Uncategorized

Lula visita obra: bufê francês e cama king size


Via Josias de Souza, na Folha Online

Lula e seu séquito pernoitaram num dos canteiros da obra de transposição das águas do Rio São Francisco.

Ao contrário do que insinuara o marketing oficial, a ousadia não custou ao presidente a perda do apuro que vem junto com o cargo. Antes da comitiva oficial, chegaram à obra o requinte e a sofisticação. Deve-se o relato à equipe de reportagem do ‘Diário de Pernambuco’.

Para cuidar da comida, importou-se do Recife o bufê de um bistrô francês, o La Cuisine. Incluiu bebidas e canapés. Os alimentos foram preparados por um time de nove cozinheiros e servidos por uma equipe de duas dezenas de garçons.

Improvisou-se o “quarto” de Lula no escritório do engenheiro-chefe da obra. Coisa fina. Tapete azul, televisão, frigobar, banheiro privativo e cama ‘king size’. Exceto pelo tapete e pela TV, os convidados ilustres –ministros, governadores e empresários— dormiram em alojamentos dotados das mesmas facilidades.

Como o presidente foi à obra mais para ser visto do que para ver, reservaram-se cerca de 50 acomodações para jornalistas. Camas de solteiro. Para a difusão de textos e imagens, o canteiro foi equipado com 14 laptops. Peças inusuais num ambiente em que máquinas pesadas evoluem sobre a lama.

Do lado de fora, o alojamento presidencial foi adornado com tapumes de fibra e painéis de lona. Para separar os sapatos do solo, brita. Muita brita. Antes de enfiar-se sob as cobertas, Lula tivera um dia cheio. Passara por Pirapora e Buritizeiro, em Minas. Visitara Barra, na Bahia.

No final da tarde, voara para Arcoverde, em Pernambuco. Dali fora, de helicóptero, para o local onde está assentado o canteiro do primeiro pernoite.

O nome da localidade é sugestivo: Custódia. Entre as acepções anotadas no Aurélio, duas se encaixam como luva.

Segundo o dicionário, Custódia significa: A) Lugar onde se guarda alguma coisa com segurança; B) Objeto de ouro ou prata em que se expõe a hóstia consagrada.

Nesta quinta (15), Lula dará seguimento à “missa” do São Francisco. Ainda em Custódia, fará um pa©mício. Mais um.

O palco, montado de véspera, tem 40 m² –10mX4m. Orna-o uma frase: “Projeto São Francisco. Um rio melhor, um rio para todos”.

Lula discursará para os operários. E para as câmeras, naturalmente. Depois, vai à Paraíba. Novo pa©lanque. Mais discurso.

No fim da tarde, a comitiva retorna a Pernambuco. Desce na cidade de Floresta. E vai ao canteiro do segundo pernoite. Na sexta (16), Lula volta para Brasília.

Não há, por ora, informações sobre o custo da aventura administrativo-eleitoral. De concreto, só a certeza de que a conta será espetada na bolsa da Viúva.

14 Comentários

  1. SYLVIO SEBASTIANI Responder

    Eu fico somente imaginando o Lula da Silva, após o dia 1° de janeiro de 2011, quando acabar essa “mamata” e ele entrar na “real”, não da moeda, não da realeza, mas da realidade da vida de um homem comum.

  2. Turismo, inaugurações, passeios, cartões corporativos, viagens seguidas ao exterior e toda a espécie de mordomias. Assim é LULA, sempre levando a vida que pediu a Deus, longe daquela simplicidade de trabalhador que tanto apregoava antes de ser eleito pela massa trabalhadora que o elegeu por duas vezes. Assim é o PT.
    É pena que o verdadeiro trabalhador que levanta as 5,00 hs da manhã e só chega em casa as 19,00 hs. desconheça toda essa realidade. pois cansados, não acompanham a imprensa a respeito.

  3. Vamo cambada de burro, votem na Dilma, o chefe tá mandando ! Se tem uma coisa que eu não tenho, é pena de gente burra, se quiser continuar ficando em fila de hospital, e sem escola, continue com o PT.

  4. Cadê os “éticos”, “moralistas” e “indignados” do pt?

    Quando é o Requião, Beto Richa, etc, eles aparecem aos borbotões, mas quando é o lula….

    Cadê os “dr. mesael” p/ reclamar da saúde?

    Cadê os “ita”, “luis gringo”, “pedro mello”, “joazinho santana” e tantos outros petistas?

    Ah, e claro, cadê o vereador pedro paulo e o deputado rosinha?

  5. Esse é o socialismo bolivariano. Mordomias paga pelo pobre povo brasileiro numa missão, sabe-se, puramente eleitoreira e de muita cascata.
    Isso é fazer campanha política – fora de hora – descaradamente, nas barbas da justiça que deveria fiscalizar o abuso de poder; o abuso de poder econômico advindo do erário, entre outros.
    Esse é o socialismo da nova era: holofotes.

  6. Deixa o homem trabalhar. Ele está inaugurando suas obras. Serão mais 8 anos de governo de esquerda.

  7. SYLVIO, um ex-presidente nunca mais voltará a ser um homem comum, vai ter direito a seguranças, boa aposentadoria e outras tantas regalias para o resto da vida, tudo pago pelo povo que o elegeu, nós merecemos isso .

  8. Não havia nenhuma razão para o Lula realizar a apoteótica e cara “vistoria” nas obras de transposição das águas do Rio S. Francisco, pois para isto o governo possui um enorme elenco de técnicos recebendo para isto.

    Fora o fato de servir de palanque para a Dilma e o Ciro ela também serviu como tentativa para desagregar o PSDB, pois o Aécio caiu no engodo e no início fez parte da enorme e custosa comitiva.

    Este espetáculo não de desenvolvimento e sim de marketing político também serviu para abafar o escândaslo do ENEM e o confisco do dinheiro da devolução do IRRF.

    O presidente, que cujas ações são golpes midiáticos, mas se diz eternamente vítima dos mesmos, usa destes espetáculos que ferem a Legislação Eleitoral para promover os seus candidatos Dilma e Ciro.

    Enquanto o Brasil explode em estagnação econômica, desemprego e violência ele navega pelo S. Francisco, tal qual um Faraó nas águas do Nilo, querendo vender a idéia que o empacado PAC está indo de vento em popa.

  9. Não obstante passados 77 anos, a desfaçatez impera nas famílias detentoras do monopolio da comunicação em São Paulo. O comportamento é semelhante àquele da década de 30, quando foram, tardiamente, apeados do poder pelo maior estadista que o subcontintente já vira.
    São risíveis as críticas à viagem do presidente ao nordeste. Um misto de sensação de incompetência, em razão dos 8 anos de desgoverno do PSDB, e outro de inveja do sucesso, perspicácia e inteligência de um reles torneiro mecâncico. O ego resiste a aceitar a pequenez, a mediocridade do governo do PSDB quando comparado ao do LULA.
    Uma obra que dormitava nos escaninhos da burocracia desde os ídos do 2º reinado sai do papel e a insensata, míope e parcial imprensa paulistana permanece insensível, de olhos vendados.
    E, também aqui na província, as vozes do arcaísmo e do inconformismo com o sucesso do torneiro ressoam…… E ainda dizem que o povo é que é ignorante….rssss .

  10. DOR DE COTOVELO Responder

    NO TEMPO DO COLLOR, ITAMAR E FHC ERA MUUUUITO POIOR, AS PRIMEIRAS DAMAS ERAM REGADAS A CAVIAR E CHAMPAGNE IMPORTADAS, PRA NÃO FALAR DOS CARTÕES CORPORATIVOS QUE ARREBENTAVAM A BOCA DO BALÃO. O CAMARADA VAI FAZER UMA INAUGURAÇÃO HISTÓRICA E FICAM TODOS COM DOR DE COTOVELO.
    ETA POVONHO BUNDA.

  11. Também, esperar o quê do Lula? O cara sempre foi um enganador! E o povo, masoquista, gosta de sofrer e ser enganado.
    Vamos voltar um pouquinho na “história”. Qual foi a ocupação do Lula? Dizem que foi torneiro mecânico. Mas por pouco tempo. Salvo engano, de 1975 para cá, o mesmo sempre viveu às custas do Sindicato. Nunca trabalhou, só mordomias. Como deputado federal, o que ele produziu? Qual foi seu grande feito? E assim vai o Brasil e seu pobre povo!

  12. QUE FALTA DE ASSUNTO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    MATERIAZINHA FURRECA!!
    PARECE NOTA DA ASSESSORIA DO ÁLVARO INVEJA!

  13. “…se quiser continuar ficando em fila de hospital, e sem escola, continue com o PT…”

    essas coisas aconteceram somente depois que o PT chegou ao poder ?

    ah tá, pensei que já existia há pelo menos duas décadas, ou mais.

    acho que estou meio gágá.

Comente