Uncategorized

Serra diz que governo Lula faz ‘privatização diferente’

Tucano criticou empréstimos à iniciativa privada com baixas taxas de juro. Candidato afirmou ainda que não tem planos de promover privatizações.

Serra durante palestra na Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc)

Do G1, foto de Eduardo Valente

O candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, rebateu, nesta sexta-feira (23), críticas sobre privatizações feitas no governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Em entrevista ao grupo RBS em Florianópolis, Serra fez comparações entre a gestão do tucano e o governo do presidente Luiz Inácio Lula Silva (PT).

“O atual governo tem feito uma privatização diferente . Você doa dinheiro para o capital privado para ele fazer um hidrelétrica, uma rodovia. O BNDES empresta a uma taxa de juros muito menor do que está pagando. O governo pega dinheiro a uma taxa de dez [por cento] e emite a uma taxa de cinco [por cento]. E tem uma diferença que é paga por você, por nós”, afirmou, citando como exemplos a usina de Belo Monte, a ferrovia Transnordestina e o projeto do Trem-Bala.

O tucano afirmou que não tem planos de promover privatizações, caso seja eleito. “Isso é usado como um belzebu”, acrescentou.

Genéricos e mutirões

Serra voltou a propor a criação de policlínicas de saúde no país. Segundo ele, as unidades poderiam atender 15 mil consultas por mês e realizar 40 mil exames. Também citou programas criados quando ministro da Saúde, como os medicamentos genéricos e os mutirões para a realização de cirurgias eletivas (que não são de emergência) e para a detecção de doenças como o câncer de colo de útero.

O tucano afirmou que o governo parou de “turbinar” iniciativas de sua gestão no ministério. “Parece que coisas que eram associadas a mim, como os genéricos e os mutirões, foram deixadas num segundo plano”, disse.

Máquina pública

Em outros momentos, Serra apontou “falta de capacidade executiva” do governo atual para tocar obras e criticou a situação dos aeroportos. O tucano defendeu o modelo de concessão nesses casos para a iniciativa privada, afirmando que a receita obtida pode ser destinada a investimentos em aeroportos menores.

Ele voltou a atacar o que tem chamado de loteamento da máquina pública. “Você faz um corpo dirigente que não tem nada a ver com o assunto”, disse, criticando partidos têm “curingas” para ocupar cargos em diferentes órgãos.

Vice

Serra foi questionado por um internauta se o deputado Indio da Costa (DEM-RJ) teria competência para governar o país caso o tucano seja eleito e tenha que se afastar do cargo por doença ou por um eventual pedido de impeachment.

O candidato voltou a defender a escolha do vice. “É um homem preparado, corajoso, lúcido. Dos três candidatos a vice, seria o melhor para ocupar a Presidência”, afirmou. Em seguida, brincou afirmando que, fora um problema de estômago, tem a saúde perfeita. “Não vai me acontecer nada”, respondeu.

Agenda

Antes da sabatina, Serra participou de um encontro com empresários na Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), onde recebeu um estudo sobre o desenvolvimento do estado e respondeu a algumas perguntas de empresários. Em seguida, visitou o mercado público de Florianópolis ao lado do senador Raimundo Colombo (DEM), candidato ao governo do estado, e do ex-governador Luiz Henrique da Silveira (PMDB).

17 Comentários

  1. E QUERIA QUE EMPRESTASSE P/ QUEM? P/ ELE? PRO INDIO CACCIOLA?
    MAS CONCORDO QUE ELE NÃO VÁ PRIVATIZAR MUITA COISA, É QUE SOBROU MUITO POUCO P/ PRIVATIZAR…

  2. “Governo” Lula foi o que mais Privatizou nos últimos 50 ANOS.

    Porém como bom enganador, PRIVATIZA aos pedaços prá disfarçar pôe capital estrangeiro ,para enganar os babacas ,termo que o próprio lula usou para designar , povo.

  3. Cerra, assim como rixa, é privsatizante e não adianta querer negar, é até feio. Ora se o partido tem uma ideologia e um mdelo de gestão que mostre a cara, o uqe não podem é negar que são privatizantes e terem votado a favor de toda doação de patrimonio público as empresas amigas. Tivessem ao menos feito um privatização à inglesa até teriam aprovação, mas fizerem doação. Duplicaram o vtrecho foz do iguaçu- santa terezinha do itaipu e doaram a custo zero pros almeidas. Isot é fato. Votarsam a fsvor da privaatização-doaçãoo do banewtado ao itaú e bamerindus ao hsbc, isto é fato. Vão negsar agora. Tem mais em comum entre eles: ambos assinaram documento público se comprometendo a ficarem como prefeitos atéo término do mandato e os dois não cumpriram o que assinaram. Tem mais uma identidade entre ambos: os dois irão perder as eleições porque são falsos e não cumprem nem o que assinam em cartório.

  4. nao é posivel em pleno seculo 21.,um presidente encanar tanto com propagandas.,e tanta arrugancia, nao bastase ainda quer colocar .,a dilma no seu lugar senda sua sucessora,mais hoje tá todo mundo esperto., VAMOS DE JOSÈ SERRA>nosso pais tem que ficar em alerta, em fim de mandato sobra a conta prá nós pagar ,depois será grande.a corda nao pode arrebentar, cuidado. É MELHOR VOTAR EM JOSÈ SERRA AGORA, que depois pagar um preço caro.

  5. gilberto ibere abreu andrade Responder

    vejam voces a que ponto chegam esses traidores da patria. me recuso a comentar essa idiotice.

  6. A única diferença, que é fundamental, é que no governo da tucanada, o país doava o dinheiro do BNDES para que especuladores comprassem o patrimônio público a preço de banana. Nada foi construído, tudo estava pronto, ainda por cima ganharam as empresas de presente, saneadas e com um baita tarifaço que era para dar lucro já no primeiro ano.
    Mamão com açúcar.
    O Serra usou esta mesma receita para entregar de graça os hospitais públicos de SP para a privataria.
    Enganador? enganador é o Serra, o campeão do pedágio e da privatização do SUS em São Paulo.

  7. Nada contra. Pago R$ 2,40 para ir para Joinville feliz da vida. Para Paranaguá, quase R$ 13,00. em qual dos dois me sinto arrombado? ??????

    Dilma e Osmar neles.

  8. Luciano Paranista Responder

    Se todos analisarem hoje em dia nossa empresas estão se tornando empresas mundias adquirindo cada vez mais empresas em outro paises.
    Vejam o quanto a GERDAU cresceu graças a ajuda do BNDES.

    Outro caso que nos brasileiros tem que ter orgulho é hoje da JBS FRIBOI que hoje em dia graças ao BNDES passou a ser a maior empresa do mundo no processo de carnes para quem não conhece essa empresa é 2,4 maior do que a BRASIL FOOD (Sadia e Perdigão).

    Ou os grandes investimentos na PETROBRAS.

    Então acredito que nosso governo está fazendo o certo ajudando nossas empresas a crescer e se tornarem grandes no mundo com isso trazendo seus lucros para ca!
    Serra não adianta vc querer atacar o negocio é jogar a toalha porque essa eleição vc vai levar uma lavada ou vc quer que o povo esqueça o tanto que nosso Brasil cresceu nesses 8 anos de governo do LULA???

  9. TALVEIS SEJA POR ISSO QUE QUANDO O BRASIL CAIU NA MÂODO LULA AS RESERVAS BRASILEIRAS EM DOLAR ESTAVAM A MENOS DE 35BILHÔES E HOJE CHEGA A MAIS DE
    220BILHÔES
    SABE QUE O SERRA TEM RAZÂO ESSE PAIS SÓ SE VE RESULTADOS NEGATIVOS COM O GOVERNO LULA EMPREGOS EM BAIXA PRODUÇÂO EM QUEDA LIVRE
    IMPLANTAÇÂO DE UNIVERSIDADES SEM EXPRESÇÂO

    É O SERRA DEFINITIVAMENTE CONHECE O BRASIL DO TEMPO DO VELHO GAGA FHC
    OU AINDA ELE PROPRIO AIMDA NÂO SAIU DO GOVERNO DE SÂO PAULO QUE ESSE SIM FOI VENDIDO ATÉ OS BANHEIROS PUBLICOS

    POIS O KASSABE TENTOU A VENDER ATÉ O PACAMBU
    QUE É UM PATRIMONIO PUBLICO MUNICIPALMAIS IMPORTANTE DO PAIS
    E SÓ NÂO VENDERO PORQUE O CORITIANS ESTA QUEBRADO
    ÂO CONTRARIO SERIA DA GAVIONZADA

    E ESSES SÂO TODOS ALIADOS PSDB DEM ETC

    SEMANCA DR CAVERA SERRA PRIVATIZADOR

    QUERER COMPARAR LULA COM O VELHO GAGA FHC
    ISSO JÁ É IRONIA DEMAIS

  10. Vigilante do Portão Responder

    Os tucanos VENDERAM as empresas.
    O PT e sua turma estão DANDO, explico.
    A Petrobras PERDEU, desde que começou a embrulhada de aumentae o capital (para fazer frente ao PRÉ SAL) 27% do valor. Essa foi a desvalorização das ações. Significa que estamos mais pobres.

  11. PRIVATIZAR SIMMMM ! Responder

    Este modelo estatal monopolista que é resquício das ditaduras vargas e militar.
    Está na hora de MUDAR O DISCURSO DESTES POLÍTICOS DE ARAQUE, e mostrar como eram econômicamente as empresas antes das privatizações, suas serventias aos governantes, o não pagamento de tributos e os cabides de empregos com altí$$imo$$alário$ e cargos comi$$ionado$, e as grandes negociata$ .
    HOJE A REALIDADE É OUTRA E DEVE SER MOSTRADA !!!
    VAMOS ACORDAR !

  12. Norte do Paraná!!! Responder

    Deixa eu ver se entendi bem essa conversa? O BNDS quer dizer Banco Nacional de Desenvolvimento Social, seu patrimonio é formado com recursos do FAT- Fundo de Amparo ao Trabalhador e recursos da união? Quer dizer recursos do povo e trabalhadores brasileiros. Então, qdo FHC – Fernando Henrique Cardoso, privatizou as Empresas de Comunicação, proporcionou que toda a população tivesse direito de ter um telefone, tanto o rico, quanto o pobre, haja visto que quando era só do governo, só rico tinha telefone. Quando FHC privatizou as empresas de energia proporcionou a distribuição de energia para ricos e pobres, pque era só do governo, somente regiões ricas tinham boa oferta de energia. Estas privatizações são interesse social. Agora LUZ PARA TODOS! Esse programa é do José Richa, qdo foi Governador do Paraná. O Governo atual está falando em LUZ PARA TODOS! com as companhias privatizadas…isso pra mim é festa com o chapeu alheio, pque quem paga a conta da luz, somos nós consumidores. Agora, recursos do BNDS para empresas apadrinhadas se transformarem em multinacionais, usando o nosso dinheiro para gerar emprego nos Estados Unidos e gerar desenvolvimento social lá, com o dinheiro do trabalhador…será que como as privatizações de FHC, todo o povo tanto rico, quanto pobre, vão ter direito: a carne para consumo, ferragens para construção… Ajude-me a entender….toda essa embromação????????

  13. Olho Vivo e BEM ABERTO Responder

    Sem dúvida que o governo FHC foi muito pior, haja vista o aquecimento atual da economia devido ao aumento da renda do trabalhador, do assalariado. O (des) governo FFHH além de privatizar a preços vis o patrimônio público, dando origem a estas empresas telefônicas que são completamente desonestas e quando não cobram coisa indevida (enriquecimento ilícito que infelizmente nossa Justiça conservadora fecha seus olhos para isso) cobram o olho da cara pelos serviços, sendo campeãs no ranking de reclamações do Procon, aumentou estupidamente a dívida interna, que saltou de US$ 60 bi, no início de seu (des) governo para quase US$ 800 bi no final, sem realizar nem um grampinho de investimento, sucateou a Petrobrás, até mesmo conseguiu realizar o supra-sumo da incompetência (verdadeiro crime, este sim) em afundar uma plataforma de petróleo e foi responsável pela era em que mais acidentes e vazamentos ocorreram, queria mudar seu nome para Petrobrax (ridículo), criou o Daniel Dantas, comprou a reeleição, foi responsável por pífios indíces de aumento do PIB e estratosféricos indíces de juros selic que engessaram o país por quase uma década. Aplico sem dó o consenso de Washignton, acabou com o Estado brasileiro, completamente subserviente na política externa e interna ao neoliberalismo econômico, permitindo uma internacionalização de nossa economia, sem maiores preocupações com a qualidade e o preço dos serviços prestados, haja vista o péssimo serviço que empresas como a ALL no transporte ferroviário presta, sucateando o ativo que ainda pertence a RFFSA, sem se preocupar com o risco de sua atividade e gerando vários acidentes em prol de lucros cada vez maiores. Para finalizar, comparemos o valor do salário mínimo em dólares no (des)governo FFHH e atualmente, saltou dos US$ 64 para US$ 289. Simplesmente, não tem comparação!!!!
    Portanto, senhores, acho muitíssimo mais conveniente e interessante para nós brasilerios, inclusive para aqueles que são muito inteligentes e parte de nossa elite, que não conseguem conceber e aceitar os avanços muitíssimos significativos que tivemos neste governo Lula, que se realizem privatizações como a que foi feita na BR-116, onde se cobram pedágio decente ou então nessa forma que o Serra disse que se faz, pois ao menos se está fazendo significativos investimentos para o desenvolvimento do país, conforme as obras citadas pelo próprio Serra, do que vermos a aplicação de uma cartilha imposta por interesses alienígenas, que nunca nos trouxeram nenhum benefício. Afinal, nunca achei que devemos ser socialistas, de forma alguma, temos sim que adotar o sistema capitalista, fortalecer o empresariado nacional (que me parece cego, pois nunca ganhou tanto como agora!) e as grandes empresas brasileiras, mas ao mesmo tempo, garantir um Estado forte para regulamentar de forma decente os setores, fazendo com que se prestem serviços e vendam mercadorias de forma ética e com respeito ao cidadão, aos consumidores e aos trabalhadores destas empresas (e não como na China, onde apesar de formalmente comunista, há uma escravização da mão-de-obra), que seja responsável pelos investimentos e dirija o desenvolvimento econômico do país no sentido de melhor atender a todos, permitindo uma distribuição de renda melhor (exatamente o que fez este governo, veja-se o valor real do salário mínimo), pleno emprego, saúde, etc. Empresas privadas são essenciais para o crescimento e independência real do país, mas não podem, não devem e não estão preocupadas com questões de promoção do bem-estar comum, que sempre será função e estará a cargo do Estado que, exatamente por isso, deve ser forte e muito bem aparelhado para bem se desincumbir de suas obrigações.
    Mais um fato (e contra fatos, não há argumentos), para demonstrar que a “privatização” do Lula é anos-luz melhor que a do FFHH: de 01/2003 a 05/2010 foram gerados no país mais de 13 MILHÕES de empregos, enquanto que no (des) governo FFHH, em todos os seus 8 anos de má gestão, foram gerandos apenas e tão somente pífios 797 MIL empregos. Ora, é um dado insofismável do excelente trabalho do Lula, que inclusive reativou a indústria naval do país, bem como fez com que as plataformas petrolíferas, por exigência dos editais de licitação, fossem construídas aqui. Então, CERTAMENTE, PREFIRO A PRIVATIZAÇÃO DESTE GOVERNO!

Comente