Uncategorized

Richa discute cooperação econômica com o presidente do Líbano

libano

O prefeito de Curitiba, Beto Richa, reuniu-se hoje, em Beirute, com o presidente do Líbano, Michel Suleiman. No encontro, Richa e Suleiman trataram sobre futuros acordos de cooperação econômica que podem ser estabelecidos entre a Prefeitura de Curitiba e o governo do Líbano.

“Apresentamos o projeto Tecnoparque e os libaneses ficaram bastante interessados”, disse Richa, acompanhado de uma comitiva de empresários paranaenses. Outro setor que despertou o interesse das lideranças políticas e empresariais libanesas é a construção civil.

Na reunião, Suleiman destacou que, apesar da crise, o Líbano projeta um crescimento de 7% do PIB em 2009. “O nosso objetivo é estreitar as relações comerciais com os libaneses e atrair novos investimentos para Curitiba e para o Paraná”, disse o prefeito. Richa e a comitiva de empresários paranaenses também visitaram o Parlamento Libanês, onde tiveram uma audiência com o presidente do parlamento, Nabih Berri, e com o primeiro-ministro do Líbano, Saad Hariri.

O primeiro-ministro do Líbano propôs tornar Curitiba e Sur, cidade milenar localizado 100 quilômetros ao sul de Beirute, cidades-irmãs. Richa sugeriu criar um voo direto entre os dois países. “São Paulo-Beirute ou Rio de Janeiro-Beirute”, disse. Atualmente, o voo só é possível com escalas.

A agenda oficial do prefeito de Curitiba no Oriente Médio inclui novos encontros com líderes políticos e empresariais do Líbano durante a semana.

O Tecnoparque é um programa voltado para o estímulo ao desenvolvimento da inovação nas empresas. O Curitiba Tecnoparque já registrou a adesão de cerca de 100 empresas.

A proposta é concentrar em um espaço urbano ativos tecnológicos do poder público, iniciativa privada e instituições de ensino. As empresas que aderem ao Tecnoparque têm benefícios fiscais. O programa envolve quatro pólos urbanísticos, localizados principalmente na região Leste da cidade. Nestas áreas estão instaladas as três principais instituições de ensino superior do Estado e vários órgãos dedicados à pesquisa, que reúnem 40 mil estudantes, 3 mil professores e 500 grupos de pesquisadores acadêmicos.

Entre os setores considerados estratégicos para o Tecnoparque estão os de sistemas de telecomunicações; equipamentos de informática; desenvolvimento de software; gestão de dados e distribuição eletrônica de informações; pesquisa e desenvolvimento; design; laboratórios de ensaios e testes de qualidade; instrumentos de precisão e automação industrial; e de novas tecnologias como o biotecnologia, microtecnologia e saúde.

11 Comentários

  1. Bravo!
    Pelo menos um do Paraná cumprindo agenda positiva no exteior, no mais, as viagens de nosso DESGOVENADOR só se dão para degustação de vinhos às nossas expensas…

  2. Daqui a pouco os lideres comunitários estarão viajando para fazer acordos internacionais…rssss

    Onde estamos… É dinheiro público sendo gasto com turismo do Beto.

  3. Cade o prefeito Amim que ate agora não saiu em nenhuma foto, so gastando nosso dinheiro nas farras …

  4. Na era da Internet, acho totalmente dispensáveis estas viagens para fora do país, de presidente da república, governadores, prefeito e missões de parlamentares para simples protocolagem de acordos comerciais, culturais, o escambau. O Jaime Lerner tinha o costume de chamar a prefeitaiada toda para as solenidades de assinatura de convênio, quando se pode fazer tudo isso via e-mail, ou como diria RR, via correio eletrônico. Mas sempre é preciso sair na foto, né?

  5. O que o Pé Vermelho, que de estadista não tem nada, curte é entregar populisticamente junto com o Requião os ônibus empoeirados pelo tempo que ficaram estocados!

  6. Que vergonha.
    Fazendo turismo e recebendo do Povo de Curitiba e ainda com viagem paga pela população.
    Fora Beto.
    Fora PSDB.

  7. Olá CABEÇA DE ITA….
    Vergonha são os salamaleques, os quebra-quebra, o vandalismo do MST….
    Vergonha mesmo é um DESGOVERNADOR segurar a entrega de ônibus escolares para fazê-lo oportunisticamente em palanque político com vistas às próximas eleições…
    Vergonha e termos um INSEGURANÇA PÚBLICA nos níveis que se encontram as estatísticas…
    Vergonha mesmo é termos o número de DEPUTADOS LAMBE-BOTAS DE REIQUIÃO, que fazem vistas grossas aos descasos no Paraná…
    O sucateamentos dos portos de Antonina e Paranaguá… A licitação ilícita das TVs Laranjas…O nepotismo enraizado nas entranhas deste DESGOVERNO…
    Vergonha mesmo é assistirmos pelo Jornal Nacional o INSANO desgovernador em pronunciamento tanto insano quanto ele, de formatendenciosamente discriminativa, se referir ao câncer de mama nos homens ser casado pelas paradas gays…
    Vergonha é assistirmos em horário nobre o DESGOVERNADOR deste Estado comer Mamona na mão do Lula e ainda dizer… BOM… Muito BOM!!!
    Pior que tudo isto, é ouvirmos o discurso do sábio degovernador falando em TRANSGENIA… Um comedor de mamona, falando em transgenia…
    Tá bom CABEÇA DE PEDRA!

Comente