Uncategorized

Após 3 anos, Requião anuncia reforma do Palácio

De Abraão Benício no Bem Paraná

O governador Roberto Requião (PMDB) promete assinar, na “escolinha” desta terça-feira, a ordem de serviço para reforma do Palácio Iguaçu, orçada em R$ 23 milhões. A antiga sede do governo do Estado, porém, está fechada desde o primeiro semestre de 2007, quando o peemedebista anunciou a reforma o prédio. Desde então, os gabinetes do governador, vice-governador, Casa Civil e algumas secretarias foram transferidos para o Palácio das Araucárias.
Passados quase três anos, o projeto pouco avançou. O governo alega que, neste período, os técnicos da Secretaria de Estado de Obras Públicas (Seop) “fizeram o levantamento das reais condições do edifício e das necessidades de reforma e coordenou a elaboração dos projetos para a execução da obras”.

Segundo o secretário Júlio Araújo Filho, as obras serão concluídas até outubro deste ano. “É um edifício de 50 anos que nunca passou por uma grande reforma. Nós queremos resgatar sua arquitetura original, porém com toda a tecnologia que encontramos hoje na construção civil. A obra deverá durar nove meses e esperamos entregá-la até o dia 30 de outubro”, afirma.
O presidente da Comissão de Obras da Assembleia, deputado Marcelo Rangel (PPS), questiona o valor da obra e promete buscar informações sobre os detalhes da reforma. “Não sou contra a restauração deste prédio histórico, mas estou achando este valor excessivo. Quero saber o porque deste valor”, afirma o parlamentar que lembra que na reforma do Instituto de Educação de Ponta Grossa, que já dura mais de três anos, o governo Requião investiu pouco mais de R$ 1 milhão.
Descaracterização — Não é de hoje que o projeto de reforma do Palácio Iguaçu gera polêmicas. Segundo Requião, o objetivo do governo seria modernizar a estrutura funcional do prédio de 50 anos e retomar detalhes do projeto original, que é de autoria do arquiteto modernista, David Azambuja.
Porém, no final de 2008, um grupo de arquitetos e professores chegou a encaminhar denúncia ao Ministério Público (MP/PR), apontando irregularidades no anteprojeto de reforma. Segundo a denúncia, a obra iria descaracterizar o prédio, exemplo da arquitetura moderna no Paraná. Entre as alterações mais polêmicas estão a colocação de vidros verdes no lugar dos transparentes, a mudança nas esquadrias e a retirada das paredes internas, que devem dar lugar a estações de trabalho.
O Palácio Iguaçu foi construído em 1953, durante o governo de Bento Munhoz da Rocha Neto e nunca passou por uma reforma significativa.

14 Comentários

  1. Será que este dinheiro ira mesmo para a reforma do Palácio Iguaçu? Estamos em ano eleitoral!!!

  2. É! DEVE ESTAR PREOCUPADO COM O BEM ESTAR DO PRÓXIMO GOVERNADOR!
    OBRAS EM VÉSPERA DE CAMPANHA SEMPRE É BOM REALIZAR NÉ?
    DÃO MUUUIITO IBOPE!

  3. Austragésilo Reply

    Em ano eleitoral nenhuma obra dessa envergadura deveria ser autorizada. O correto é deixar para que o próximo governador decida o que fazer. O atual teve tempo de sobra para imprementá-la. Não o fez. Três anos é muito tempo para ajustar os parâmetros de uma licitação.

  4. Altair Francener Reply

    2010 – ano de eleição, todas as obras vão sair do papel, vamos aproveitar a “boa vontade” da classe politica…

  5. O melhor a fazer é não reformar nada. Só executar algumas manutenções (elétrica e hidráulica) A população tem outras prioridades. Ninguém sente falta daquele prédio.

  6. Não acredito na conclusão da obra até outubro, como foi anunciado na escolinha. Vai ficar para o próximo governador.

    A empresa vencedora, Esquadro, do jovem engº Mancini, vai
    licitar projetos elétricos, hidráulicos, telefônia, incêndio, informática, restauro das obras de arte e outros, que levará no mínimo seis meses, se não houver impugnação.

  7. 23 MILHÕES PARA REFORMAR? NÃO SOU PEDREIRO, PORÉM EU TENHO CERTEZA QUE COM 2 MILHÕES DÁ PRA REFORMAR E AINDA SOBRA TROCO…….SERÁ QUE VÃO USAR O RESTO DA GRANA PRA CAMPANHA AO SENADO? É SÓ UMA PERGUNTA, NÃO ME LEVEM A MAL…..

    O POVO BURRO SERÁ QUE VAI ACREDITAR, EM MAIS ESSA MENTIRA DESLAVADA DO REIQUIÃO?

    SE NO BRASIL AS LEIS FUNCIONASCEM NA PRÁTICA DA MESMA MANEIRA QUE ESTÃO DISPOSTAS NO PAPEL, TERIAMOS MOTIVOS DE SOBRA PRA COLOCAR ESTA CORJA DE BANDIDOS, SANGUE SUGAS DO POVO….NA CADEIA, A PÃO E ÁGUA.
    OS POLÍTICOS DEIXARAM DE TRABALHAR PRA FAZER ACONCHAVOS, TRANBIQUES, FALCATRUAS….E A POPULAÇÃO CIFO……CIFO…….
    CAMBADA DE VAGABUNDOS…..SEM EXEÇÃO……UM NÃO PRESTA E O OUTRO NÃO VALE NADA…PICARETAS DO DINHEIRO PÚBLICO…LADRÕES…..BANDIDOS……
    V A G A B U N D O S….V I G A R I S T A S.
    DESCULPEM AMIGOS MAIS É REVOLTANTE VER O QUE ESTÁ ACONTECENDO EM NOSSO PAÍS, E NÃO TEM PARTIDO E NEM POLÍTICO QUE DE JEITO, ENTROU NA POLÍTICA É O MESMO QUE ENTRAR EM UMA GANGUE DE BANDIDOS….TEM QUE SEGUIR AS ORDENS DOS SUPERIORES…..CAMBADA DE V A G A B U N D O S……EU ACHO QUE O CAMPANA NÃO VAI AUTORIZAR O TEXTO, MAIS TUDO BEM, ISSO É BRASIL MESMO, ONDE NÃO SE PODE FALAR A VERDADE.

  8. Luiz Dernizo Caron, ex-secretário de obras do estado, aquele mesmo que concluiu o “Palácio das Araucárias”; ficou famoso, levou o crédito pela obra e, por isso, foi defenestrado, demitido e humilhado publicamente pelo Requião, já tinha em mãos um orçamento desta reforma em custos bem menores.
    O legislativo, como fiscal dos atos do executivo, tem a obrigação de questionar valores e tempo de execução da obra.
    Se, os nobres deputados nada fizerem, será preocupante.

  9. João Ricardo Reply

    A foto estampa a grande obra de Requião em sua 1ª gestão: os mastros das bandeiras na frente do Palácio, os quais, aliás, nada ten a ver com o projeto original. Deixar prédios inacabados é sua especialidade. Ele se vangloria de ter concluído o Palácio das Divisórias mas esquece de dizer que naquela mesma gestão deixou o esqueleto apodrecendo.

  10. É interessante, é o efeito dominó. Na Universidade Estadual do Centro Oeste – UNICENTRO, a obra de restauração que era de no máximo 260 dias, passou para quase dois anos e ainda não terminou. A Empresa é de conhecido ex-funcionario comissionado do DER, que dava golpes nos municípios de Santa Maria do Oeste
    (1997-2000), e municípios vizinhos com a execução de pavimentação com pedras irregulares, com recursos do Estado repassado ao DER/Gpva., com a empresa TOPOPUAVA de Guarapuava, que estava em nome das três esposas dos sócios, cujo endereço era Rua Garoto da Gaita 151. Agora com nome nome, o proprietário (o mesmo) nem curso superior têm. Nem recursos financeiros a empresa possui e ganha uma licitação de R$ 603.000 mil reais com rcursos da CAIXA.

    É Brasil.

  11. É interessante, é o efeito dominó. Na Universidade Estadual do Centro Oeste – UNICENTRO, a obra de restauração que era de no máximo 260 dias, passou para quase dois anos e ainda não terminou. A Empresa é de conhecido ex-funcionario comissionado do DER, que dava golpes nos municípios de Santa Maria do Oeste
    (1997-2000), e municípios vizinhos com a execução de pavimentação com pedras irregulares, com recursos do Estado repassado ao DER/Gpva., com a empresa TOPOPUAVA de Guarapuava, que estava em nome das três esposas dos sócios, cujo endereço era Rua Garoto da Gaita 151. Agora com novo nome, o proprietário (o mesmo) nem curso superior têm. Nem recursos financeiros a empresa possui e ganha uma licitação de R$ 603.000 mil reais com recursos da CAIXA.

    É Brasil. Vamos também criar empresas de engenharia … é fácil…basta ter bons padrinhos deputados.

  12. - CAMALEÃO - Reply

    O povo foi iludido. Simon ou Sarney ?
    Quem não arruma o seu escritório, como pretende governar um Estado ? Do acampamento das araucárias ?

  13. A título de informação para os desinformados: em Brasília a reforma do Palácio do Planalto está orçada em R$ 88 milhões e a da catedral em R$ 25 milhões. Então o Palácio Iguaçu, que durante 55 anos abrigou o Governo do Estado, sem reformas profundas, é merecedor desta reforma. Pensem no futuro!

Comente