Uncategorized

Osmar Dias debate o desenvolvimento do litoral

projeto-parana-encontro-em-paranagua-4

O Senado Osmar Dias coordenou o debate de idéias sobre o desenvolvimento do litoral paranaense neste sábado, 6, em Paranaguá, em torno de um Plano de Governo para o Estado a ser apresentado em 2010.

O prefeito de Paranaguá, José Baka Filho, destacou a importância do debate em torno do Projeto Paraná para o desenvolvimento do litoral.

“O Paraná precisa desta discussão. No litoral temos uma grande diversidade, o segundo maior porto do País, cidades históricas e áreas de proteção ambiental. Vivemos situações diversas ao longo do ano. É uma região que precisa de alternativas de desenvolvimento”, disse Baka.

O encontro suprapartidário realizou-se no Instituto Superior do Litoral do Paraná (Isulpar), em Paranaguá. Deputados, prefeitos e vereadores prestigiaram o evento. O deputado estadual Marcelo Rangel PPS, destacou o trabalho do senador Osmar Dias na construção de um projeto ouvindo a população paranaense em cada região do estado.

O deputado estadual pedetista, Luiz Carlos Martins, afirmou que Osmar Dias está preparado para governar o Paraná em 2010. “Osmar Dias tem uma visão global do estado e está preparado para governar o Paraná.Estamos participando dessas caminhadas com o apoio de vários partidos. Temos uma aliança formada que não é brincadeira. É séria e tem compromisso para 2010”, afirmou Martins.

Porto Público

Osmar Dias afirmou que os portos de Paranaguá e Antonina continuarão sendo públicos e que dependem de gestão moderna para potencializar o desenvolvimento econômico do Estado. “O Porto de Paranaguá tem que ser público com administração profissional que possa colocar o terminal a serviço do desenvolvimento do Estado e reduzir custos para aqueles que utilizam o porto para importar e exportar”, disse.

Osmar salientou que é um privilégio ter um porto. “As portas de entrada e saída das riquezas do nosso estado não podem ser privatizadas. “Em Paranaguá são necessárias as obras de dragagem, que estão atrasadas e oneram o setor produtivo. Cada dia de espera de um navio custa US$ 30 mil que são pagos por quem exporta ou importa. Também é necessária a ampliação do cais oeste e a construção de um terminal de fertilizantes”, observou Osmar que defende também a implantação de um terminal de passageiros para fomentar o turismo no litoral.
O senador destacou que cabe ao Estado honrar a dívida de ISS de cerca de R$ 30 milhões que o porto deve à prefeitura de Paranaguá. Osmar informou que conseguiu viabilizar junto ao governo federal emenda de bancada no valor de R$ 12,8 milhões, para embelezamento das praias e para promover o fortalecimento da indústria turística do litoral, o que deve ajudar bastante a região a receber visitantes durante a Copa do Mundo de Futebol, em 2014.

Na área da saúde, Osmar destacou que não basta construir hospitais sem investir em pessoal. “Não basta construir a estrutura física. É necessário contratar profissionais de saúde. Temos que adequar o orçamento do estado às necessidades da população. A Constituição exige que se aplique 12% do orçamento do Estado na saúde pública. É um percentual que tem que ser aplicado integralmente, como também os 15% pelo município. Não se pode contabilizar no cálculo de investimentos para saúde o saneamento, pagamento de servidores Aposentados e outras atividades. Podemos fazer parcerias para a administração dos hospitais, em consórcios com a iniciativa privada que são alternativas para melhorar a saúde”, disse o senador paranaense.
Com relação à segurança, Osmar Dias afirmou que pretende ampliar em todo o Estado projetos de municípios que deram certo. Entre eles, o principal será a polícia comunitária. “Ela está mais perto e acompanha o que ocorre em cada bairro ou local”, explicou. Sobre a relação entre meio ambiente e desenvolvimento social, o senador defende que haja equilíbrio entre “produzir e preservar”. “E esse desafio sabemos enfrentar”, assegurou.

20 Comentários

  1. Tarso de Castro Responder

    Tenho uma sugestão para acelerar o desenvolvimento do litoral paranaense: entregar a sua administração para o Governo de Santa Catarina…

  2. Adriana Munhoz Roch Responder

    Pouco representativa a reunião. E cadê as lideranças e os partidos políticos? Abandonaram o Osmar…

  3. Esse Urtigão não conhece é nada. Ele conhece sim é da sua Fazenda lá no Estado do Tocantins!

  4. Antes de qualquer outra iniciativa, cabe despoluir nossas praias.
    Os recursos gastos com a “Operação Verão” são parecidos com aqueles dos bancos públicos usados para o desmatamento indiscriminado nas propriedades agrícolas. Ou seja, o incentivo ao uso do recurso público, para objetivos condenados.
    A operação verão, é meritória em si. Mas acaba incentivando grande afluxo de pessoas para uma temporada em praias de “balneabilidade condenada”.
    Portanto, antes de grandes projetos futuristas, é preciso sanear e dar condições de salubridade ao que já existe.

  5. Taí uma discussão oportuna e interessante. O litoral, abandonado por sucessivas administrações estaduais e só lembradas interesseiramente às vésperas de eleições, está prestes a se tornar a nossa “baixada litorânea” (semelhante à baixada fluminense, entreposto de marginalidade e pobreza). Assim como a região de Adrianópolis faz-se necessária uma presença forte do Estado para equalizar o desenvolvimento de acordo com as características de cada região. Tomara isto não fique só no discurso pré-eleitoral, e não somente Osmar, mas os porventura outros candidatos, e principalmente o próximo governador, dê este passo inicial, com competência e decisão. Parabéns ao senador Osmar e ao prefeito Baka Filho.

  6. Recado para o Ricardo, O Osmar só será governador sem o Beto em Tocantins ( na sua fazenda)………

  7. SYLVIO SEBASTIANI Responder

    O Paraná para a proxima eleição tem excelentes candidatos ao Governo, com larga experiência: Álvaro Dias, ex-Governador, 3 vezes Senador, Presidente da Telepar, vereador, deputado estadual e federal; Beto Richa, deputado estadual e Prefeito de Curitiba e Osmar Dias, duas vezes Secretário da Agricultura, 2 vezes Senador, portanto 16 anos no Senado Federal. Assim o povo tere opção de homens dignos, preparados para Governar o nosso Estado. Portanto o jogo está na mesa, para os paranaenses escolherem, entre os três.Vamos esperar para ver, mas o povo pode já opinar através das consultas em Pesquisas.Isso é o que conseguimos após muitos anos de ditadura.

  8. Viu faxineiro, continua limpando a assessoria de comunicação da prefeitura, porque a do Palácio Iguaçu você vai continuar enxergando da tua janela.
    2010 é Osmar Dias com apoio do Lula e do Padre Reginaldo Manzotti, e com o bônus da Dilma Presidente… vamos mandar o Serra de volta para o “exílio” no Chile.
    P.S.: Tinha mais de 170 rádios transmitindo a entrevista coletiva do Osmar para todo o Estado, e o Padre Reginaldo Manzotti também participou… quantas emissoras de rádio transmitiram o evento do Beto Lerner em Foz??

  9. Sou parnanguara e no sábado não se ouviu nem um foguete com a chegada do Osmar. Foi a festa mais despristigiada da política paranaense nos últimos anos. Só tinha cargos comissionados de Paranaguá e Morretes, duas prefeituras do PDT no litoral. Político mesmo, só Osmar e Ricardo Barros.

  10. Recado para o Andre, o problema do Osmar não é falta de comunicação, porque quando o Osmar se comunica perde o voto (O povo não entende o que ele quer e quando entende não concorda)…….. Fora Urtigão: Tocantins já……

  11. Osmar para o senado, sem meu voto. Beto para Governador, com o meu voto. Joao Elisio para Senador com o meu voto

  12. ESSE CARA DE JECA SO TEM O NOME, QUER MESMO É ESTAR DE BEM COM OS PODEROSOS PARA PODER MAMAR, MESMO QUE ISSO SEJA O SUICIDIO COLETIVO DE NOSSA SOCIEDADE. EU DE MINHA PARTE FICO COM O POVÃO , ISSO É PESSUTÃO E REQUIÃO.

  13. Ricardo Barros(PP) estava lá em Foz na sexta aplaudindo a senadora Kátia Abreu (DEM) dando porrada no PT e no Minc e no sábado estava fazendo o jogo do governo federal em Paranaguá.
    Ele e o filhote dele em Paranaguá são dois fisiológicos.
    O Ricardo(PP), presidente da câmara tira foto com Beto, vai de Requião e conversa com a Gleisi.
    A festa do PDT foi um fracasso. Prevista para ira até o final da tarde, terminou as 13 horas.
    Se o Osmar e o PT depender desses caras para ganhar a eleição, tamo tudo ferrado.

  14. Com certeza Osmar Dias Governador , Chega de prefeitos de Curitiba ser governador, eles não fazem nada pelo estado só trabalham por curitiba,,, outro Jaime Lener ninguem merece..

  15. PORRETE DE LAPACHO Responder

    vendido, pangarè, criou-se na sombra do irmao àlvaro. traidor votou a favor da cpmf, chupa ovo do lula…

  16. Eu acho que o Osmar Dias é um bom candidato ao governo,mas com a ajuda do Baka em Paranaguá , pelo menos aqui no litoral vai perder feio para o Beto,Baka prometeu na sua campanha um monte de coisa , mas na verdade, não vai fazer nada,então está apostando tudo em Osmar Dias para ser o superentendente do porto é a unica coisa que lhe resta, porque para político não ganha nem para vereador.

  17. Caramba!!! Diriam os mexicanos.

    Pois é, neste sábado fui até o aeroparque, obra articulada pelo ex-prefeito Roque, em Paranaguá, acompanhado do meu filho de 5 anos. Quando estávamos a terminar nossa passagem por aqueles bonitos “standes”, onde as empresas que utilizam o solo paranaguara vislumbrar um momento de reposição social e ambiental (sic). Ora!!! Enquanto ali eram mostradas imagens e sifras dos gigantescos investimentos para com a restauração dos manguezais, ao mesmo tempo fartos 300 m² estariam sendo derrubados para a construção de casas dentro dos mesmos manguezais, no entanto, nenhuma autoridade, de fato, se movimenta para acabar com a invasão desordenada…. e Paranaguá vai vivendo, ou sobrevivendo de mentiras ou trocas de “6” por meia dúzia.

    Falei tanto de meio ambiente, cenários e investimentos que contrariam o que realmente é dito nesses mega eventos, a ponto de esquecer de citar a passagem do Senador Osmar Dias enquanto eu mostrava uma muda de palmeira ao meu filho, assim se mostravam todos que ali estavam – nem ai pro BAKA e OSMAR, aliás, isso mostra a revolta do povo parnanguara com os administradores atuais. No mesmo dia Alceuzinho Maron não conseguiu entrar nos stands, pois a pessoas queriam tirar foto com ele, suponho que se o Beto Richa estivesse nesse evento, não conseguiria entrar também. Lamento povo do PDT, mas não dá pra segurar o Beto Richa em 2010.

  18. Jonatan Trintin Responder

    Todo mundo sabe que esses encontros suprapartidários realizados por Osmar Dias e os seus, não possuem outro objetivo a não ser correr atrás do prejuízo causado pela sua falta de criatividade e compromisso com o povo paranaense perante o Senado Federal.

    Aqui no litoral, principalmente em Matinhos, o Osmar só apareceu na época de campanha. Em 2006 veio pedir votos pra ele, e prometeu um monte de coisa por nossas praias. O que ele fez? Nada.

    No entanto, no ano passado, voltou para pedir votos para o atual prefeito, como forma de agradecer ao apoio recebido há 3 anos atrás. Enfim…

    Não é a toa que as pesquisas em Paranaguá apontam diferença de 10% entre ele e o primeiro colocado.

    Eu vou de Beto, Matinhos vai de Beto, o litoral vai de Beto… e a melhor coisa que o Osmar deveria fazer agora, é voltar-se para uma candidatura ao senado, se não quiser ficar quatro anos sem cargos, sem regalias, sem imunidade parlamentar, e sem passagens aéreas.

    E TENHO DITO.

  19. arthur pinheiro sousa Responder

    confio em vc e sei que você está fazendo de tudo para mudar paraná obrigado

Comente