Uncategorized

Romanelli diz que lobby do tabaco pressiona deputados

romanelli

O líder do governo, deputado Luiz Cláudio Romanelli, pediu hoje que os deputados “parem de enrolar” e votem o projeto de lei do governo que proíbe o fumo em qualquer ambiente fechado – público e privado – do Paraná. O projeto de Requião é uma cópia da lei paulista e está parado desde abril.

Romanelli disse que a demora se deve ao forte lobby dos fumantes, da indústria do tabaco e dos donos de bares e restaurantes. “Os lobistas percorrem todos os gabinetes para que o projeto seja flexibilizado. A pressão é muito grande, mas não dá para enrolar mais. Temos que votar o projeto e pronto”, disse Romanelli.

Clique em Leia Mais e saiba detalhes do projeto:

Pelo projeto, só será permitido fumar em casa, em tabacarias e em cultos religiosos nos quais o tabaco faça parte do ritual. Em todos os locais fechados o fumo será vedado. Por fechado, a legislação entende o espaço que tem proteção de muro ou teto, marquises ou qualquer tipo de cobertura.

O projeto estabelece multa para o fumante e para o dono do estabelecimento de R$ 5,8 mil, o equivalente a 100 Unidades Padrão Fiscal do Estado do Paraná (UPR/PR). A penalidade será aplicada em dobro em caso de reincidência.

Quem se recusar a apagar o cigarro em locais como bares, restaurantes, casas noturnas e praças de alimentação, poderá ser retirado do ambiente pela polícia.

16 Comentários

  1. V.Lemainski-Cascavel Responder

    É muito louvável qualquer campanha ou lei que iniba fumantes de prejudicarem a si e outras pessoas.
    Gostaria que também fosse proibido fumar em praças ou parques. É revoltante ver pessoas fumando nesses espaços públicos com ar puro e ver viciados poluindo-os através de fumaça e bitucas sendo jogadas ao solo.
    A lei já vem tarde. Parabéns ao Serra que teve a coragem de enfrentar o mal e dar o exemplo a outros estados.

  2. Realmente o governador Requião não tem um histórico bom com o Tabaco , começa bem e nunca sabe como termina.

  3. Já que os fumantes, na sua maioria esqueceram de aprender Boas maneira e fazem o não fumantes fumar por tabela.

    Que se imponha a Lei. Ou será que esses “representantes do povo” estão recebendo para não o representar?

    Prática interessante, chamada de lobby, ESCROTOS.

  4. Constituem prerrogativas e deveres das Entidades de Classe:

    Tem por objetivo geral promover a união da categoria e a defesa de seus direitos, reivindicações e interesses gerais e específicos, representando-os perante as autoridades administrativas, judiciárias e legislativas.

    É legitimo estarmos defendendo e apresentando o contraditório, vivemos em um estado de direito democratico.

    A ditadura acabou em 1985, portanto há mais de 24 anos.

    Ao senhor Luis Claudio Romanelli vale lembrar que é eleito pelo Partido do Movimento Democratico Brasileiro(PMDB), alias partido que ajudou a construir a nova democracia no Brasil e diz o Estatuto do PMDB
    Art. 2º. O PMDB exerce suas atividades políticas visando à realização dos objetivos programáticos que se destinam à construção de uma Nação soberana e à consolidação de um regime democrático, pluralista e socialmente justo, onde a riqueza criada seja instrumento de bem-estar de todos.

    Portanto não existe mais a ARENA e o bipartidarismo, na nossa opinião membros da arena não teriam esse mesmo posicionamento, atitude e acusações do deputado Romanelli.

    Na verdade demonstra que seria sua filiação partidaria nos dias de hoje, caso existisse no Brasil, seria no PSUV – Partido Socialista Unido de Venezuela – Sem direito a oposição. .

    Fabio Aguayo
    Diretor ABRABAR

  5. Os Deputados deveriam consultar seus eleitores e não os lobistas, desde abril tiveram tempo suficiente para isto. Esta é uma questão de saúde pública e não pode ficar condicionada aos interesses econômicos de alguns grupos.

  6. Francisco Quadros Responder

    ATENÇÃO FUMANTES, DESTE E DE OUTRO PLANETA:
    ATÉ QUANDO VAMOS PERMITIR ESSA PARANÓIA CONTRA O CIGARRO? UNAMO-NOS, FAÇAMOS PASSEATAS, ATRAPALHEMOS O TRÂNSITO, IMPOMOS NOSSO DIREITO.
    O FUMO MATA? TENHO 70 ANOS, PITO MEU CIGARRINHO HÁ MAIS DE 40. E DOU SURRA EM QUALQUER NÃO FUMANTE.
    SE PREOCUPAR COM A VIDA ALHEIA MATA MAIS, PELO ESTRESSE E HIPER TENSÃO. TRÂNSITO TODO DIA MATA NÃO FUMANTES.
    PERGUNTEM AO DR. TROVÃO, PROMOTOR PÚBLICO E TABAGISTA JURAMENTDO, SE ESTOU FALANDO BOBAGEM.
    FUMANTE CONSCIENTE NÃO FUMA EM LOCAIS FECHADOS, RESPEITA AS PESSOAS, FUMANTES OU NÃO, SEMPRE FOI ASSIM E NUNCA SE PRECISOU DE LEI PARA ISSO.~
    NÃO FUMANTE BOBOCA QUE FICA MANDANDO CONTRA QUEM FUMA, PARA MIM, UM BROCHA QUE TEM INVEJA DE QUEM TREPA…
    E TENHO DITO…….

  7. aos fumantes de plantão,
    Da mesma maneira que vocês se sentem no direito de dar uma tragadinha nos ambientes fechados, eu tenho o direito de chegar em casa do mesmo jeito que saí, isto é, sem feder como um cinzeiro. Sem contar que dói os olhos! Acredito que isso não passa de uma questão de bom senso e respeito aos que não fumam.
    Essa lei já está em vigor em países mais civilizados, como a alemanha, e tudo funciona muito bem. Quem quer fumar, sai do ambiente.

  8. Ninguém está discutindo o direito de fumar, mas sim o consumo do cigarro em ambiente fechado. Infelizmente, algumas pessoas muito mal educadas insistem em violar as regras de convivio social, motivo pelo qual se faz importante impor uma lei. Quem é fumante e não fuma em ambientes fechados não tem com o que se preocupar, para estas pessoas a lei não fará diferença, mas para a grande maioria da população (que é composta por não fumantes), esta lei trará devolta o prazer em frequentar um bom restaurante, resgatará a vontade de ficar até mais tarde em uma boa noitada e consequentemente aumentará o consumo. E se os não fumantes parassem de frequentar os restaurantes e bares que se opõe a aprovação da lei?

  9. O produto do prazer do fumante é a fumaça. Eu gosto de beber e o produto do meu prazer é o xixi. E eu não saio mijando na perna de ninguém quando vou num bar.
    Tem mais é que proibir, mesmo.

  10. Eu fui fumante durante 40 anos e me arrependo até o ultimo fio de cabelo de ter aprendido á tragar fumaça,,,,,graças a um inicio de enfisema pulmonar deixei o vicio, para a minha surpresa, passado um tempo melhorei, e rejuvenesci ums 10 anos,,,,,,eu particularmente aconselho a não fumar,,,mesmo.

  11. Primeiro São Paulo, depois o Rio e, mas recentemente Minas Gerais aprovaram a lei antifumo. Mas lá, os deputados não possuem bares noturnos e coisas assim. Aqui vai ficar um tempão em discussão e pode virar, como sempre, em pizza.

  12. V.Lemainski-Cascavel Responder

    O Francisco Quadros perdeu uma bela oportunidade de não gastar tempo para expressar a opinião de ser pessoa desinformada e mal educada.
    Não fumo há 57 anos e acredito que estou certo. Emj minha família ninguém fuma. Fumante deveria saber que é um fraco ao não ter domínio sobre o seu vício. É um dependente. Os não fumantes não tem culpa.
    Já, quanto ao desempenho sexual, sou mais eu…

  13. Fumar em lugares públicos abertos?
    Não concordo com a proibição. Basta o fumante ter “semancol” da direção do vento e não baforar fumaça no rosto dos outros.

    Fumar em lugares fechados?
    Concordo com a proibição. É um absurdo frequentarmos bares e baladas, não fumarmos diretamente, mas sairmos desses ambientes fedendo cigarro, com cheiro na roupa, cabelo, em tudo.

  14. Sou fumante, concordo com a questão de não se fumar em ambientes fefchados, ams então que haja uma adaptação para se agradar a todos… Que os bares e casa noturnas tenham um espaço aberto, um ‘fumódromo’. Agora, sem exageros…
    “Por fechado, a legislação entende o espaço que tem proteção de muro ou teto, marquises ou qualquer tipo de cobertura.”
    Menos, né???

    V.Lemainski-Cascavel – Proibir de fumar na rua??? Vivemos numa democracia, meu caro…

Comente