Uncategorized

Aumenta inadimplência e diminui a venda a prazo em Curitiba

Dois sintomas da crise financeira internacional foram detectados em Curitiba e Região Metropolitana: o recuo das vendas a prazo e o aumento da taxa de inadimplência. A crise começou nos Estados Unidos, se alastrou pelo mundo afora, e já bateu à porta dos curitibanos.

De acordo com a Associação Comercial do Paraná, mais consumidores deixaram de pagar parcelas das compras às lojas, elevando a taxa de devedores de -0,14 de agosto para 0,21% no mês passado, enquanto o número de consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC), que sinaliza as vendas a prazo, registrou queda de 1,80% em comparação com o mês anterior.

Vale o raciocínio: “não vou gastar mais do que ganho, mas não consigo pagar tudo que devo”.

Comente