Uncategorized

Governistas ignoram acordo e CPI da Petrobras não será instalada

JucaVirgilioRenanLMar

De Josias de Souza, na Folha Online

No último dia 17, uma quarta-feira, reuniram-se no Senado quatro líderes: José Agripino Maia (DEM), Arthur Virgílio (PSDB), Renan Calheiros (PMDB) e Romero Jucá (Governo). Discutiram a encrenca que retarda, há mais de 40 dias, a instalação da CPI da Petrobras.

Romero Jucá, líder de Lula no Senado, sugeriu uma data: 30 de junho. Era lorota. Membro mais velho da CPI, caberia a Paulo Duque (PMDB-RJ) convocar a reunião da CPI. Soldado de Renan, Duque não moveu uma palha. Nenhum dos 11 integrantes da comissão foi convocado.

Abespinhado, o líder ‘demo’ Agripino Maia reafimou na noite passada: “Vamos obstruir as votações no plenário”. Afora o esforço de mobilização, os governistas ensaiam um discurso para constranger os líderes rivais. Há na pauta de votações desta terça (30) duas medidas provisórias que têm forte apelo popular.

A primeira fixa as regras do Minha Casa, Minha Vida –o programa que embute o sonho da construção de 1 milhão de moradias. A outra libera R$ 300 milhões para socorrer Estados infelicitados por enchentes ou por estiagens.

Confirmando-se a tática da obstrução, os líderes governistas dirão que a oposição prejudica o país, não a gestão Lula. Na prática, as providências previstas nas medidas provisórias já estão sendo implementadas.
Uma MP passa a vigorar assim que é publicada no Diário Oficial. Mas o Congresso precisa ratificar o texto.

Há, de resto, um outro tema incômodo na pauta de votações do Senado: a aprovação dos nomes de 23 novos integrantes do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). O mandato dos antigos integrantes do CNJ expirou em 12 de junho. O órgão programara uma reunião com os novos conselheiros para o dia 15.

Mercê da demora do Senado, o encontro foi adiado para o final de junho. O mês termina nesta terça (30). E nada. Para este caso, Agripino Maia aventa a hipótese de abrir uma exceção. É o único ponto que admite votar, contudo. Resta saber se a oposição terá como levar a ferro e fogo o bloqueio à construção de casas e ao socorro a flagelados. Pode custar caro.

10 Comentários

  1. Porque Lula nunca deixa fazer uma devassa no seu governo???
    Haaaa o povo mais pobre iria ficar sabendo oque o barbudo faz com o dinheiro alheio né.POR ISSO.

  2. CPI de holofote,politica,politiqueira não deve mesmo ser instalada. As pessoas podem ver tudo no site da petrobras.O resto é senador querendo ser galã de novela, aparecer todo dia na TV.Ei Alvaro parece que essa não deu.

  3. Ótimo, quanto mais adiarem essa CPI melhor,pois assim a sujeirada do governo lula aparecerá bem no ano de eleição e sua candidata, uma das admistradoras da Petrobras, vai para casa mais cedo.

  4. A CPI contra a Administração do Beto é coisa de criança, e todos indicios são novos e superficiais.. ja a do Governo Lula, é antiga e gorda, essa teta sim ninguem pode descobrir senão deixa muito barbudo com fome!!!!!!

  5. Inda outro dia, dei uma saidinha, como quem vai buscar água fresca no ribeirão, até porque a sujeira tava realmente de um mau cheiro pavoroso. Quando voltei, inda agorinha, li que os Democratas-Pefelistas querem a saída do Sarney e os Petistas-Xiítas querem que o Sarney fique. Li também que o Alvaro Dias do PSDB quer instaurar uma CPI para investigar a Petrobrás que até uns dias atrás era presidida por um genro do FHC e o PT não quer a tal CPI.
    Desculpe Fábio, mas não há outra expressão: PORRA!!!
    Qual é p próximo passo? O PT lança o Maluf em São Paulo?
    O PSDB desce do muro e lança Genuíno ao senado?

    Nem o Ariano Suassuna pode escrever isso.

  6. Bem, quando o Senador Álvaro Dias publicou em seu blog, que a CPI tinha ficado para dia 30, eu não consegui conter a ironia. e Disse:” Bem tenho 50 anos, e nunca vi em todo este tempo um mês a não ser o de Fevereiro que não tivesse o dia 30″.

    Mas ironias à parte eu também o avisei de que partisse para o próximo passo já que está na cara que não ia haver inícios de trabalhos coisa nenhuma pois o da Silva, não quer ver a sua Caixa 2 devassada.

    E claro que com o escandalo do Senado e o Sarney Total e completamente desmoralizado, só poderia ser socorrido por alguém da mesma laia, o Sr. da Silva, que o protege principalmente neste momento para que ele Sarney, não dê andamento à CPI com os poderes que lhe competem.

    Ou Seja, O já desmoralizado Sarney, continua lá principalmente para impedir que o Senado faça o que lhe é de Direito,já não fosse suficiente tudo o que ele deixou que roubassem durante suas gestões, e como eu disse Ao Senador Álvaro Dias há dez dias atrás, Vamos logo para o MS pois é, segundo me parece o último recurso.

    SENADOR SUCESSO – QUEREMOS SIM ESSA CPI

  7. Na física os polos opostos se atraem, já na política, esta máxima não é verdadeira, porque pilantra só atrai pilantra.

  8. Docê Ilusão Reply

    Tanto Sarney quanto Lula relevaram da força da imprensa contra os atos levianos praticados no Senado e acobertados pelos senadores, dos quais o que mais despontou em irregularidades foi Sarney. Mas na verdade a grande imprensa nacional e principalmente as estaduais comem na mão do governo lulista, haja vista as organizações Globo – chega a ser vergonhosa – em todo o Brasil, com a TV e o jornal O GLOBO, com seus afiliados. Não são filhos do Cunha Pereira? Ora se a imprensa está divulgando tudo contra o Senado é com a autorização da Secretaria de Comunicação do governo federal. Ou então os jornais não alinhados – têm uns poucos – têm mais prestígio. E por que isso? Nada como prostituta nova no pedaço para fazer com que os “suadouros” aplicados pelas antigas sejam esquecidos. Aí se pergunta? Quem ainda, fora o Álvaro Dias, fala na CPI da Petrobrás?

  9. AS OPOSIÇÕES JÁ PERDERAM TEMPO DEMAIS COM ESSES ENERGÚMENOS DO LULA QUE NÃO PERMITIRÃO JAMAIS A INSTALAÇÃO DA CPI DA PETROBRÁS, PORQUE A SUJEIRA É TÃO GRANDE QUE CABEÇAS IMPORTANTES IRIAM ROLAR. SÓ A HÁ UMA SAIDA, RECORRER AO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL PARA GARANTIR O DIREITO DA MINORIA.

Comente