Uncategorized

Richa reassenta famílias da Vila Parolin

fernanda no parolin

A noite de ontem foi de fortes emoções na Vila Parolin, que comemorou a urbanização após 50 anos de ocupação irregular. Beto Richa foi carregado nos braços. Fernanda Richa (foto) foi abraçada por moradores em lágrimas de alegria pela conquista da nova casa.

A Prefeitura iniciou o reassentamento de famílias da margem do rio Vila Guaíra, na Vila Parolin, ocupação irregular mais antiga da cidade, com mais de 50 anos.

As famílias são transferidas para casas construídas no mesmo bairro. A urbanização vai beneficiar 1.507 famílias. Na quinta, 50 famílias foram transferidas. Destas, 22 passarão a viver em casas e outras 28 em sobrados que foram construídos pela Cohab. “O reassentamento significa uma mudança radical na condição de vida destas famílias e marca também o início do processo de transformação da Vila Parolin”, disse o prefeito.


Richa esteve no local de origem das famílias reassentadas e depois visitou as casas novas, na rua Assis Figueiredo. Depois, ele foi até o barracão comunitário onde funciona a sede da Associação de Moradores local e entregou simbolicamente as chaves para representantes dos reassentados. Estavam presentes à solenidade o presidente da Cohab, Mounir Chaowiche, o vice-prefeito Luciano Ducci, a presidente da Fundação de Ação Social, Fernanda Richa, o administrador regional do Portão, Fernando Guedes, vereadores e secretários municipais.

As famílias reassentadas saíram de dois pontos da margem do rio Vila Guaíra. Um deles é próximo à rua João Fagundes Machado e outro fica nas imediações da rua Lamenha Lins. As casas desocupadas começaram a ser demolidas no mesmo dia, para evitar uma nova ocupação.

A dona de casa Azenir de Maria Oliveira mora na Vila Parolin há 47 anos, desde os seis anos de idade. Estava com a mudança preparada, organizada em caixas, desde o mês de fevereiro e por isso estava emocionada. “Acordei com o coração batendo forte. Quase não acredito que estou realizando o sonho da minha vida inteira”, contou. Ela vivia com o marido e uma neta na beira do rio, em uma casa que alagava sempre chovia. “Agora vou dormir sossegada, porque parece que estou no céu”, falou.

Irene Gonçalves da Silva, grávida de nove meses, fez a mudança contente porque o bebê vai nascer na casa nova. O marido, caminhoneiro, está na Bahia a trabalho e, por isso, os parentes e mais dois dos três filhos ajudaram. Irene está na Vila desde um ano de idade. Hoje, tem 37 e se diz realizada com a casa nova. “Aqui, é o abrigo da minha família e ninguém pode nos tirar esta conquista”, disse.

A mesma alegria estava presente na casa de Eneás Faria e Eliane Bento da Silva. Eles têm dois filhos, Mateus e Jônatan e viviam na beira do rio há 12 anos. No mesmo terreno onde moravam havia mais três casas de familiares próximos. Lá não tinha espaço para as crianças brincarem e o mau cheiro provocado pelo lixo lançado no rio era um problema permanente. “Agora, é vida nova”, falou Eliane ao chegar ao novo local de moradia. A família planeja ampliar a casa para acomodar melhor seus pertences.

Também animada estava a família Marcos José Correia. Ele a mulher Elizângela e os filhos Christian e Thiago viveram na beira do rio por mais de 10 anos e foram um dos primeiros a mudar para as casas. “Vamos ter o documento do imóvel e isso é o mais importante”, disse Marcos.

Projeto – O projeto de urbanização da Vila Parolin prevê o reassentamento de 677 famílias e o atendimento das demais 830 com obras de infra-estrutura. A intervenção terá um custo global de R$ 32,8 milhões, dos quais R$ 17,2 milhões são de investimentos da Prefeitura e o restante virá do Orçamento Geral da União (OGU).

A execução das unidades para as famílias reassentadas está sendo feita em etapas, em terrenos que foram adquiridos pela Prefeitura na vizinhança da vila. O total de áreas novas incorporadas ao projeto de urbanização chega a 79,9 mil metros quadrados e significou um investimento de R$ 11,3 milhões, com recursos do município.

A construção das casas para reassentamento é a primeira intervenção que ocorre nos projetos de urbanização de vilas que apresentam áreas de excessivo adensamento e domicílios em situação de risco. Com a conclusão das unidades, as famílias são gradativamente transferidas para as novas casas, liberando trechos da ocupação para a execução de obras de infra-estrutura.

No caso da Vila Parolin, a urbanização prevista para o local inclui as seguintes obras: demarcação topográfica, execução das redes de drenagem pluvial e iluminação pública, organização do sistema viário, pavimentação de ruas, recuperação habitacional em unidades com precariedade, execução de instalações hidráulico-sanitárias nos domicílios, recuperação ambiental da margem do rio Vila Guaíra e o desenvolvimento de trabalho social com a comunidade.

O projeto de urbanização da Vila Parolin inclui também a construção de uma escola com 14 salas de aula para atender alunos de 1ª à 4ª série do 1° grau da rede municipal de ensino. A obra já foi iniciada em um terreno localizado na esquina das ruas Lamenha Lins e Francisco Parolin. As famílias sairão de dois pontos da margem do rio. Um deles é próximo à rua João Fagundes Machado e outro fica nas imediações da rua Lamenha Lins.

30 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    Não vai adiantar fazer campanha sórdida contra o Beto, muito menos montar pataquadas com denúncias mirabolantes do Sr. Roberto Oriente. O Carlos Moraes pode se esguelar de gritar impropérios contra o Beto. A RPC pode passar todos os dias nos telejornais as matrérias contra o prefeito.
    É Beto Richa governador e Fernanda 1ª dama.
    Todos os dia s a RPC coloca matérias contra a prefeitura, semana passada foi uma ambulância encalhada numa rua sem asfalto; A emissora não contou que o local é de invasão e que a prefeitura, por força da lei, não pode aplicar dinheiro público em propriedade particular.

  2. José Russomanno Responder

    Pois é, o Prefeito poderia ter gasto o dinheiro com outras coisas, não é mesmo, mas preferiu gastar com os menos favorecidos e sem – teto, mostrando que é sensivel e ligado com as causas sociais direcionadas a moradias dignas, às familias mais necessitadas
    Temos que parabenizar o Beto por essas atitudes,e observar que ele está caminhando para se tornar um grande estadista.
    É agradável elogiá-lo.
    Parabéns Beto e Fernanda!

  3. Bela foto. Vou até guardar, pra quando eu der aula das disciplinas “Proselitismo Contemporâneo I, II e III” na faculdade.

  4. Lá na Vila Parolin a primeira dama de Curitiba e chamada de a mãe de todas as comunidades. Pelo trabalho amor e dedicação aos mais necessitados (as). Parabéns a v/c também Fernanda Richa.

  5. O Prefeito so esquceu de falar que foi com grana do Governo Federal, mais claro que isso foi sem querer.

  6. Lgringo
    O Prefeito falou que sem a parceria com a CAIXA nada seria realizado.
    Então, falou sim no Governo Federal.

  7. MARIO DO ATLÉTICO. Responder

    ESSE NEGÓCIO DE PEGAR CRIANCINHA NO COLO E ENXUGAR LÁGRIMAS DA POPULAÇÃO NÃO VAI IMPEDIR O MPF DE INVESTIGAR O CAIXA DOIS DO BETO. ESSE TIPO DE FAZER POLITICA FOI NOS IDOS DE 1950 COM OS DEMAGÔGOS DE PLANTÃO, TIPO ADEMAR DE BARROS. CHEGA DE ENGANADORES.

  8. V.Lemainski-Cascavel Responder

    Enquanto o Requião e PT falam, o Beto faz e entrega. Que diferença!…. Como diz a propaganda da Ipiranga: “- Ai que inveja!….”

  9. Senhores, Se o dinheiro veio do governo federal, atravéz da CAIXA, melhor para todos, e parabéns ainda mais ao Beto, que demonstra exatamente como deve ser o relacionamento entre os níveis de governo, pois entre municio e união o relacionamento é muito bom. No mais esse dinheiro está muito longe da contrapartida que o Paraná mereçe, pois paga 32 bilhôes de impostos e recebe uma quantia pífia…Parabéns aos envolvidos e que isso sirva de lição ao péssimo governo estadual…

  10. O trabalho incansável do Beto Richa e equipe será recompensado com sua eleição ao Palácio Iguaçu em 2010!
    O Povo compara quem trabalha, com quem apenas discursa e nada faz!

  11. Falem mal do Beto e da Fernanda, mas o carisma deles não existe igual, enquanto o Requião um nojento de 1ª, por isso que só se @$#@$!!!
    foto muito bonita parabens!!!

  12. Igringo,
    Segundo levantamento, de todos os tributos federais que Curitiba paga apenas 8,6% a cidade retoma.
    Portanto, Curitiba ainda tem muito crédito com o governo federal que não faz mais que obrigação de investir.

  13. Antonio - J. Social Responder

    PARABENS, BETO, enquanto os cães ladram, a caravana passa. Ao invés de ficar ofendendo reporteres de TV, você mostra que veio pra realizar. e ainda tem a seu lado, uma VERDADEIRA PRIMEIRA DAMA, que causaria muito orgulho a qualquer Presidente da República. Você, Fernanda será nossa futura Candidata. Você é a mulher que faz!!!

  14. baicharelazinha Responder

    Vale SEMPRE lembrar que estas obras estão sendo realizadas pelo PAC do Governo Federal e que a aplicação de verbas em moradia popular é uma reivindicação do Movimento Popular e Social, qtendida pelo Governo Lula. Ainda que nenhum outro Governo neste pais investiu tal valor em habitação.

  15. baicharelazinha Responder

    É muito fácil fazer cortezia com o chapéu alheio…
    O orçamento da prefeitura para habitação é insuficiente e se não fossem os programas e repasse federais o povo continuaria sem moradia digna…

  16. Coitadodopovão Responder

    A unanimidade do Curitiba assusta. Coitado do povão…tivesse emprego, saúde, educação e moradia, não precisava acontecer essa situação indigna a qualquer ser humano, de ser despejado, ficar meses morando na rua, para depois aparecer o Salvador da Pátria. De qualquer forma, viva o Beto, que com a ajuda do Fabio Campana, da Radio Banda B, e de vários outros meios de comunicação, vai se eleger governador facil facil….

  17. Vigilante do Portão Responder

    A coleção do Antígono deve estar bem grande, são tantas as fotos de proselitismo explícito, tendo como atores o Lula e o Requião, não carece nem sair de casa, a Globo e a TV Educativa passam à exaustão as cenas dos dois fazendo politicagem e da mais rasteira.

  18. O nagib voltou!!!!
    Vai ver esta de novo mamando em alguma secretaria, so não mudou a mesma lenga lenga de sempre.

  19. Rapaz, eu já vi caso de jornalista que beneficia político, mas este blog é insuperável! A mídia tá sempre descascando de toda forma o Governo Lula, mostram com o máximo destaque só o que é ruim (mesmo sem comprovação), escondem tudo o que é bom, e tiveram o desplante de sequer mencionar o prêmio que o presidente recebeu da Unesco, o que me parece um fato relevante. Mas a desculpa oficial é da que a Imprensa não pode ser chapa branca, tem sempre que priorizar a crítica, exercer seu papel fiscalizador, assumir uma postura combativa. Que seja… Tá certo que aqui é um blog, que é inevitável que surja alguma preferência pessoal do autor, mas em certos momentos o jornalista está mais próximo de um assessor de imprensa do prefeito. Vamo segurar a onda… Tá muito na cara!

  20. Cidadão curitibano Responder

    Olha meu povo….
    Em minhas muitas andanças pelo Brasil
    Já vi muito dessa cena no interior do nordeste.
    Em prefeituras minusculas no interior do Piaui já vi muita primeira dama ter a mesma atitude.
    O espírito de “Odorico Paraguaçu” não via morrer tão cedo neste país.
    De norte a sul do Brasil, a politica é igual em qualquer lugar deste pais. Curitiba não fica na Europa e nem na Ásia… tsc… tsc…tsc…
    O povo coitado só com as migalhas…
    Já convivi com muita primeira-dama
    A Fernandinha “Beira Mar” Richa deve ter tomado banho de formol depois que foi pra casa…
    É o que todas fazem

  21. Escuta, mas quanta puxação de saco, o cara não tá fazendo mais que a obrigação dele como prefeito e mais, quem vocês acham que vai pagar toda essa conta? Ora pois, os otários que pagam imposto adoidado nesse país, ou de onde vocês acham que vão tirar o dinheiro pra pagar tudo isso, essas dívidas?

  22. EeU SOU MORADOR DO JARDIM BOA VISTA 1 EM CAMPO MAGRO, E ONTEM TIVE A CURIOSIDADE DE IR OLHAR AS CASA QUE ESTÃO SENDO CONSTRUIDAS NO BAIRRO PARA AS FAMILIAS MAIS NECESSITADAS, E VOU LHES DIZER UMA COISA, FIQUEI EMOCIONADO, PELA QUALIDADE DAS CASAS DO LOCAL E DO PROJETO, QUE IRÁ RELOCAR FAMILIAS QUE MORAM EM ÁREAS DE RISCO PARA UM LUGAR SEGURO,,,QUE NÃO VAI PRECISAR A QUA LQUER CHUVA TODOS TENHAM QUE CORRER POR CAUSA DA ENCHENTE,, SEM FALAR NA QUALIDADE DE VIDA UQUE TERÃO Á PARTIR DO MOMENTO EM QUE SE MUDAREM PARA A NOVA MORADIA,,QUAL FOR O ORGÃO RESPONSAVEL POR ESSA MARAVILHA DE MELHORIA NAS VIDAS DAS PESSOAS MERECEM OS NOSSOS APLAUSOS,,,POIS NEM TODOS TEM Á SORTE OU OPORTUNIDADE NA VIDA DE SAIR BEM FINANCEIRAMENTE, E NÃO ESTÃO MORANDO LÁ POR QUE QUEREM, MAS POR NESSECIDADE,

  23. Cidadão Paranaense Responder

    Izabel vai logo ao medico pois esta dor de cotovelo pode acabar inflamando e v/c tera de amputar.

  24. Osmair de jesus Responder

    Sou mais beto porque foi o unico que realmente trabalhou pelo meu bairro e minha cidade,achatou barro,nos ouviu e realmente fez acontecer outros só passaram e nunca mais voltaram trousseram falsas ilusões e nos abandonaram,Sou mais Beto porque ele é amigo do meu povo,da minha familia,do meu bairro,Vou votar e tenho certeza de que não vou me decepicionar .

Comente