Uncategorized

Estudante baleada em Caiobá respira com ajuda de aparelhos

osiris-del-corso

Na foto ao lado, o estudante Osíris Del Corso, de 22 anos, morto no sábado.

Matéria de Gladson Angeli na Gazeta do Povo:

A estudante de 23 anos, baleada em uma gruta da Praia dos Amores, em Caiobá no Litoral paranaense, no fim de semana, foi transferida para o Hospital Vita em Curitiba na tarde desta segunda-feira (2). Segundo boletim médico, a jovem respira com auxílio de aparelhos.

Ela foi trazida de helicóptero de Paranaguá, no Litoral, onde estava internada desde a tarde de domingo (1º). A jovem chegou por volta das 15 horas com quadro estável, pressão normal e acordada. O hospital informou que a estudante ainda passaria por exames de imagens para obtenção de mais detalhes para o diagnóstico. Um novo boletim deve ser divulgado às 11 horas de terça-feira (3).

As polícias civil e militar criaram uma força-tarefa no Litoral para buscar o homem que baleou e violentou a jovem e matou o namorado dela, Osíris Del Corso, na noite de sábado (31). Ao todo, quatro delegados, além de policiais militares, investigadores e agentes dos serviços de inteligência da Polícia Civil foram mobilizados para o caso. Até por volta das 19h30, a polícia não tinha informações sobre a identidade do autor do crime.

Osíris Del Corso tinha 22 anos e era estudante de Direito. O corpo do rapaz está sendo velado no Cemitério Parque Iguaçu em Curitiba. O sepultamento está marcado para as 10 horas de terça-feira.

Tragédia

O crime aconteceu na tarde de sábado (31), quando o casal, que é de Curitiba, estava em uma trilha no Morro do Boi e tentava chegar à Praia dos Amores. No caminho, os dois teriam pedido informações a um desconhecido, que teria se oferecido para levá-los até a praia.

A moça contou aos bombeiros que, chegando à gruta da praia, por volta das 17h30, o agressor tentou abusar sexualmente dela. Na tentativa de defendê-la, o namorado levou um tiro no peito e morreu. A moça foi atingida por dois tiros nas costas, um deles na coluna, e ficou caída no local, enquanto o agressor fugiu. Perto das 21 horas, segundo relatos da própria vítima aos bombeiros que a resgataram, o agressor voltou até o local do crime e a violentou.

De acordo com Luiz Alberto Cartaxo Moura, coordenador geral da Operação Verão e delegado-chefe da Divisão Policial do Interior, diversas pessoas já foram ouvidas, mas informações sobre o suspeito do crime só vieram até eles por meio do relato da vítima.

Segundo a polícia, o homem aparenta ter entre 28 e 30 anos e aproximadamente 1,75 metro de altura. Ele seria moreno claro, com cabelo “ralo”, meio calvo e rosto redondo. “Estamos aguardando a recuperação dela para ter uma melhor descrição do indivíduo”, afirmou Cartaxo. Ele conta que a polícia trabalha com a hipótese de que as agressões e disparos tenham partido somente de uma pessoa.

Buscas e resgate

Apesar de o crime ter ocorrido no sábado (31), os dois só foram localizados na tarde de domingo (1º). Segundo o tenente Santos, do Corpo de Bombeiros, a família do rapaz – que também estava no litoral – ligou para a corporação comunicando o desaparecimento do casal na manhã de domingo. Com a informação de que eles poderiam estar perdidos no Morro do Boi, os bombeiros iniciaram as buscas. O pai do jovem, com a ajuda de um vendedor ambulante, foi quem encontrou o casal no morro.

Por volta das 13h30 a jovem foi levada de barco para a Praia Mansa de Caiobá, e, depois, de ambulância para o Quartel dos Bombeiros de Matinhos. Próximo às 16 horas, ela foi encaminhada para o Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá, em estado grave, de helicóptero.

19 Comentários

  1. Nosso pêsames para a familia do Rapaz Morto e que Deus ilumine essa moça e que retorne ao convivio de seus familares, agora esperar da policia do Paraná, que solucione essa caso e esperar muito…..o comando sem comando …

  2. Assim como não resolveram o homicidio da cruança que foi encontrada numa mala na rodoferroviaria, também não vão resolver este. Com Requi e caterva incompetente o que esperar?
    Nossos pesâmes aos famliares, pena de morte para o delinquente.

  3. Será mais um caso em que a “Secretaria de Segurança Pública” do Paraná deixará sem respostas?
    Delazari é uma vergonha como Secretário, de um Governador Patife!

  4. Senhor Jus, vê se é hora de fazer críticas à polícia! Lamente apenas a crueldade cometida contra esse casal. Estamos todos entristecidos com a morte dele e com o tamanho da bestialidade de seres humanos.

  5. A mais contundente face do Amor é morrer defendendo o ser amado. O mundo perdeu alguém que soube amar. Todos perdemos com a morte de pessoas superiores como este rapaz. Meus pêsames aos familiares. O Pai da Criação é também o Pai do Amor. “a morte é só uma curva na estrada da vida”

  6. esse problema ja vem acontecendo a anos só que raramente as vitimas não chegam a ir até a delegacia e fazer a denuncia por vergonha ou até mesmo medo,a 7 anos atraz um cara com essas mesmas caracteristicas tambem no morro do boi atacou eu e meu ex marido tentou me violentar mas por milagre de deus chegaram dois rapazes que avia se perdido na trilha assim como nos q tambem aviamos nos perdido e eles viram foi assim que entao ele se assustou e fugio entao nos corremos ………..mas precisou esse crime acontecer tomara que eles peguem esse bandido

  7. Lamento muito o ocorrido…já andei em trilhas com amigas e em praias desertas. Infelizmente a cada dia estamos mais prisioneiros em nossas casas, pois a cada acontecimento HORRÍVEL como este, percebemos que há CRIMINOSO onde menos a gente espera e o pior, com cara de bonzinho, santinho e solidário. À família meus sinceros sentimentos e espero que em breve capturem este ANIMAL SELVAGEM e IRRACIONAL.

  8. naquela região há vários atrativos preparados para os turistas, infraestrutura e segurança, o que não se aplica aquele local, infelizmente o pior aconteceu, mas não fica longe do caso do Champinha, casais de jovens que só querem curtir e vão para locais desertos, imprudência da juventude, nos dias de hoje devemos nos divertir pensando também em segurança, agora só falta a policia prender o criminoso para sabermos o resto da história.

  9. Sra.Aline fico intensamente preocupado em saber que pessoas como você, que ja tenham passado por uma situação dessa se calou. Temos que por um fim no silencio, ele só contribui ainda mais com esses assassinos, criminosos.
    Vamos colocar a boca no “trambone”, quem saiba assim livramos as próximas vítimas!!!
    Para a famila´desses jovens, desejo que eles se apoiam em Deus, que só assim o sofrimento ficará menos intenso.
    Creiam em Deus e um milagre pode acontecer.
    abraços.

  10. Não devemos JAMAIS comparar a crueldade deste indivíduo como animalesca. Os animais matam apenas por fome ou defesa, já o homem mata por prazer. É triste para qualquer pai e mãe perder um filho, não fomos preparados para isso. Mas li certa vez que os filhos são jóias que Deus nos empresta para que cuidemos delas por Êle e um dia ela as pede de volta.
    Não serve de consolo, pois é lamentável o acontecido para ambos, o jovem que se foi e a garota que levará a tristeza para sempre.
    Aos pais minha solidariedade como mãe.

  11. MEUS PESAMES PARA A FAMILIA ILUTADA , E TAMBEM UMA OTIMA
    RECUPERÇAO PARA A MOÇA
    E KE, ESTE MONTRO SEJA PRESO
    E FEITO JUSTIÇA *******************

  12. meus pesames a familia do jovem e boa recuperação para a moça. vendo isso sou favoravel a pena de morte matou cruelmente . morre da mesma forma. porque um animal com esse nao deveria viver . pena de morte ja.

  13. Acho que poucas pessoas sentem o que eu estou sentindo… Ela.. a namorada do osiris.. ela é minha prima.. a monike nunca fez nada de ruim a ninguem… sem pre foi uma otima prima.. mesmo a gente não tendo muito contato ela sempre foi e é minha prima… e tomara que algum dia essa demonio pague por tudo que ele fez com minha prima e pelo que ele tentou fazer com a aline..vÁ com DEUS Osiris e que DEUS te ilumine monike…

  14. As trilhas em matas e praias desertas realmente são muito lindas e atrativas, tanto para pessoas idôneas quanto para marginais. Devemos instruir nossos filhos, amigos, parentes e colegas a NUNCA irem sozinhos a esses lugares e sim em grupos. Não há palavras que amenizem a dor da perda de um filho nessas condições.

  15. Bem que a Sra Aline acima e seu marido que também foram atacados no mesmo local conforme ela relata aí acima, poderiam prestar alguma informação à polícia. Pode surgir aí alguma prova útil para elucidar o caso, apesar dos anos decorridos. Muito hediondo e covarde esses crimes

  16. Vá em paz. Seja feliz Osiris.
    Mas deixa colocarmos a mão no FILHADAPUTA que fez isso com vcs…

  17. ESSE EH O MUNDO Responder

    ISSO AI QUE OS SERES HUMANOS FAZEM COM OUTROS SERES HUMANOS… CARA, O MUNDO TEM Q ACABR MESMO, TEM Q CAIR UM METEORO AKI E ACABAR COM TODA A HUMANIDADE, AI SEPARAM OS Q VAUM PRO CEU E PRO INFERNO… CHEGA DISSO, CHEGA DE CRUELDADE, CHEGA DE VIOLENCIA, CHEGA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Comente