Uncategorized

Funcionários de 3 deputados paranaenses na farra das passagens

Via Gazeta do Povo

Quase nove meses depois de a farra das passagens aéreas vir a público na Câmara Federal, a Comissão de Sindicância da Casa investiga a participação de 45 servidores que seriam os responsáveis pelo escândalo.

Os funcionários são ligados aos gabinetes de 39 parlamentares, entres eles três do Paraná: Affonso Camargo (PSDB), Cezar Silvestri (PPS) e Dilceu Sperafico (PP).

De acordo com informações divulgadas pelo site Congresso em Foco, nenhum dos deputados paranaenses está sendo investigado por participação direta no caso. Os três negam qualquer envolvimento no esquema ilegal de venda de bilhetes da cota parlamentar.

Affonso Camargo, cujo gabinete emitiu cinco passagens para Miami e Milão, contou que demitiu o funcionário envolvido no esquema, Rogério Pedrosa de Assis. Segundo o parlamentar, o ex-servidor era o responsável pela emissão dos bilhetes e, portanto, não houve outra alternativa a não ser demiti-lo.

4 Comentários

  1. Isso fede, seu Cézar Silvestre não faz nada por guarapuava e ainda fica jogando na merda o nome de nossa cidade, por isso que eu voto no 190!

Comente