Uncategorized

Ministério da Justiça obriga Maristela a decidir entre Museu e secretaria

maristela1

O Ministério da Justiça encaminhou nesta semana um ofício à Oscip -Organização da Sociedade Civil de Interesse Público Sociedade dos Amigos do MON (Museu Oscar Niemeyer) – informando que a permanência de Maristela Requião à frente da organização é irregular, pois ela ocupa o cargo de secretária especial do governo. A primeira-dama precisará decidir entre o cargo de secretária especial do governo e o de presidente da Oscip.

A artimanha de Requião para manter Maristela no governo e driblar a Sumula antinepotismo nº 13 do STF, foi dar a Maristela o cargo de secretária especial. A lei é clara: secretária especial, como Maristela, não pode ter cargos de direção em organizações não-governamentais (ONGs) que possuem o título de Oscip (concedido pelo governo federal), receber salário para isso e, ao mesmo tempo, receber pagamento também por ocupar um cargo público do governo.

17 Comentários

  1. Até quando este Nepotismo desbragado será convivido pela população Paranaense?
    Não eleição de Requião para mais nenhum cargo político seria o troco do povo paranaense a tanta falta de vergonha na cara!

  2. Ela deve ser obrigada é a devolver o dinheiro que recebeu indevidamente ocupando irregularmente esse dois cargos. Devemos, com certeza, dar a resposta nas eleições do próximo ano. Fora caudilho do canguiri!

  3. Por um acaso o nome do Museu que se refere tem a inicial do nome com a letra ( R ) se for ela bem que vai preferir a Secretaria mas como será mandada terá de ficar com o Museu.

  4. É melhor que fique no museu,pois pela sua idade´.E o que já fez pelo Paraná,em ter um marido desses,fica no museu…….

  5. A Fani não era nepotismo, nimguem falou nada, até foi elogiada. Dois pesos e duas medidas.

  6. RELATÓRIO FINAL Responder

    Enquanto Fani Lerner esteve à frente de ações sociais para as crianças, temos uma que entende bem de Tarsila do amaral, Portinari, Debret, Cçoud Monet.

  7. A ocasião pode até ensejar um revezamento e uma boa experiência: Maristela, como Governadora, e Requião, pilotando o Museu. No Museu, Requião poderá colocar em exposição várias figuras sinistras do seu Governo, enquanto que, no Palácio, Maristela poderá surpreender com o seu talento e a sua inteligência. O povo vai gostar.

  8. deveria cassar os 2 cargos chega de roubo,é um vexame nacional o que ocorre aqui no paraná eu sendo gaucha mas morando aqui em curitiba tenho pena dos paranaenses,é o fim da picada,espero que o povo paranaense de o troco nas prossimas eleiçoes,este requiao na pega nem resfriado mais,fora nepotista já.

  9. Eguinha Pocotó Responder

    Aquela anta quadrúpede não sabe nem quem é Fellini e quer ficar à frente de um Museu de renome. Ela devia é ficar sem nada.Agora eu não entendi: ela tem o cargo de secretária mais o de diretora do Museu, mais o de direto da Oscip? São 3 cargos ou dois?
    Que eu saiba o cargo de secretária equivale ao Mon. É o mesmo. Mas bem que ela não poderia ter opção nenhuma…

Comente