Uncategorized

Em MG, Dilma diz que vitória da oposição seria o fim do PAC

Da AE

Em um discurso marcado por um forte tom eleitoral, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, voltou a criticar adversários políticos durante inauguração da barragem Setúbal, em Jenipapo (MG), nesta terça-feira, 19. Diante de uma plateia formada por trabalhadores, a pré-candidata do PT à Presidência da República disse que se a oposição vencer as eleições deste ano, vai acabar com o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

“Foi o próprio presidente do partido de oposição (Sérgio Guerra, do PSDB) que disse que acabaria com o PAC como uma das medidas que seriam tomadas, porque o PAC não existe. O que é muito grave, porque nós estamos aqui, justamente, inaugurando uma obra concreta, real, que todos vocês sabem que existe”, disse a ministra.

Falando abertamente sobre o processo que elegerá o sucessor de Lula, Dilma lembrou as eleições de 2006, quando, segundo ela, a oposição mirou no Bolsa Família. “Esta é uma questão que nós não podemos deixar. Vira e mexe quiseram (sic) acabar com algum programa do governo Lula. Em 2006 foi a época em que eles quiseram acabar com o bolsa família. Agora, em 2010, o objetivo é acabar com obras como essa que nós estamos inaugurando. E isso nós não vamos deixar”, discursou.

A ministra também enalteceu as obras do programa e declarou que elas estão acima de qualquer partido. Durante o evento, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que o governo federal ainda vai inaugurar muitas obras no começo deste ano, porque “daqui a pouco o Geddel (Vieira Lima) não vai mais estar aqui, a Dilma também não vai mais estar aqui”.

Lula aproveitou para alfinetar os partidos da oposição, que “não gostam que o governo inaugure obras” e tentou se diferenciar, dizendo que torce para que prefeitos e governadores de qualquer partido façam suas inaugurações. “Vamos acabar com as mesquinharias nesse país de que dois caciques da política ficam brigando e quem come o pão que o diabo amassou é o povo pobre”.

‘Mineirização’

A visita de Dilma ao segundo colégio eleitoral do País é parte da estratégia do PT para aproximar a ministra de seu estado natal. Embora seja mineira, Dilma é atualmente mais identificada com o Rio Grande do Sul, Estado em que consolidou sua carreira política.

A ministra emocionou-se ao falar de sua relação com o Estado. “Eu não vou concordar em que haja uma discussão pra saber se eu sou mineira ou não sou mineira. Eu não tenho a menor duvida de que eu sou mineira. Em que pese eu ter saído de Minas Gerais, em que pese eu ter passado uma parte da minha vida num outro estado, que é o Rio Grande do Sul, eu quero dizer pra vocês, e vocês sabem disso porque é assim na vida: a gente pode sair do estado em que a gente nasce, mas ele não sai da nossa alma e do nosso coração”, disse Dilma, com a voz embargada.

Além de participar de eventos do governo federal, Dilma também estará em território mineiro para visitar a mãe e para receber homenagens na Câmara Municipal de Belo Horizonte e na Assembleia Legislativa. O argumento para as homenagens é liberação de verbas do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para obras como a duplicação da Avenida Antônio Carlos, em Belo Horizonte.

Há pelo menos um ano, desde que Dilma passou a ser considerada a candidata de Lula ao Planalto, seus principais aliados no Estado – como o ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel – trabalham na sua “mineirização”. Eles acreditam ser preciso convencer o eleitorado de que, embora tenha passado a maior parte de sua vida fora de Minas, a ministra tem raízes no Estado.

Barragem

Com 290 metros de extensão e 58 metros de altura, a obra da Barragem de Setúbal foi iniciada em 1980, e só agora foi entregue, após ser incluída no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A obra resulta de parceria entre os governos federal e estadual, que investiram respectivamente R$ 182 milhões e R$ 21 milhões.

Lula e comitiva seguirão depois para Juiz de Fora, para a inauguração de uma usina termelétrica que utilizará o etanol como gerador de energia. É uma nova experiência, em fase de testes, para a redução do nível de emissões atmosféricas. O embarque para Brasília está previsto somente à noite e a chegada às 21h45.

33 Comentários

  1. Tá começando a sentir a derrota.
    Bom, a maior parte de “inaugurações” do PAC são de pedras fundamentais (o que é rigorosamente nada, porque é teórico ponto de partida de uma obra).
    Mas nada de novo, essa senhora está acostumada a mentir barbaridade.

  2. É muita cara de pau dessa medíocre.

    Está colhendo os frutos deixado exatamente pela oposição, e ainda fala mal dela.

    E vamos ter que engolir esta megera por muito tempo ainda.

    P O R R @

  3. Ô ministra cara-de-pau, não tem serviço lá na Casa Civil não?

    Se quer fazer campanha pede demissão antes, porque o salário que o contribuinte paga é para a senhorita trabalhar e não ficar fazendo discurso no estilo do neo-amiguinho Collor (terrorismo eleitoral).

  4. Aqui em Paranaguá tem uma obra do PAC.Adivinhem o estado dela?PARADA É CLARO.
    Esse PAC é a maior ladroagem já vista em toda historia desse país.

  5. Ela disse alguma mentira?

    Alessandro, presta atenção: vc está acostumado a governo que nada fazem, nem sequer pedra fundamental, aliás, nem pedra elementar quanto mais uma fundamental!

    Vai com a turma do Lerner!!! (Beto Richa e Álvaro Dias!!!)

  6. QUER PAC DILMA ? ATÉ AGORA SÓ TEM TRIC, TRIC.

    PARE COM ESSA DE ASSUSTAR O ELEITOR DILMA.

    E SE VOCE GANHAR O POVÃO VAI PERDER SEU TERRENO NO CAMPO E NA CIDADE , E VAI QUE DIVIDIR A CASINHA DA COHAB ?

    E OS APOSENTADO VÃO SE FERRAR DE NOVO, COMO FEZ O LULA ?

    DILMA, MENOS, MENOS.

  7. scarlate homem ? ou mulher
    Preste atenção enquanto vcs hoje fazem curais eletoreiros e compra votos com com a miséria do povo

  8. A impressão que passam ao eleitor:, com esses discursos eleitoreiros, é que estão falando para um bando de brasileiros ignorantes e analfabetos, daí não saberão exercer a força do voto, fiquemos atentos.

  9. PAULO SÉRGIO MOREIRA Responder

    Aqui perto, em Ortigueira, tem obra do PAC. Uma Usina no Rio Tibagi. Está a todo vapor a construção.

  10. Valmor Lemainski - Cascavel Responder

    Aguardo com ansiedade o horário eleitoral, especialmente os debates. Aí terá que falar a verdade, prestar contas, mostrar que sabe administrar para transferir confiança ao povo e conquistar o voto.
    Para quem não soube explicar o caso do dossiê do FHC, o mestrado na USP, a audiência com a delegada de Receita Federal, por que o PAC não anda, etc…acho que ficará difícil, especialmente por ser temepramental e acostumada a destratar subordinados.
    Agora, votar em um candidato ou candidata só porque o Lulla quer é um pouco temeroso e pode dar uma tremenda dor de consciência depois. Votemos no ou na melhor para o bem do país e de nossos descendentes.

  11. É comum o povo ficar desesperado, pois ja é difícil emplacar uma candidatura de um tucano para sucessão, e ainda agora inaugurando obras por esse Brasil a fora vai ficar mais difícil ainda. Dizem que o povo tem memória curta, mas o povo quando sai do sofrimento para uma melhora na sua vida não esquece do passado não e com certeza ninguem quer voltar a era NEO-DEMOTUCANA, O pais cresceu a economia esta estabilizada e não foi preciso vender nada do país e nem pegar emprestado.

  12. Bem, se a oposição vai acabar com o emPACado com certeza o meu voto é da oposição!

    É PRECISO ACABAR COM O QUE DEU ERRADO!!!!!!!!!!! É PRECISO ACABAR COM A FALSA E VERGONHA QUE É O PAC E SUA MADRASTA!!!

  13. isso nâo é palavra dela é do tucano sergio guerra e a futura presidente deve alertar as pessoas de bom senso

  14. Somente pesso à que as pessoas de bem leiam e acessem o site no final do comentário.

    O LIVRO PROIBIDO…
    O jornalista Ivo Patarra levou ‘O Chefe’ a duas editoras, que recusaram a publicação do livro.
    O livro sobre as falcatruas do Lula, que foi proibido, está disponível para leitura na Internet.
    DIVULGUEM ESTE LIVRO SEM RESTRIÇÃO PARA A LISTA DE E-MAILS… O livro que compila todos os escândalos do desastroso governo Lula, não conseguiu ser publicado!!! Todos se negaram a publicá-lo.
    Assim sendo, seu autor resolveu colocá-lo na Internet à nossa disposição, para ler online ou baixar.
    Acesse o site:

    * http://www.escandalodomensalao.com.br *

  15. VIGILANTE DO PORTÃO Responder

    É a apelação em pessoa.
    A “Ester” é uma mentirosa, sendo que agora ela não pode alegar que mente por estar sendo torturada, mente de safada mesmo. kkk

    P.S. “Ester” era um dos nomes utilizados pela Dilma, nos tempos em que comanadava assaltos à bancos e sequestros de embaixadores.

  16. Tudo o que a Dilma disse é a mais pura verdade.
    Ela apenas repetiu o que Sergio Guerra, presidente do PSDB disse na entrevista que deu a Veja.
    Sergio Guerra não disse que ia só abacar com o PAC, não! Também disse que ia mexer nos juros e em outras coisas também.
    Serra não teria gostado nenhum pouco das declarações do Sergio Guerra, pelo visto Serra tinha razão.

    Os petistas agradecem Sergio Guerra por essas declarações.

  17. ANA JULIA DE OLIVEIRA Responder

    Conversa fiada da boneca barbi. Afinal este tal de PAC é feito, um pouquinho, mas pouquinho com dinheiro meu, teu, seu. Quem é uma ministra de Estado falar isso. Cada governo faz infra-estrutura como quer e batiza como quer. Aliás falar em comparação esse governo não fez quase nad até agora de infra-estrutura, não tem estradas……não tem educação de qualidade, não tem saúde, olhemos onde tem obras de infra-estrutura. Aqui na minha cidade e região, ninguém viu nada.

  18. MALDITOS BOLSISTAS Responder

    MALDITOS BOLSISTAS;
    SEM CULTURA;
    SEM FUTURO;
    SEM EDUCAÇÃO;
    VERMES PREGUIÇOSOS;
    SEM IDEOLOGIA;

    MALDITOS HOMENS QUE VIVEM DE FUTEBOL, CARNAVAL, SAMBA, PAGODE, BIG BROTHER, NOVELAS, E ACREDITAM NO MALDITO ILUSIONISTA, PREGADOR DE MENTIRAS E SUA MACHORRA GUERRILHEIRA, ASSALTANTE DE BANCOS, MENTIROSA DILMONA.

    MALDITOS SEJAIS VÓS QUE SÃO A MAIORIA, E QUE COM SEUS ATOS DE IRRESPONSABILIDADES PREJUDICAM OS QUE TEM COMPETÊNCIA, RESPONSABILIDADE, DINHEIRO CONSEGUIDO AS DURAS PENAS, ATRAVÉS DO SUOR DO TRABALHO,QUE PENSAM NA FAMÍLIA, EM DAR AOS FILHOS UMA BOA ESCOLA, PLANO DE SAÚDE, EDUCAÇÃO PARA NÃO DEPENDER DESTE GOVERNO PELEGO, MISERÁVEL E ASSISTENCIALISTA.

    FORA POBRESA, CLASSE MÉDIA E IGUALDADE PARA TODOS.

  19. Vejo que tem um monte de desesperado comentando o que não sabe, ou por medo de perder aquilo que talvez nem tenha ganho, a famigerada casinha germinada. Isto é uma piada. Quem lembra a promessa das 10 milhões de casas até 2010?…política pura, ficou muito longe, bem que a oposição afirmou que seria uma dívida, a qual seria prometida para serem concluídas em outro governo do PT. Procurem saber quantas casas do PAC foram feitas e quantas estão paradas, quantas obras paradas por irregularidades, vamos deixar de sermos hipócritas, e achar que o cara é bom, só porque veio da classe pobre. Abram o olho antes que seja tarde.

  20. PAC Programa de Alavancagem de Campanha da guerrilheira Estela tá indo pro brejo. Não há mais dinheiro para manter essa negociata.
    Gostaria de saber da Dilmalandra qual o valor atualizado da Dívida Externa, da Dívida Interna (Estados e Municípios), e o que está sendo feito pelo desgoverno do deslulambrado em relação a isto.
    Porque a hora que isto estourar quero estar bem longe.

  21. E é tudo verdade! O Guerra lançou uma guerra contra o PAC eles querem fazer o que faziam antes: nada!
    O Brasil não merece isso…

  22. Vamos analisar…O que é o PAC? Nada mais é do que as obras previstas na Lei do Plano Plurianual para um período de 4 anos. Isto é, investimentos a médio prazo para uns e longo prazo para outros. Como é uma Lei aprovada pelo Senado ela tem que ser executada, em conformidade com o exercício previsto, visto que os recursos existentes na Lei do Orçamento que é anual, estão contingenciados para essas obras. Caso não execute, o Poder Executivo deverá justificar ao Poder Legislativo, bem como refazer todo o planejamento de governo.
    Enfim, o Presidente apenas está executando o que foi previsto no Plano Plurianual e no Orçamento da União (art.165 da CF/88).

    Agora o nome ” PAC” esse é invenção de publicitário. Entenderam!!!!!!!!!

  23. Já era de se esperar que iam usar o bolsa esmola (bolsa famílai = cópia piorada do bolsa escola do FHC) e afins como bandeira política…
    A Dilma presidente seria o fim do Brasil, aí a bandalheira tomaria conta mesmo… Basta consultar a ficha policial dessa bandida e de outros cupinchas dela…
    PT = Perda Total…

  24. O BRASIL AGORA SIM É O PAÍS DO Responder

    MALDITO EGOÍSMO

    PENSAR NA MINORIA RICA DESSE PAÍS FOI A PRATICA DE MAIOR FORÇA DO PAÍS DURANTE E DEPOIS DA DITADURA ATÉ 2002.
    O PAÍS MEU CARO AMIGO, É REGIDO E MOVIMENTADO POR AQUELES QUE GOSTAM DO FUTEBOL, CARNAVAL, SAMBA E PAGODE, POR AQUELES QUE NÃO TEM A OPORTUNIDADE DE IR ATÉ ORLANDO OU BARILOCHE, SE DIVERTIR.
    VOCÊ SABE O QUE ACONTECEU COM A ARENA E OS MILITARES? PESQUISE E VERÁ QUE ELES FICARAM NO PODER ATÉ 2002 E O PAIS ESTAVA BOM, PARA UMA MINORIA POIS PRA MAIORIA ESTAVA PÉSSIMA.
    FALAM QUE O PLANO REAL COMEÇOU COM O FHC, CONCORDO, MAS ELE NÃO CONSEGUIU E NÃO DEIXOU O PRESIDENTE DO BANCO CENTRAL FAZER AS MUDANÇAS NECESSÁRIAS PARA ESTABILIZAR AS MOEDAS, PREFERIU VENDER O PATRIMÔNIO PÚBLICO PARA SEUS AMIGUINHOS, FALAM TANTO NA TELEFONIA COMO UMA GRANDE VITÓRIA DAS PRIVATIZAÇÕES DO GOVERRNO NEODEMOTUCANO, E EU PERGUNTO: A EDUCAÇÃO? A SAÚDE? INFRAESTRUTURA? AÇÃO SOCIAL? AGRICULTURA FAMILIAR? APOSENTADOS? E A ENORME TAXA DE PESSOAS VIVENDO A BAIXO DA POBREZA?
    MEU CARO VOCÊ DEVE VIVER EM UMA ILHA, ISOLADO DO MUNDO PRA ACHAR QUE POBREZA TEM QUE SER DEIXADO DE LADO, UM PAÍS POBRE NÃO CONSEGUE CRESCER MEU CARO AMIGO.

    SAUDAÇÕES COMPANHEIRO, 2011 ESTAREMOS LA, DAI SIM VAIS SER GOVERNO!

  25. Para o povo questionar!

    Para o povo questionar, as premissas que embasam!
    O presente colapso, econômico e social que passam!

    Por conta disso, se acostumaram, a conviver com a economia!
    Que financia o estelionato político, o caos social e a tirania!

    O sistema capitalista está plenamente falido, e acompanha o spread bancário!
    E da maneira que nos mostram, é uma aberração irrefutável e falsário!

    Um grupo de bandidos, institucionalizados e banqueiro!
    Empresta a 10% aos Estados, e a 100% ao Brasileiro!

    E desse mesmo Estado 80%, serve para abastecer, a tal corrupção!
    Porque o roubo está impregnado, nas entranhas do país e na mente do cidadão!

    Tudo passa como “normal”, enquanto que na verdade!
    Este é um crime gigantesco inaceitável em sociedade!

    Contra o povo brasileiro, produz somente flagelos; enquanto vão criando bandos de marginais perdidos!
    Vão roubando o pão de crianças, concentrando o poder financeiro, nas mãos dos piores bandidos!

    Tornam as verbas de nossos impostos, um crime ilícito, mas institucional!
    E o povo nem percebe, que o político brasileiro é o CANCER NACIONAL!

    Mas 2010 vêm aí, gente!
    Vamos preparar o povo e a mente!
    E fazer uma limpeza de cloaca, nessa elite neofascista!
    Que infesta o presente, não desanime nem desista!

    Seremos otimistas, temos forças e vamos em frente!
    Retirar os corruptos, que degradam a sociedade inocente!

    Eu não voto e nem aceitarei ser representado por bandidos, ex-assaltantes e assassinos!
    Não confiarei a chave dos cofres públicos, a quem roubou, mesmo correndo risco de ser preso ou morto!
    Esta atitude seria o mesmo que entregar um cheque em branco a um ex-ladrão!
    Não vou ajudar a colocar uma raposa para cuidar do galinheiro!

  26. HUMBERTO MEDINA
    NEY HAYASHI DA CRUZ
    da Folha de S. Paulo, em Brasília

    Sob Luiz Inácio Lula da Silva, ministros e assessores graduados repetem uma prática antes condenada pelo PT. Engordam os salários por meio da participação em conselhos de administração de empresas estatais, controladas pelo Tesouro Nacional.

    Há casos em que o salário mais do que dobra. Secretários chegam a ganhar mais que ministros. Um exemplo é o secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Maurício Tolmasquim. Seu salário, no ministério, é de R$ 8.000. Para participar do conselho de Itaipu, recebe R$ 7.800. No conselho da Eletrobrás, obtém mais R$ 1.600. Também presta serviços a Furnas, onde recebe R$ 1.427. Sua remuneração total é, portanto, de R$ 18.827.

    O secretário-executivo da pasta das Minas e Energia costuma assumir também uma vaga no conselho da CBEE (Comercializadora Brasileira de Energia Emergencial). Tolmasquim ainda não foi indicado. Mantida a praxe, seu salário saltaria para R$ 20.327.

    A ministra Dilma Rousseff, chefe de Tolmasquim, ganha R$ 8.280 no ministério. Para participar do conselho da Petrobras, recebe aproximadamente R$ 2.800. Como também participa do conselho da Eletrobrás, soma aos vencimentos outros R$ 1.600. No total, leva R$ 12.680 _ pouco mais da metade da renda de seu subordinado.

    Outro secretário que catapultou seus vencimentos por causa do “efeito conselho” foi Joaquim Levy, do Tesouro Nacional. Obteve assento em Furnas (R$ 1.427), no Banco do Brasil (R$ 1.785) e na Caixa Econômica Federal (R$ 1.704). Ou seja, seu salário vai de R$ 7.500 para R$ 12.416.

    O ministro ao qual Levy está subordinado, Antonio Palocci (Fazenda), ganha menos: R$ 8.280 no ministério mais R$ 2.800 na Petrobras. Um total de R$ 11.080, 7% a menos que seu secretário.

    A lei 9.292/96 determina que os membros dos conselhos de administração e fiscal das empresas estatais (sociedades de economia mista ou controladas direta ou indiretamente pela União) não podem ganhar mais do que o equivalente a 10% do salário médio de seus diretores.

    Jetom
    Os conselhos existem _tanto nas estatais como no setor privado_ para que os acionistas possam acompanhar mais de perto a gestão de suas empresas.

    A remuneração dos conselheiros das estatais é conhecida como jetom. Pode ser um valor fixo mensal ou paga por reunião. Geralmente, os conselhos se reúnem uma vez por mês. Mesmo com as privatizações durante o governo Fernando Henrique Cardoso, os gastos com conselhos de administração aumentaram 272% em oito anos. Saiu de R$ 1,22 milhão para R$ 4,76 milhões.

    A exceção ao limite de 10% estabelecido em lei fica por conta da hidrelétrica de Itaipu, que, por ser uma empresa binacional (Brasil-Paraguai), não está sujeita a essa lei. Paga aos membros de seu conselho de administração generosos 40% do salário de seus diretores.

    Estão no conselho de Itaipu, além do secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, o sindicalista petista João Vaccari Netto (que esteve cotado para assumir a presidência do Banco do Brasil) e o presidente da Eletrobrás, Luiz Pinguelli Rosa.

    O conselho da Eletrobrás acomoda, além da ministra de Minas e Energia e do presidente da estatal, a economista Maria da Conceição Tavares.

    Entre os ministros, o salário que mais aumenta por causa do “efeito conselho” é o de Dilma Rousseff (53%). É a única ministra que participa de dois conselhos.

    Os ministros José Dirceu (Casa Civil), Antonio Palocci (Fazenda), José Viegas Filho (Defesa), Guido Mantega (Planejamento) e Luiz Furlan (Desenvolvimento) participam de um único conselho. Aumentam seus salários em percentuais que variam de 15% a 33%.

    O ministro Miro Teixeira (Comunicações), se decidir assumir a vaga que de praxe é ocupada pelo titular da pasta nos conselhos da Telebrás e dos Correios, aumentará seus vencimentos em R$ 2.400. Como optou por receber salário de deputado (R$ 12.710), em vez do de ministro (R$ 8.280), sua remuneração mensal chegaria a R$ 15.110.

    Entre as empresas estatais, a que melhor paga a seus conselheiros é a hidrelétrica de Itaipu (R$ 7.800), seguida da Petrobras (R$ 2.800). As outras estatais oscilam na faixa entre R$ 1.200 e R$ 1.700

    Entre 2003 e 2007, os executivos da Petrobras (presidente e diretores) tiveram um reajuste salarial médio de 90%, com vencimentos anuais saltando de R$ 368 mil para R$ 701 mil. (Fonte: Correio Braziliense, por Amaury Ribeiro)

    Com salários assim, claro que farão de tudo para barrar a CPI.

    Veja a lista dos barões da Petrobras que dobraram o salário (incluindo bônus) em 2007, e a qual partido pertencem:

    1- Almir Guilherme Barbassa (PT)
    Cargo: Diretor Financeiro e de Relações com Investidores
    Remuneração média: R$ 710 mil
    Indicação: PT

    2-Guilherme de Oliveira Estrella (PT)
    Cargo: Diretor de Exploração e Produção
    Salário e bônus: R$ 701,76 mil
    Indicação: PT

    3- Paulo Roberto Costa (PMDB)
    Cargo: Diretor de Abastecimento
    Remuneração média: R$ 710 mil
    Indicação: PP, com apoio do PMDB do Senado

    4- Maria das Graças Silva Foster (PT – nomeada pela ministra Dilma Rousseff)
    Cargo: Diretora de Gás e Energia
    Remuneração média: R$ 710 mil
    Indicação: PT, da cota da ministra Dilma Rousseff

    5- Jorge Luiz Zelada (PMDB)
    Cargo: Diretor da Área Internacional
    Remuneração média: 710 mil
    Indicação: PMDB da Câmara

    6-Renato de Souza Duque (PT)
    Cargo: Diretor de Serviços
    Salário: 706,26 mil
    Indicação: PT

Comente