Uncategorized

Prefeitura não aparece em Audiência Pública sobre orçamento de 2009

Nenhum representante da Prefeitura compareceu à audiência pública realizada ontem, o que frustrou a expectativa de que o Secretário de Finanças, Luiz Eduardo Sebastiani, respondesse pessoalmente às críticas ao orçamento de 2009, feitas pela bancada petista.

André Passos, da Comissão de Economia, lamentou a ausência da Prefeitura. “Lamento que o secretário não tenha comparecido ao debate com a população. A ausência da Prefeitura desmerece a presença dos moradores levaram reivindicações”, disse o vereador André Passos.

O Secretário de Finanças afirmou que a oposição ao Prefeito esquece que as propostas de campanha estão no Plano Plurianual e não no orçamento. André Passos rebateu: “O Plano Plurianual, que será votado em 2009, é para o planejamento do orçamento a partir de 2010. Portanto, o que parece é que o Prefeito não começará sua nova gestão em 2009, já que o orçamento não prevê rubrica adequada para vários problemas que deveriam ser prioridade.”

André Passos ainda lembra que se a Prefeitura quiser, o PPA de 2009 pode ser alterado no começo do ano. “O PPa de 2009 pode ser adequado para o começo da 2º gestão do prefeito e esta então não pode ser a desculpa para que as promessas comecem a serem cumpridas”

Durante a coletiva de ontem, os vereadores petistas apresentaram análise feita sobre a proposta orçamentária de 2009, e afirmaram que muitas das promessas de campanha do prefeito eleito não são prioridade para 2009.

12 Comentários

  1. Isso é uma piada, fez uma campanha de factóides que não colou, agora tenta mais espaço na mídia marrom do mesmo modo.
    Será que haverá um novo “atentado”?

  2. A turma do PT ta raivosa mesmo, pois nunca vi um prefeito fazer tanta audiencia publica como o Beto.

  3. A presença deve ser opcional. Infelizmente tanto nesta legislatura como na próxima que vem há partir de 2009 a situação manda e desmanda, ao mesmo tempo que obedece o que lhe é imposto pelo prefeito.
    E assim o “caos” vai continuar, travestido de cidade modelo, cidade universitária, cidade de primeiro mundo e assim por diante.
    Pelo menos até 2010 (único momento em que tudo pode literalmente pegar fogo) só rezando.
    Difícil é lembrar que como cordeirinhos os curitibanos acreditaram e entoaram num só coro: FICA… FICA… FICA… FICA…. FICA… FICA… FICA… FICA…

  4. Os compromissos de campanha que o Beto assumiu e vai cumprir como sempre cumpriu todas as suas propostas eleitorais, são para os próximos 4 anos.

    O prefeito tem a obrigação de ver a cidade como um todo e nem a oposição pode questionar o fato de que ele em seu primeiro mandato fez muito pelo social e tenho a certeza de que no segundo irá fazer até mais.

    O próprio governo federal, que aqui bem pouco contribui, reconheceu que em Curitiba temos uma das melhores estruturas de saúde, educação e transporte do país, como somos também temos excelência em outras áreas da gestão pública.

    Está na hora da bancada de oposição, que é ligada ao governo Lula, em vez de fazer a crítica pela crítica cumprir o seu papel para que o mesmo faça justiça com Curitiba.

    Os recursos públicos que o governo do Lula repassa para a nossa capital são muito inferiores ao que repassamos aos cofres da União, estamos sendo lesados.

    Um exemplo: em 2007 arrecadamos R$ 9,9 bilhões de impostos federais e só nos foi repassado de volta R$ 825 milhões, sendo que destes R$ 665,2 milhões veio por transferências previstas na Constituição Federal e somente R$ 159,7 milhões foi quanto a União transferiu “voluntariamente”.

    Em 2008 o repasse que deveria ser feito como é previsto pela Constituição seria apenas de R$ 572 milhões, o que ainda não ocorreu na íntegra, e para 2009 o que nos espera é somente a transferência de R$ 724 milhões, sendo que mais uma vez não será o que merecemos, já que pela contribuição que damos deveria ser muito mais, pois o que nos é repassado nunca chega a 10% do que arrecadamos com o suor do nosso trabalho.

    Senhoras e senhores vereadores do PT em vez de jogar contra os interesses da população fazendo a crítica pela crítica trabalhem pressionando o governo federal, que é de vocês, para que a justiça seja feita para que Curitiba receba de volta o que moralmente por direito é seu.

    Caso vocês como membros da bancada de oposição, que aqui na Câmara representam o mesmo partido do presidente Lula, cumpram as suas funções e ajudem a corrigir as mazelas cometidas por este contras nós com certeza sobrarão recursos para fazer tudo o que a nossa capital merece, mas que ainda não é possível por causa da injustiça vigente contra Curitiba por parte do governo federal do PT.

    A cada R$ 100 pago pelo curitibano em imposto à União, a cidade recebe em média apenas R$ 8,32.

  5. Como assim! Critica pela xritica.O PT está fazendo sua parte sim! Esté certo! Quem leu a materia da Gazeta viu que nesta audiencia tinham muitos moradores fazendo pedidos, reivindicações e reclamações. Então…seria sim muito importante a Prefeitura comparecer para ouvi-los e explicar o orçamento!

  6. Vigilante do Portão Responder

    O povo lerdo, a audiência é para PROPOR EMENDAS AO ORÇAMENTO, para quem não sabe é tarefa do LEGISLATIVO. Os vereadores deveriam estar presentes. O PT e sua tropa (sic) é que insistem em ter um segundo turno na marra. O objetivo da oposição é bem claro, querem constranger o Beto Richa.
    Essa balela de que o orçamento não vai permitir o cumprimento das promessas, é daquelas bobagens que só uma oposição burra é capaz de dizer. Perguntem ao PT sobre a promessa de criar 10 milhoes de empregos, feita pelo Lual, ele fêz tudo no primeiro ano ou no segundo?
    Então, no caso das creches é a mesma coisa. Vão ser constrídas ao longo do mandato.
    A turma do PT + Da. Gleisi, que trate de pressionar os ministros, inclusive o Paulo Bernardo, para liberar a grana para o Estado e para Curitiba. Na campanha ela (Gleisi) falou que era amissíssima do Lula e da Dilma, que consiguiria milhões em verbas para a cidade.
    ERA MENTIRA, a gazetona mostrou que o LULA não liberou um tostão das emendas feitas para beneficiar o Paraná. e o Maridão, Paulo Bernardo é Ministro do Planejamento.

  7. Tá certo! O Beto Richa ao dizer que o plano de governo estará no Plano Plurianual de 2010…assume que sua nova gestão começa apenas em 2010…e como ele será candidato né…então nem em 2010 ele vai começar…

  8. Xí! Nem bem começou e já estão dando vaza para as oposições. Assim começa mal. Se está tudo certinho e o pessoal do staff entendo do riscado por que não ir até a Audiência Pública? Por que não se preparam para responderem os questionamentos que, com certeza, iriam ocorrer como de fato parece ter ocorrido? Administração com transparência preocupada em bem servir a população começa nos pequenos detalhes. Não é verdade? Portanto, como prenúncio de atuação na próxima gestão começou pisando na bola. Gente, o povo de Curitiba pode até ter dado aquela votação recorde mas exige um pouco mais de respeito com a coisa pública. De outra forma vai terminar por aí.

  9. Esses Petistas, como a Cris que é do “coletivo” do andré passos são muitos despreparados.

  10. Esse André Passos está tendo um triste fim de mandato. Não aprendeu nada de legislação. Todos na Câmara sabem que a Audiência Pública era do Legislativo com a população. Quis fazer palanque e não teve possibilidade, e aí se deu mal e ficou falando sozinho. Quis criar fato.
    Que Feio menino tonto!

Comente