeito. O restante pretende usar o tempo livre para apoiar candidatos em cidades do Interior. Caso seja aprovado o recesso, não acontecerão sessões de votação na Assembléia, mas os deputados não terão nenhum desconto no salário pelo tempo que vão se dedicar aos assuntos pessoais.

7 Comentários

  1. É bastante simples resolver esse problema: basta anotar os nomes de TODOS os deputados e, quando chegar as eleições, se estiverem na lista, denunciá-los por desídia e displicência no trato da coisa pública.
    Só receberão votos se devolverem aos cofres públicos os dias parados. É assim no mundo empresarial, isso quando os funcionários não são demitidos por justa causa.

  2. Sou a Favor do Recesso!
    Aguentar Elio Rusch (Rei do Sutiã), Rossoni, Plauto Miró, é melhor entrar em férias.
    Aliás, férias o tempo todo!

Comente