Uncategorized

Alvaro Dias quer punição dos responsáveis por dossiê contra Serra

Diante de reportagem da edição de 7 de junho da Revista Veja em que o delegado federal aposentado Onésimo Sousa afirma ter recebido proposta no valor de R$ 1,6 milhão para grampear o telefone do ex-governador e atual pré-candidato à Presidência da República José Serra, com a finalidade de utilizar o material para prejudicá-lo na campanha eleitoral, o senador Alvaro Dias (PSDB-PR) pediu que o governo promova a responsabilidade civil e criminal dos responsáveis.

De acordo com a reportagem, o pedido teria partido da equipe do comitê de campanha do PT à Presidência da República, tendo à frente os jornalistas Luiz Lanzetta, supostamente representante do ex-prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel, e Amauri Ribeiro, e o empresário Benedito de Oliveira, com vínculos com o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

55 Comentários

  1. Não vai dar em nada.O PT como de costume vai negar tudo e o MP e o judiciário estão comendo nas mãos desta quadrilha, portanto senador Alvaro Dias, não perca tempo.

  2. Eleitor do Paraná Responder

    Senador Alvaro Dias,é perder seu tempo precioso falar em dossiê,pois se essa menina é boa,fica frio,O Candidato é o
    Serra,e não ela.Isso nos deixa pensando que ai tem….

  3. Tem razão, o nome da metade dos culpados já é conhecido.
    Mas se fosse só o dossiê seria ótimo.
    Desde que essa podridão do PT está no poder, não há punição pra seus integrantes e amigos. Teve mensalão, aloprados (versão 1), caixa 2 em Santo André, assassinato de Celso Daniel (e testemunhas do caso), Bancoop, asilo político e empregos pra integrantes das FARC (ex: Oliverio Medina e sua mulher), MST, idiotização das crianças e dos jovens (cartilhas e matéria do ENEM mentirosa e pró-comunismo), festa dos cartões cooperativos, esquemão de aquisição da agora OI Telecom com ajuda do compadre do presidente e mais umas centenas de porcarias.

  4. Isso mesmo ! Punição neles ! O problema é que a TUCANALHA ficará sem candidato … hehehehe ! Tem que punir quem pediu ao Ganhador do Prêmio Esso e Vladimir Herzog , Amaury Ribeiro Jr, fazer a reportagem sobre o sub-mundo da privataria . Aproveita e manda para cadeia toda quadrilha TUCANALHA que vendeu o Brasil e está toda denunciada no Livro do Jornalista .

  5. Esse Alvaro Dias parece um cachorro raivoso,ele não consegue disfarçar o ódio do Lula ter revertido a eleição de 2002 em favor do Requião…tudo que é coisinha que falam q pode prejudicar o Lula ou os objetivos dele ele leva em frente com o maior alarde.Não se ve esse senador paranaense empenhado em nada que seja progressivo para o Paraná,parece comadre de beira de cerca,vá trabalhar senador,com esse rancor do presidente,vc não traz beneficio nenhum para o estado,tá dando murro em ponta de faca,pois a popularidade do Lula só cresce e a candidata dele tbm,e ainda faz tudo pensando em ajudar um partido onde não tem nem condiçoes de sair candidato….francamente.

  6. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    Esta mas que certo o Senador Osmar Dias.
    Chega de impunidade. Esta quadrilha do PT ja passou dos limites.

    DEMOCRACIA. “poder emanado do povo para o povo”,
    LULACRACIA. de Lula para lula.

    CHEGAAAAAAA

  7. Sera que o senador Alvaro Botox Plastificado Implantado Capilar Dias ja nao sabe que este suposto dossie foi feito pelo proprio PSDB do mineirinho Aecio, cuidado senador pois se vier a publico o que tem neste dossie ai sim que o seu candidato vai despencar. Acho que esta na hora de verificar o que tem neste achado do jornalista Amaury Jr. E vai ser publicado depois da Copa, ai sim vamos descobrir as falcatruas das privatizacoes que ocorreram na epoca do FHC.

  8. A petralhada não aprende!

    No momento em que o José Serra acusa a estrutura da direção nacional da campanha da Dilma (PT) de estar montando uma nova farsa a Justiça Federal afirma que o petista Hamilton Lacerda é o homem da mala de dinheiro no caso do dossiê contra os tucanos, sendo que este vergonhoso episódio que manchou a campanha de reeleição de Lula em 2006.

    Em uma decisão de 2009 de Jefferson Schneider, juiz da 2ª Vara Federal de Cuiabá (MT), diz “existir evidência suficiente” de que o petista levou R$ 1,7 milhão a um hotel em São Paulo. Ele sempre negou ter transportado mala de dinheiro e já era acusado pela Polícia Federal, mas nenhuma manifestação do juiz do caso tinha vindo à tona ainda. Com a posição assumida pela Justiça em cima de provas concretas, tais quais as imagens das câmeras do hotel que o mostram entregando o dinheiro, ele e a direção do PT foram desmascarados.

    Hoje bem de vida, Lacerda e os demais “aloprados”, denominação que o Lula deu aos envolvidos no fato, vivem despreocupados com a investigação do dossiê.

    Na época a PF indiciou o Lacerda sob acusação de lavagem de dinheiro, mas ele não entregou de onde tinha vindo os R$ 1,7 milhão apreendido com dois emissários petistas, sendo que o segundo que participou diretamente da entrega foi o Lorenzetti. O petista nunca revelou a origem dos recursos. Na época, Lacerda era um dos coordenadores da campanha de Mercadante a governador. Com o escândalo, perdeu o cargo e deixou o PT.

    O entendimento da Justiça frontalmente contradiz o que é afirmado pelas lideranças petistas, às mesmas que avalizaram a volta de Lacerda ao partido. O argumento foi o de que “não havia provas contra ele” no caso.

    De simples assessor parlamentar do senador Aloizio Mercadante (PT-SP), com salário de aproximadamente R$ 5.000, 00, Lacerda passou há dois anos a proprietário de uma fazenda de plantação de eucaliptos com 247 hectares de área e a propriedade está avaliada em aproximadamente R$ 500 mil, como também de uma revenda de produtos agrícolas, que é um negócio com capital social de R$ 1,5 milhão. O que para todos significa ser este o preço do “cala boca”.

    O sócio do Lacerda é o Juscelino Dourado, sendo este um ex-assessor de Antonio Palocci, que esteve envolvido com um negociador de propinas para o PT. O Dourado foi chefe de gabinete de Palocci até setembro de 2005. Ele só deixou o cargo devido ao escândalo sobre as suas ligações com um advogado que afirmou ter negociado propina de R$ 6 milhões para o PT em troca da renovação de um contrato da Caixa Econômica.

    Jorge Lorenzetti, outro dos envolvidos, na época do escândalo era funcionário da cúpula da campanha de Lula, responde por um débito de R$ 18,1 milhões no Basa (Banco da Amazônia). A dívida se refere a empréstimos feitos pelo banco à Nova Amafrutas, uma fábrica de sucos no Estado do Pará que de forma fraudulenta faliu no fim de 2006 e da qual Lorenzetti era um dos diretores. Quase um ano após o dossiê, o Basa passou a cobrar na Justiça dos então diretores da empresa, entre eles Lorenzetti. Documentos obtidos pela Folha de S. Paulo mostram que ele foi avalista no Basa de ao menos três empréstimos a partir de 2005, sendo que estes somam R$ 1,3 milhão. O último contrato é de fevereiro de 2007, após a falência da empresa. Hoje o Lorenzetti é dono da rede Mage Sanduicherias, que vende sanduíches em shoppings da região de Florianópolis e Comburiu, mas a empresa foi aberta em nome da ex-mulher e da filha.

    Outro envolvido diretamente nos bastidores do criminoso episódio de 2006 foi o , Expedido Veloso, que na época aparentemente tinha sido o único punido ao perder o cargo de diretor de Gestão e Risco do Banco do Brasil, mas não foi, pois em 2008 foi promovido a diretor-superintendente da subsidiária BB Previdência. Atualmente o Veloso administra 41 planos de previdência complementar de empresas ou entidades privadas, com ativos totais de R$ 1,37 bilhão.

    Como confiar no PT e em seus dirigentes?

    NÃO DÁ PARA ESQUECER E MUITO MENOS PERMITIR QUE OS TRISTES FATOS OCORRIDOS EM 2006 ENVOLVENDO DIRIGENTES DO PT VENHAM DE NOVO A ACONTECER!

  9. O que os Petistas fizeram é crime previsto no Código Penal e também na Constituição .

    As digitais deixadas são esclarecedoras,e comprobatorias.

    As declarações de Lanzeta a mando de Pimentel, braço direito da Dilma são estarrecedoras.

    E quem está pagando os bandidos a serviço dessa política suja?

    A Operação tapa buraco está a todo vapor por aí e aquí com MENTIRAS e ACUSAÇÕES falsas prá livrar a cara desses canalhas.

    Vale a pena tentar ganhar uma eleição com tática de guerrilha ?

  10. Esse a r v a r o, e uma gracinha, como diria a nossa querida Heber camargo.
    tao envenenano com falços dossie, pra ver se engamela o povao, nao somos
    mais bobo seu tolo, o teu canidato ja foi pro saco.

  11. manda provar! o da peruca, depois de ter sido passado p/ traz pelo partido, está im´possível! VÊ HONESTIDADE ATÉ NO REQUIÃO!

  12. E nós queremos saber se é verdade a história da sociedade da filha do Serra com a filha do Daniel Dantas. Só isso.

  13. Acorda Alvaro, A verdade já veio à tona. O golpe do dossiê falhou!
    Só vc é que não sabe que trata-se de mais uma picaretagem tucana!

  14. Quando Alexandre Garcia, ex-funcionário do Banco do Brasil, do antigo SNI e do Gabinete Militar da presidência da República, demitido por assédio sexual, governo Figueiredo, mostrou os “fatos” relacionados ao dossiê, esqueceu-se de dizer que o jornalista do ESTADO DE MINAS é ligado ao ex-governador Aécio Neves e que a imensa e esmagadora maioria da mídia já havia ligado o dossiê a Aécio.

    Toda a trajetória totalitária, corrupta e venal de José Arruda Serra foi levantada a pedido do governador de Minas, então disputando a indicação presidencial com o tucano paulista, quando tomou conhecimento que Arruda Serra havia preparado um dossiê contra ele.

    Uma espécie de legítima defesa, digamos assim, num ambiente fétido, o tucanato. Disputa pela chefia da quadrilha.

  15. A questão não é quem fez o dossiê, quem mandou fazer ou quem tem a cópia.
    Na verdade se é dossiê, livro ou relatório é o que menos importa.
    Trata-se de uma denúncia, grave e abrangente e que dá nome aos bois: José Serra e seus parentes, agregados e sócios. Dantas, FHC e os cardeais tucanos.
    Mas nossa mais tradicional ( no sentido de velha)mídia tenta de maneira torpe criminalizar quem fez a denúncia e ainda seguindo o ZéVampiro acusa Dilma de ter criado o dossiê, ou ao menos seus auxiliares, petistas em geral!
    A denúncia, as acusações e o caso todo não importa para essa petulante elite que considera crime ser acusada de algo, mesmo que com provas!
    Zéserrote é a vítima, a quadrilha tucana não pode ser acusada de corrupção porque “eles” querem uma campanha limpa!!!!

    Fazem igual aos casos de estupro de meninas, onde o safado alega que a menina pediu e provocou.

    -Não foi! Mas se Dilma tivesse levantado provas de crimes praticados por Serra, que realmente os cometeu, qual o problema?

  16. PELO AMOR DE DEUS NÉ………NEM COMEÇOU Á CAMPANHA E JÁ ESTA NESTE NIVEL:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

  17. salete cesconeto de arruda Responder

    O que Alvaro espera?
    Tirar o BETO DA JOGADA – tentando fazer de conta que o livro do Amaury Ribeiro Jr – Jornalista premiado – não está no CONVERSA AFIADA contando todo o ESCÂNDALO DO SERRA E DO DANTAS?!
    Passe lá no CONVERSA AFIADA.
    Dizem que já tem tucano – desviando do Serra.
    Se o Paraná fosse UNIDO – lançava até candidato a PRESIDENTE.
    O SERRA não vai ter como se segurar depois do livro ser todo publicado.
    E dizem que o Aécio já não quer mais ser TUCANO.
    Será?
    Esse Aécio é garoto esperto.
    Acertou o TUCANO bem nomeio da VIDA PRIVADA.
    E no Paraná não vai ROLAR mais nenhum escândalo?
    Não tem mais FANTÁSTICO?
    Falando no Paraná o OSMAR já escolheu o noivo?
    Se demorar muito vai criar RAMSO.
    Quem avisa amigo é.
    Abraços Fábio.
    DIAS LINDOS!!!

  18. Perguntas ao inclito Senador Alvaro Dias.
    1-O Delegado Onésimo de Souza não faz parte da equipe do inclito Dep Marcelo Itagiba que faz arapongagem para o Serra desde quando ele foi Ministro da Sáude?
    2-O Jornalista Amauri Jr que vai lançar o livro ” os porões da privataria” mostrando as falcatrua dos tucanos na época das privatizações, deu entrevista a Folha e disse que este delegado que deu declaraçoes a Veja falou na tal reuniao que ” eles estao desesperados, tentaram encontrar alguma coisa contra a Dilma e o Aecio e não encontraram nada, mas segundo esse Delegado, o Itagiba e seus arapongas possuem 100 dossies contra o pmdb para força-los a debandar para o lado do seu partido o Psdb. Pergunto o senhor pretende acarear o jornalista Amauri Jr e confronta-lo com o Delegado Onesimo? Quem produziu dossies contra Roseana Sarney,Garotinho, José C. Martines, do ptb aliado a epoca do Psdb, Ciro Gomes, até contra pessoas aliadas como o Irmão do Tasso Gereissati, Geraldo Alckimim não foram os arapongas do Serra?

  19. Esse cara é um panacão.
    É o genérico do Requião.
    Ele se esqueceu do caso do Badep.
    Meu Deus o Parana não merece nem ele e nem o Requião.

  20. Arapongas do pseudo-dossiê já prestaram serviços para Serra
    Em tempos de espionagem e contra-espionagem, vale a pena resgatar algumas informações que a mídia não gosta de relembrar mas que já frequantaram o noticiário político brasileiro com destaque. De um leitor-colaborador do blog Viomundo, surge esta indicação de matéria do Correio Braziliense, datada de 2002, que revela com nitidez como José Serra atua nos bastidores das disputas políticas.

    A matéria revela como Serra se valeu, há oito anos, dos serviços de arapongagem comandado por pessoas que agora estão envolvidas no novo caso “dossiê”. Veja abaixo a reportagem de Luiz Alberto Weber publicada pelo Correio em 14 de março de 2002.

    Na Saúde, Serra multiplicou gastos com empresa de ex-agente do SNI

    O Ministério da Saúde, onde até 21 de fevereiro último despachava o candidato tucano à Presidência, José Serra, tem uma forte proximidade com escutas telefônicas — mas do outro lado balcão.

    Serra, quando ainda ministro, autorizou a contratação por R$ 1,8 milhão da empresa carioca Fence Consultoria Empresarial, especialista em detectar escutas clandestinas. Só neste ano, a Fence recebeu do ministério R$ 226 mil, o que torna o órgão o maior cliente da empresa carioca dentro do governo. Os valores recebidos pela Fence e sua própria existência acrescentam mais combustível ao dossiê que investigadores privados do PFL tentam montar para apontar o envolvimento de integrantes do governo (FHC) em suposta escuta montada no escritório da empresa Lunus, de propriedade da governadora Roseana Sarney.

    Atribui-se a um grampo clandestino o fato de a Polícia Federal ter sido alertada e descoberto que os cofres da Lunus guardavam R$ 1,34 milhão, que seriam usados na campanha da candidata do PFL à Presidência. O dono da Fence, Enio Gomes Fontenelle, é um ex-coronel do Exército que por muitos anos trabalhou no extinto Serviço Nacional de Informação (SNI), órgão de investigação oficial durante a ditadura militar, que desapareceu para dar vez à Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Ex-chefe da área de comunicações do SNI, Fontenelle é um craque em espionagem eletrônica.

    Antigos agentes do SNI atribuem a Fontenelle a modernização do arsenal tecnológico da agência nos anos 80. O coronel chegou a comandar um grupo que desenvolveu aparelhos de escutas com tecnologia nacional em substituição aos importados. Depois de aposentado, especializou-se em combater os grampos. Entre os clientes da Fence, estão o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e a hidrelétrica de Itaipu.

    A empresa é respeitada no mercado pela competência tecnológica e discrição. Nos últimos meses, Fontenelle esteve várias vezes no Ministério da Saúde, onde encontrou-se com Serra. Hoje, cerca de 600 telefones e ambientes (salas de reunião e gabinetes) são monitorados pela Fence no ministério. A empresa rastreia, principalmente, a existência de grampos ou emissores de rádio clandestinos, com capacidade de transmitir conversas para um interceptador posicionado a até 100 metros de distância. O coronel tem outro conhecido comum com Serra: o delegado da Polícia Federal Marcelo Itajiba.

    O delegado foi assessor do candidato tucano em Brasília. Mas, antes de desempenhar essa função burocrática, era chefe do Centro de Inteligência da PF, a mais produtiva instaladora de grampos legais a serviço do governo. No ministério, Itajiba montou uma mini-central de inteligência, que contou com a participação dos delegados da PF Onésimo e Hercídio.

    Itajiba é da copa e cozinha do ex-ministro. Serra tentou, sem sucesso, fazê-lo diretor-geral da Polícia Federal, em 1999. Hoje, o delegado está no Rio, assim como Fontenelle. ‘‘Conheço o delegado, mas apenas de contatos superficiais’’, disse Fontenelle ao Correio.

    Segundo a assessoria do ministério, o reforço no orçamento anual da Fence (que mal passava de R$ 100 mil) deveu-se ao temor de Serra de ser grampeado por representantes das indústrias de tabaco e de medicamentos, que tiveram interesses contrariados pelo ex-ministro.

    Assessores do ex-ministro dizem que durante a campanha pela popularização dos remédios genéricos e contra o cigarro Serra amealhou muitos inimigos. Antes, a varredura (como é chamado o trabalho de localização de escutas) era mensal. Hoje, segundo informações da segurança do ministério, ela é semanal. Registre-se, porém, que as batalhas de Serra contra o fumo e contra os grandes laboratórios datam de dois anos atrás e hoje as relações estão pacificadas.

    As investigações realizadas pelos arapongas do PFL sobre os autores do suposto grampo na sede da Lunus haviam apontado, primeiro, para a possibilidade de envolvimento de uma empresa de Brasília, a Interfort Sistemas de Segurança. As suspeitas contra a Interfort deveram-se ao fato de José Heitor Nunes, gerente da empresa, ter estado várias vezes no Maranhão nas semanas que antecederam a invasão da Lunus.

    O que o PFL desconhece é que o coronel Fontenelle (ex-integrante do SNI), o delegado Itajiba e Onésimo (ex-chefe da área de Inteligência da PF) e Nunes (dono de uma empresa que presta consultoria para PF na área de escutas) se conhecem. Ex-militar do Exército, Nunes tem trânsito livre nos órgãos do governo dedicados a fazer investigação. Como consultor de segurança, Nunes dá aulas para os arapongas da Polícia Federal e da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Durante sua militância empresarial e militar, conheceu Itajiba e o coronel Fontenelle. É ainda amigo do delegado Onésimo, que também trabalhou com Serra e hoje presta servivo à empresa ControlRisk, especialista em investigações e medidas de segurança.

    OS DOSSIÊS E OS INVESTIGADOS

    Ao que tudo indica, os agentes que se espalharam pelo país produziram vários dossiês diferentes. As primeiras informações sobre eles começaram a circular na semana seguinte à apreensão dos documentos e da bola de R$ 1,3 milhão no escritório da Lunus, da governadora do Maranhão, Roseana Sarney, e de seu marido, Jorge Murad.

    Contra Lula e Roseana

    O candidato do PPS à Presidência da República, Ciro Gomes, foi o primeiro a denunciar a existência de uma estrutura de arapongagem. Segundo ele, havia um grupo de 40 pessoas plantado em São Paulo para bisbilhotar a vida dos possíveis adversários do candidato do PSDB à Presidência, José Serra. Os principais alvos seriam, segundo Ciro, Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, e Roseana Sarney, do PFL.

    Sarney também se queixa

    O senador José Sarney (PMDB-AP), pai de Roseana, obtém informações semelhantes. No mês passado, ele se queixou ao presidente Fernando Henrique Cardoso sobre essas suspeitas.

    Dossiê para Garotinho

    O governador do Rio e candidato do PSB à Presidência da República, Anthony Garotinho, informa que foi procurado por um político do PSDB, a mando do deputado Márcio Fortes (PSDB-RJ), que pretendia lhe passar um dossiê com denúncias contra Roseana Sarney.

    Uma revista

    O presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, também afirma ter tido acesso a um dossiê. Ele teria informações que embasariam reportagem de uma revista de circulação nacional.

    Foto comprometedora

    O presidente do PTB, deputado José Carlos Martinez (PR), que articula uma aliança com Ciro Gomes, foi fotografado com uma amiga durante uma viagem a Miami. Uma revista de circulação nacional iria publicar a foto. Martinez procurou a direção da empresa e conseguiu evitar a publicação.

    Também contra Tasso

    O governador do Ceará, Tasso Jereissati, que chegou a disputar com Serra a indicação do PSDB para ser candidato à Presidência, também foi investigado. Os arapongas ainda seguiram seu irmão, o empresário Carlos Jereissati. Ele é sócio do marido de Roseana, Jorge Murad, em um shopping center em Porto Alegre (RS).

    Fonte: Vi o Mundo

  21. Tem um bando de palpiteiro que comenta sem ter informação sobre a empreitada do Lanzetta.
    Essas alminhas se restringem a defender cegamente a candidata Pinóquio e atacar a oposição.
    É isso aí, esses propagandistas, pagos ou não, também são responsáveis pelo manicômio que virou este país.
    A verdade não interessa mais, só interessa defender a posição ideológica (ou melhor, posição idiota – no sentido estrito da palavra).

  22. Os petistas sempre fizeram essas canalhices.
    ainda bem que temos um Alvaro dias que dá a cara pra bater
    contra esses porcalhos.Aliás o único que combate essa corja é o Alvaro Dias

  23. Vai lá RPC mostra a matéria,investiga,mostra para o povo a verdade e realidade deste PT,não é só ficar surrando a assembléia com a sua ira pessoal,prometendo brilho ao ofuscado Glomb da OAB,e mirando a camera no plenário a falsidade do deputado do PT.Esqueci que na ira do Guilherme Cunha Pereira,até ao Bispo ele recorreu..Não vai para o céu hein?

  24. Esse ridiculo não se emenda mesmo.
    Ele já foi chutado do PSDB qdo FHC era presidendente, depois voltou com o rabinho no meio das pernas.]
    Faz de tudo p/ aparecer, não conseguiu nem a indicação p/ ser candidato no partido,Teve que se contentar com um premio de consolação.
    Fica ai bajulando o partido. Quem sabe ele está esperando outro premio de consolação.Aquele que ninguém quer,que é ser vice do Serra,
    Como ele está jogado as traças, se conseguir esse premio de consolação, vai ser a gloria.
    Se bem que ele é um tremendo pé frio, é bem capaz do Serra perder já no 1ºturno.
    PSDB,convide Alvaro p/ ser vice do Serra, o PT agradece.

  25. O ALVARO DIAS É O SUJEITOMAIS IRONICO QUE O PARANÁ JÁ TEVE AH E ALEM DE TUDO É CACHORINHO DO PSDB
    QUE APANHOU DO BETO FOI CHAMADO PELO ROSSONI DE ESQLEROSADO E HOJE ESTA LAMBENDO AS BOTAS DELES

    FECHA A BOCA PERUCÂO
    VOCE É MAIS UM DOS BOBALHOES QUE O PARANÁ CONHECE

  26. JCG - CAMPO MOURÃO Responder

    seria otimo senador. faze acareação entre o jormalista e o delegado, ai vc vai ver quem fez o tal dossiê.

  27. Quem não deve não teme. Dossie só deve ser temido se ele for verdadeiro…. Seria o caso?

  28. ALVARO DIAS SO ABRE A BOCA PARA FALAR BESTEIRA…COMO FALA M…ESSE SENADOR….FORA FAMILIA DIAS….

  29. Têm Olhos e não enxergam,têm ouvidos e não vê,têm boca e só falam asneira,têm dedos e somente escrevem besteiras.Times de bolchevistas,guerrilheiros,sangue-suga da Pátria,mensaleiros,fazedores de dossiês,Assaltentes de Bancos,sequestradores de Consul estrangeiros,intimidadores de caseiros nãoé Paloci.De qual Partido eles são. Respondam seus……fd……..???

  30. Vcs querem punição pra cambada do PT? Vcs acham que num país onde o crime organizado e traficantes têm livre acesso e direito de ir e vir, mandando e desmandando por conta de importarmos a produção de coca de “los hermanos”, invasores da Petrobras e nós, cidadãos, trancafiados em nossas próprias residências, perdendo nossos filhos para as drogas e o crime??
    Estude e pague em dias seus impostos pra ver se vc não preso!!!!
    É triste o que vou dizer: QUE SAUDADE DA MILICADA”.

  31. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    Só não ganha do PT na disputa eleitoral de 2010 para presidente se o partido de oposição for muito incompetente. O PT está deixando tantas pistas e pegadas dos crimes que cometeram que será barbada desqualifica-los para a sociedade brasileira . Vejamos:

    a) Poderia haver burrice maior do que ter revisado (Dilma) e assinado (Lula) o Plano Nacional de Direitos Humanos 3 com tantas cláusulas de desconstrução da democracia brasileira (tais como: censura da imprensa, eliminação do direito a propriedade, persiguissão religiosa, etc, etc) ? É só apontar para Chavez e mostrar o caos que ele promove na Venezuela e perguntar aos brasileiros: Querem isto para o Brasil? Então é o que terão se renovarem o mandato do PT.

    Não nos iludamos os oito primeiros anos do PT todos passaram com pele de cordeiros, porém o PNDH 3 é a prova da pele de lobo que querem vestir daqui para frente se continuarem no poder.

    b) Poderia ter tamanha petulância e burrice em chamar os companheiros José Dirceu, José Genoíno e João Paulo Cunha (mentores e meliantes do Mensalão do PT) para coordenar a campanha da candidata a presidência da não menos santa Dilma?
    Perguntaria aos brasileiros. Querem absolver aqueles que foram espulsos da vida política e condenados pela Justiça brasileira como criminosos no caso Mensalão do PT? Então é isto que farão se renovarem o mandato do PT.

    São tantos erros que o PT está cometendo que tenho dúvidas se querem realmente que a Dilma ganhe as eleições de 2010. Ou pode ser também aquela confiança excessiva de bandido inpune. Existe uma tendência de querer voltar a cena do crime.

    Que a oposição seja firme e saiba explorar estes pontos que afligem e engasgam os brasileiros até hoje.

    Chega de bandidagem.
    JOSÉ SERRA nesta corja de COMUNISTAS

  32. Caçador DEMO TUCANO Responder

    Hoje na Boca Maldita, um boneco gigante simbolizando Alvaro Dias, Arruda e Beto Richa sera queimado em praça Publica – Abaixo os DEMO TUCANOS picaretas ladroes do dinheiro publico!

  33. PAULO SÉRGIO MOREIRA Responder

    Ah! eu tô indignado como o Álvaro.
    Tô indignado com um deputado do PSDB, cujo piloto de seu avião é lotado na Assembléia.
    Ah! Tô indignado, Álvaro!
    “Quar” será o “ôtro” “diputado” que seu caseiro é lotado na Assembléia, ganha 10.000 e “devorve” 9.500,00 pro chefe ?????????????????????????

  34. O objetivo do vasto noticiário sobre o suposto dossiê não é o de desgastar Dilma junto ao eleitorado, mas o de desacreditar as denúncias sobre os negócios de Serra com Daniel Dantas. O público alvo dessa campanha, portanto, não é o eleitorado, mas o livro de Amaury Ribeiro Júnior. A mídia e o PSDB acham que o PT ainda irá usar o que o livro mostra e, assim, tentam desacreditá-lo.
    A filha de Serra é sócia da dilha do Daniel Dantas, o rei da privataria, ABUNDATUCANALHA!

  35. Bravo, Josezito, finalmente resolveu revelar a sua fonte, Ivo Patarra, o livro dele é tão ruim que ninguém quis publicá-lo.

    É só dar uma lida no curriculo do sujeito para saber a que ele veio.
    “Nascido em São Paulo em 1958, Ivo Patarra, jornalista, foi repórter dos jornais Folha de S.Paulo, Folha da Tarde, Diário Popular e Jornal da Tarde. Como profissional independente publicou, entre outras, as reportagens “Nova York – São Paulo de motocicleta: 73 dias de aventura e emoção”, “Fome no Nordeste Brasileiro” e “Morte de Juscelino Kubitschek: acidente ou atentado?”. Ivo Patarra também respondeu pelos departamentos de comunicação das Prefeituras de São Paulo, Guarulhos, Osasco e São Bernardo do Campo.”

    Esperar o que de uma pessoa que trabalhou na Falha de São Paulo, aquele jornalzinho que defendia a ditadura???

    Se for buscar com mais precisão no minimo o sujeito hoje deve estar prestando seu bons serviços ao Serra, junto com reinaldo Azevedo e Mainardi.

    Este livro, aquele outro do Diogro Mainardi, um outro do Reinaldo da revista inVeja, são todos obras de mentes doentias, concordo.

    Espero que com o crescimento da internet essa turma fique cada vez mais desmolizada.Vamos trabalhar para isso divulgando blogs decentes e não comprometidos com a direita reacionária, doente e confusa.

  36. OHEM O QUE A GENTE NÃO ACHA NA INTERNET

    Leiam aí o que vou TRANSCREVER do pronunciamento do Senador Alvaro Dias da tribuna do senado quando de sua EXPULSÃO do PSDB, junto com seu irmão Osmar Dias.

    Palavras rigorosamente fiéis ao pronunciamento:

    ” E, POR IMPOSIÇÃO DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA ( FHC ), NÃO PODERIAMOS DEIXAR DE SUBSCREVER UM REQUERIMENTO QUE ATENDIA AO RECLAMO POPULAR DE INVESTIGAR A CORRUPÇÃO QUE ENVOLVIA INTEGRANTES DESTA CASA E DO GOVERNO DA REPÚBLICA “. E tem mais.
    ” POR ESTA RAZÃO, SR. PRESIDENTE, UM JORNAL DE SÃO PAULO ESTAMPOU A SEGUINTE MANCHETE : PSDB EXIGE FIDELIDADE À CORRUPÇÃO “.

    Tem mais:

    ” A QUEM DEVO COMPARAR AGORA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, OU OS SEUS PREPOSTOS QUE PRATICAM ARBITRARIEDADES PARA ALCANÇAR OBJETIVOS ESCUSOS ? Ah, motivo da expulsão. O senador Alvaro Dias e seu irmão assinaram a lista para a CPI da compra de votos. Ué senador, e onde foram parar as provas que o senhor apresentaria na CPI ? E tem também o Senador Pedro Simon que analisou assim a famosa compra de votos de parlamentares a 200 mil cada voto: ESSE FOI O MAIOR CRIME CONTRA A DEMOCRACIA BRASILEIRA APÓS O PERIODO DA DITADURA.

    Chega né ?

  37. E a compra do ptc-pr por seu partido, destituinod o diretório e noemando pessoas do Toni Garcia? E em 1989 op caso dos seqestradores que esta turma de tucnao e dem colocou camisetas do pt neles? E o caso do José richa, que ele alvaro chamou de corrupto ao determinar auditoria nas contas do mesmo? e os professores espancados em curitiba a mando do governador alvaro? E o caso Banestado no paraguai ocoriido em seu governo? Se fa z igual como ousa criticar? A critica deve partir de quem não faz o mesmo, agora o senador é bom em dossie, lembra que ele tava arrumando um pro beto? Então ele sabe o que fala, e se devem ser punidos ele poderia começar renunciando.

  38. Olha só o Ossobuco: “direita reacionária, doente e confusa”.
    Cadê a direita desse país? Infelizmente, não está nos partidos políticos.
    Só se encontram conservadores no povo mesmo, que é em sua esmagadora maioria cristão, prefere ter suas próprias armas (considerando a segurança pública falida), é contra o aborto, contra “ações afirmativas” (uma nova forma de discriminação inconstitucional) e a favor de penas mais duras contra criminosos.
    Mas aí vem tipos como “ossobuco” e outros esquerdopatas achando que falam por todos.
    Vai por mim, gurizinho: melhor lançar seus comentários só sobre figurinhas da copa ou a assuntos dessa importância.

  39. Parreiras Rodrigues Responder

    Pipocam denúncias contra as candidaturas Dilma e Serra. Os eleitores dela são a turma Disso e os de Serra Daquilo. Pesquisas mostram que Marina está atraindo a juventude, intelectuais, pesquisadores, cientistas e artistas, mais gente que detesta o que aí está e pensa num porvir diferente. Não se surpreendam com os números das pesquisas metade de julho em diante. No ônibus, na fila do banco, ouço muito: Sei que Marina não vai ganhar, mas vou votar nela. Mais ou menos o que aconteceu na campanha Arns senador.

  40. Alessandro T, que lhe dá procuração para censurar alguém ou recomendar o que alguém deve fazer.
    Se a carapuça lhe caiu tão bem não precisa ficar bravo, apenas assuma sua porção conservadora, prepotente e autoritária. Apenas assuma e aí poderáimpor a todos os que lhe são próximos os seus pontos de vistas, as suas regras, as sua crenças.
    Se vão lhe dar ouvidos é outra história, mas aí você poderá espancá-los e torturá-los até que acreditem naquilo que vc crê.
    Ora, faça melhor, vá se socializar, vc tá precisando!

  41. “Ossobuco”: Estou tranquilo (aliás, sou tranquilo).
    Tudo pra vocês é censura. É uma obsessão esquerdista.
    Você não conseguiu analisar nem um ponto objetivo do que falei, só me atacar pessoalmente e presumir que me conhece.
    E minha recomendação é séria. Você fala pelos cotovelos sobre aquilo que não sabe (ou finge que não sabe).
    Não pretendo enfiar nada do que digo goela abaixo de ninguém. Mas nada me impede de expor, a quem queira, equívocos explícitos.
    Não desejo sua atenção, quero a de quem pensa por si só, não mediante um pacote de premissas ideológicas.
    Provavelmente eu era como você, Ossobuco. Eu era um chato de galocha, fazendo propaganda do Lula e do PT o dia inteiro, enfatizando a responsabilidade social da “elite” empresarial (afinal, tinha certeza dessa besteira de luta de classes), atacando e zombando o DEM e PSDB e defendendo uma dúzia de idéias absurdas.
    Precisei de mais de um ano de recolhimento e de estudos pra perceber que todas minhas convicções não valiam nem uma afirmação real.
    Hoje, noto que nenhum partido político brasileiro tem a intenção de representar a vontade da maioria dos eleitores (que são evidentemente conservadores), e é sobre isso que eu te falei e você não ouviu.

Comente