Uncategorized

11º Distrito: uma bomba-relógio prestes a explodir

delazari

Três meses depois da rebelião que deixou um detento morto e três feridos em janeiro, nada foi feito na carceragem do 11.º Distrito Policial, na Cidade Industrial de Curitiba. As celas continuam destruídas e as grades praticamente não existem mais. Os presos caminham livremente pelos corredores superlotados. Hoje, 151 homens ocupam um espaço destinado para o máximo de 40 pessoas.

Em entrevista à rádio Banda B, o delegado Gerson Machado, disse que já levou o caso ao seu chefe imediato, delegado-geral da Polícia Civil do Paraná, Jorge Azôr Pinto. “A responsabilidade é dele. Ele manda os presos e a gente recebe. Tem que receber, afinal, sou subordinado a ele”, disse o delegado.

Só hoje, três meses depois da rebelião, um engenheiro da Secretaria de Obras foi até o 11º distrito para fazer um orçamento do que será preciso para recuperar a carceragem. Foram necessários 90 dias só para que a visita acontecesse. Imagine então quanto tempo vai demorar para que o secretário de Segurança Pública, Luiz Fernando Delazari (foto), autorize a reforma da delegacia e a transferência dos presos?

8 Comentários

  1. Esse Rambinho de Cozinha é um incompetente mesmo. Não consegue verba pra segurança desde que se casou como o cargo.

  2. herança maldita Responder

    Em breve vem a famosa desculpa, “herança maldita” do governo tal…. o nome disso é incompetência, inoperância! Mas o final de governo está chegando, já tem muito secretário com dor de barriga, é desarranjo intestinal todo dia….. Novos governantes em breve, adeus incompetentes de plantão.Diarréia geral, acabando a teta!

  3. O Sr. Secretário “metira”(pois tem pernas curtas), além de incompetente, é de uma irresponsabilidade tremenda, após a explossão da bomba, talvés ele monte uma comissão para analisar os problemas?

  4. Fábio, tínhamos que montar uma força-tarefa para descobrir aonde o Bob Ternura tem o rabicó preso com esse rambinho. Não é possível esse incompetente permanecer tanto tempo num cargo tão importante e só estar causando merda para a população paranaense. Estão brincando com coisa seríssima!!!

  5. O próximo governador que assumir, e espero que seja Álvaro Dias, terá uma tarefa pesada pela frente – limpar os quadros do Estado dessas figuras.

Comente