Uncategorized

Rusch destaca seriedade de Belmiro Valverde

O artigo “Duas palavras malditas” do professor Belmiro Valverde Jobim Castor, publicado na edição do jornal Gazeta do Povo do dia 30, será incluído nos anais da Assembléia Legislativa. O texto foi lido pelo líder da Oposição, deputado Élio Rusch (foto), do DEM, durante a sessão de hoje.

Valverde se declara contrário à proposta do governo estadual de alterar as alíquotas do ICMS, elevando assim o percentual cobrado sobre energia elétrica, gasolina, telecomunicações, bebidas alcoólicas e cigarros.

A opinião de Valverde corrobora a do líder oposicionista que já declarou a intenção de votar contrário ao projeto. “Todos têm o direito de se expressar livremente. Cabe a cada cidadão concordar ou não, mas em nenhum momento desqualificar a idoneidade do autor, um homem paranaense que tem um currículo invejável”, disse Rusch criticando a atitude de Luiz Claudio Romanelli ao tentar desqualificar Valverde.

7 Comentários

  1. Esse Romanelli é um amador desqualificado, vive perdendo excelentes ocasiões para ficar calado!

    O Professor Belmiro é o máximo, esse país seria muito melhor se existisse mais cérebros como o dele nas salas de aula e na administração em geral!!!

    Palmas para o Deputado Rusch pela iniciativa!!!!!

  2. A grande verdade é que a Justiça vem dando ganho de causa às concessionárias e os aumentos vem acontecendo. Por outro lado, o passivo resultante das ações judiciais que o Estado vem perdendo está assomando a casa dos milhões a ser cobrado do erário público. – dinheiro do povo.

    Levantamento efetuado pelo Jornal do Estado, um ano atrás, dá conta que “as concessionárias calculam em R$ 170 milhões o montante que pretendem cobrar na Justiça por conta dos prejuízos materiais causados por invasões e depredações das praças de cobrança, os dias em que as cancelas foram mantidas abertas por manifestantes, desequilíbrios contratuais que não foram revistos pelo governo do Estado e os dias que as empresas deixaram de aplicar os reajustes tarifários por falta de autorização do Estado.” (coluna “Na ponta do lápis” de 07/10/07)

    A renitência ou incompetência do governo em resolver a questão vai resultar num prejuízo milionário aos cofres públicos. Esta responsabilização ninguém parece interessado em enfrentar, embora muitos discursos tenham sido feitos sobre o assunto. Como sempre querrrem deixar o esqueleto para o próximo governo e, a final, como sempre também, para o povo do Paraná pagar, quando este governo – governante e sua “base de apoio” – já longe estiverem dos cargos e mandatos no Poder Público.

    É lícito conduzir os destinos do Estado causando passivo de tal monta ? As ditas autoridades de controle público se fazem de desentendidas e a sociedade está tomada pela anomia reinante, não reage, não preza o seu dinheiro colocado nas mãos de governantes que dele fazem o que bem entendem. O deputado Romanelli fura ilícitamente catracas de postos de pedágio e não sofre nenhuma reprimenda. O povo vai pagar este prejuízo e parece que não se importa.

    Em vista disso, quando levanta-se uma voz contra a “Reforma Peter Pan Inversa”, aquela que tira do povo para encher as burras do governo, e analisa-a com fundamento e autoridade, expressando o que a população já está presentindo, temos que manifestar pleno apoio. Só disse verdade. Deve esta triunfar e não a mentira o engodo. No mais, a sociedade segue muda e cordeira. É lastimável.

  3. O Roubaneli como o rei lhe chama, ou o “fura pedágio”, adquirido por suas atitudes transloucadas, agora passa o vexame de ser ditatorial e beirar o ridículo perante a opinião pública paranaense, que reconhecem no Prof. Belmiro uma pessoa de bem, equilibrada, inteligente, preparado, amigo dos amigos e acima de tudo um “paranaense” de corpo e alma, que orgulha a nossa terra!
    Houve a oportunidade, mas o Roubaneli Fura Pedágio perdeu a oportunidade de calar-se.

  4. Sem muitos comentários, mas com o perdão da expressão, “PQP”, não há como comparar ou fazer qualquer analogia entre o Dr. Belmiro e essa “coisa”…

  5. Vigilante do prtão Responder

    O artigo do Professor Belmiro foi brilhante, tocou exatamente no ponto fundamental; Desnudou a reforma proposta pelo governo, vaticinando que ela vai aumentar a carga tributária.

  6. VIGILANTE DA 147 Responder

    O professor Belmiro é seguro em seu pensamento, não há contestação em suas palavras.
    Espero que outras respeitáveis personalidades de nosso estado ( formadores de opinião, políticos, mestres, etc) se manifestem publicamente.

Comente