Uncategorized

Não há conta de celular das Bahamas, diz assessoria de Pessuti

A assessoria do vice Orlando Pessuti afirmou hoje que não há conta de celular usado nas Bahamas e pago pelo Estado durante a viagem de Pessuti para assistir à solenidade de divulgação das cidades que sediarão a Copa de 2014.

Entre outras, “porque era impossível conectar o celular com o Brasil desde as Bahamas”, garante a assessoria que já informou o vereador Professor Galdino de que ele comete equívoco em sua denúncia.

11 Comentários

  1. Sistema Integrado de Acompanhamento Financeiro
    Extrato Individualizado de Pagamento 07/01/2010

    Informações do Empenho
    Número Empenho 11000000-9-01296.1
    Data Empenho 06/10/2009
    Valor Total R$ 5.096,30

    Informações do Pagamento
    Órgão 1101 – Governadoria
    Credor CPF 157097369-53
    ORLANDO PESSUTI
    Liquidação 11000000-9-02552.1
    Data Pagto 15/10/2009
    Valor R$ 5.096,30
    Modalidade Crédito Conta Corrente Banco do Brasil
    Banco/Agência/Conta Pagadora
    Descrição DESPESA REF. A INDENIZACAO DE VALORES PAGOS COM T ELEFONE EM VIAGEM INTERNACIONAL (BAHAMAS/COPA DO M UNDO), CF.DECLARACAO DA VIVO S/A, A SERV.DO ESTA

    Imprimir | Voltar | Fechar

  2. Bahamas Telecommunications Responder

    Tanto turistas quanto viajantes a negócios descobrirão que os serviços de telecomunicações das Bahamas se equiparam ao serviço nos Estados Unidos e Canadá. A BaTelCo (Bahamas Telecommunications Corporation) atende a ilhas de Abaco com sistema telefônico digital que permite que você ligue para mais de 100 países. Durante sua estadia, o acesso a aparelhos de fax e centrais telefônicas está disponível na maioria dos hotéis –mantendo você conectado a qualquer pessoa no mundo.

    A BaTelCo também fornece uma série de outros serviços além do serviço telefônico –fax, telex, celular, linhas privadas, leasing de rádio e satélite e um serviço telefônico melhorado por rádio VHF-FM que permite o contato com navios no mar. E é possível economizar dinheiro em chamadas de longa distância comprando um cartão telefônico com tarifas melhores em todos os postos da BaTelCo –que podem ser encontrados em Treasure Cay, Fox Town, Sandy Point, Hope Town, Avana Bay, Man-O-War Cay e em Moore’s Island.

    Aqueles que não saem de casa sem seus celulares descobrirão que é fácil manter contato enquanto visitam as Bahamas. A BaTelCo tem acordos de roaming com muitas empresas nos Estados Unidos, Canadá e México. As tarifas de roaming são de US$ 3 por dia e 99 centavos de dólar por minuto, que serão cobradas na conta telefônica de sua operadora. Para que você, um(a) não-assinante da BaTelCo, receba telefonemas durante sua estadia nas Bahamas, a pessoa que está ligando deve discar 1-242-359-7626, aguardar pelo segundo toque e então discar seu número.

    Devido à expansão da Internet por todo o mundo, a BaTelCo lançou um produto de Internet dos mais avançados nas Bahamas –a BaTelNet. Como principal provedora de Internet atualmente nas Bahamas, a BaTelCo oferece vários serviços aos seus clientes, como suporte técnico 24 horas, discagem de acesso local, modems de 28.8k, baixa proporção cliente/modem e preços flexíveis. Além disso, a BaTelCo criou um serviço móvel para fornecer produtos e serviços que cobrem todas necessidades disponíveis internacionalmente.

    Telefone
    É possível fazer ligação direta para os Estados Unidos e Canadá a partir dos quartos ou centros de conferência da maioria dos hotéis.

    Celular
    A Bahamas Telecommunications Corporation (BaTelCo) conta com acordos de roaming automático com provedoras de telefonia móvel nos Estados Unidos, Canadá e México. Entre os parceiros de roaming da BaTelCo estão Aliant Cellular, Ameritech Cellular, BCTEL Mobility, Bell Mobility, Bell Atlantic NYNEX Mobile, BellSouth Mobility, Blue Ridge Cellular, Cantel, Cellular Holding, Cellular One Bay Area Cellular, Cellular One de Illinois, Cellular One de Southwest Florida, Comcast Cellular, Crowley Cellular, Dansbury Cellular, Pioneer/Enid Cellular, MT&T Mobile, NBTel Mobility, Radiofone, 360_ Communications, Telcel, TELUS Mobility U.S. Cellular e Western Wireless.

    Se você tem um celular pré-pago atualmente nos Estados Unidos (Erickson, Motorola ou Nokia), a BaTelCo cobra uma taxa de conexão de US$ 75 para prestar serviço enquanto você estiver em Grand Bahama; você também terá que pagar pelos minutos. As tarifas são de 40 centavos de dólar de dia e 20 centavos à noite. Se você não tem um telefone, é possível comprar um por US$ 199, com crédito de US$ 45 em minutos.

    Se sua operadora tem um acordo de roaming com a BaTelCo e seu número de celular estiver ativo nas Bahamas, você poderá desfrutar do serviço de celular. Apenas certifique-se de que seu telefone esteja ajustado para o sistema B e disque à vontade!

    Para fazer uma ligação
    Disque 7 dígitos para ligações locais e 11 dígitos para ligações para o Brasil.

    Para receber uma ligação
    A pessoa que está ligando deve discar o código de acesso da BaTelCo (242-359-7626), aguardar pelo segundo toque de discagem e então discar o número de celular incluindo o código de área.

    Cobrança
    Não há taxas para ativação de roaming nas Bahamas e você será cobrado na conta de sua operadora uma tarifa de US$ 3,00 por dia e US$ 0,99 por minuto (mais tarifa para chamadas de longa distância).

    http://www.bahamasturismo.com.br/programe/show/programese_dicas_viagem_comunicacoes

  3. OOOO Pessuti, vc poderia passar sem essa!!!
    Vai distribuir nas repartições públicas o adesivo de “amigos de pessuti”. A maioria deles está na gaveta dos funcionários. Ninguém tem coragem de colocar depois da mentira.

  4. Quem está certo?
    O Galdino ou o Pessuti?
    O Alvaro está defendendo o Pessuti.
    E quem está defendendo o Galdino?
    Lembram dos FANTASMAS que o PV instalou no gabinete do Galdino?
    Pois é, o Professor foi o único que teve coragem de denunciar as falcatruas do PV, e com muita propriedade ganhou a causa.
    Os adversários que se segurem, foram mexer com o Galdino, agora aguente….

  5. Tenho um conhecido que estava em Brasília e não conseguiu usar o celular para se comunicar comigo, aquí no Paraná, já outro em Fernando de Noronha conseguia tranquilamente.

  6. Um grande bosta. Um executivo representando o estado e o pais num acontecimento importante que é a copa do mundo gastar 5 pila de telefone é brincadeira. Só esse laranja do GaLDINO para entrar nessa. Porque de professor a fama dele é muito feia. professorzinho de merda.

  7. Parabéns pela dunúcia Professor Galdino! Continue assim!
    E quanto mais falam mal do senhor, nós falaremos muito bem e vamos novamente fazer campanha pro senhor.
    Já é nosso Deputado Estadual com todo o mérito!

  8. QUEREMOS SABER O “TEOR” DESTA CONTA “SECRETA” QUE NÃO QUEREM MOSTRAR. (PORQUE SERÁ?)

Comente