Uncategorized

Olha só quem votou a favor do pedágio

Uma constatação que não passou despercebida sobre a votação dos pedágios e que ninguém falou. Orlando Pessuti, atual governador e um dos principais cabos eleitorais de Osmar Dias, votou favoravelmente aos pedágios conforme o quadro publicado.

Sem esquecer, é claro, que o projeto de lei é de autoria do deputado do PDT e aliado do urtigão – como Osmar se autodenomina no programa eleitoral -, Neivo Beraldin.

17 Comentários

  1. o pessuti tambem é igual o requiao o osmar é tudo igual nao afunda, pois tem bóia. vou de BETO RICHA>

  2. Marcia M da Silva Responder

    Memorando Projeto De Lei Nº 20/95

    Projeto de Lei nº 20/95, de autoria do Deputado Neivo Beraldim, dispõe sobre o regime de concessão e permissão da prestação de serviços públicos no Estado do Paraná. (páginas 1 a 23)

    Foi autuado em 23 de fevereiro de 1995 e enviado à Comissão de Constituição e justiça, no mesmo dia.
    Na reunião plenária da CCJ, em 14/12/95, o mesmo foi aprovado, com substitutivo geral do autor (Deputado Neivo Beraldim) e enviado ao plenário. (páginas 24 a 46)
    Foi aprovado em 1ª discussão em 14/12/95
    (Diário 186) Na 2º discussão (19/12/95 recebeu emendas (páginas 47 a 49) de plenário, retornando à CCJ.
    Em reunião do dia 20/12/95, a CCJ apresentou parecer contrário às emendas de plenário. (páginas 50).

    No dia 20 de dezembro de 1995, o projeto foi aprovado em 2ª discussão na sessão Ordinária (Diário 194) e em 3ª na Sessão Extraordinária (Diário 195), aprovado o substitutivo Geral da CCJ e rejeitando as emendas de plenário.
    Finalmente, em 21 de dezembro de 1995, o projeto foi aprovado em redação final. (Diário 196)
    Deputados que votaram contra Ricardo Chab, Irineu Colombo e Luiz Cláudio Romanelli

  3. OOOOOOOOOOOOOOPAAAAAAAAAAAAAAA.

    E agora o que o Sr. Osmareonete vai dizer???

    Como é que fica o apoio dele?

  4. De que interessa essas quinquilharias do passado.

    Osmar e Beto tem que discutir o futuro do paraná

    Pedagio já foi e ambos tem culpados na chapa
    Banestado já foi e ambos tem culpados na chapa
    Assembleia já foi ambos tem culpados na chapa
    COPEL já foi e ambos tem culpados na chapa

    Agora compete ao Poder Judiciário julgar esses fatos!

    Vamos pensar para frente!

    Ninguem defende qualquer privatização no momento.

    Por isso não entendo essa discussão toda. O importante é que Osmar e Beto parem com isso, pois ambos não vão a lugar nenhum com esse papo…

  5. Ta ai, devagarzinho os “santinhos” vão colocando suas asinhas para fora. Esse tal “assaltazio” não é obra de um só político, mas de dezenas deles – esse Neivo(aliado de REquião), o qual defenestra Osmar Dias, com a compra de sua Fazendinha no MT, O pessttao também tem culpa no cartório. Ninguém se salva…..So Deus mesmo pra olhar para esse povo, que fazem e desfazem aqui na terra, mas um dia vão acertar as contas no “Livrãop” de São Pedro.

  6. E o Neivo Beraldin é o mesmo que ajudou o Eduardo Requião (dólares do ármário), a decorar o Escritório do Paraná em Brasília e agora o Dudu fêz a limpa no escritório retirando tudo e sabe-se lá onde foi parar os móveis????????

  7. claro que esse deputado vai arranjar uma desculpa para explicar a atitude.
    esse Neivo não vai conseguir se eleger.

  8. Um cara de (sem) Posição Responder

    O pior é ter que ouvir do Osmar que ele é um cara de POSIÇÃO….

    Qual a posição sobre Pessuti?

    Sobre o Serra? Sobre o Beto Richa? Sobre o MST? Sobre o mensalão do PT?

    É muita cara de pau!!

    Antes da candidatura o Osmar tava acenando para o PSDB, agora é petista roxo, um cara de posição e ideologia, contra tudo e todos (os) do outro lado (só os que agora estão do outro lado! para Requião, Pessuti, Caíto, Greca, Anibelli, Alexandre Curi, Petraglia, Gionédis, Rocha Loures, aí, bem, aí, a estória é outra…)

    Conta outra Osmaróquio…. Desse jeito Osmar vai terminar em 3º!!

  9. É, aos poucos os santinhos do pau oco vão sendo desmascarados. Pessuti deve uma baita de uma explicação ao povo Paranaense. Porque as coisas ficam escondidas por anos a fio e só aparecem em véspera de eleição???? O Requião não ia deixar barato, só pode ser coisa do Requeijão. Que vergonha maria louca, sabia que seu vice tinha votado a favor do pedáqio escondeu do povo paranaense todo esse tempo. Voce maria louca é outro que deve ser expurgado da politica nacional.
    Pessuti, infelizmente a cada dia que passa está ficando mais desmoralizado. O Requião sabe muito bem que a vingança é um prato que se come frio.

  10. Dessa vez juntou tudo para ir ao fundo do poço, não adianta o Maurício Requião fazer cara feia, cara feia não faz voto. O Beto vai colocar tudo eles no bolso só na diplomacia.

  11. Os contratos das estão eivados de vícios e podem ser anulados, mas falta … vontade política … e, se os paranaenses não abrirem o olho com essa camarilha, vão prorrogar os contratos de maneira a onerar ainda mais o nosso bolso, sem contrapartida por parte das concessionárias.

  12. Os senhores estão completamente enganados. A lei das concessões foi um projeto do então senador Fernando Henrique Cardoso, reeditado por mim no Paraná. Essa lei permite a criação de parcerias público-privadas, essenciais para um bom desenvolvimento do estado nos mais diversos setores.

    O pedagiamento é uma prática comum no mundo inteiro, porém em nosso estado seus preços e frequência são abusivos. É importante discernir o papel do legislativo do executivo para compreender essa questão. Ao legislativo, poder no qual estou inserido, cabe sua regulamentação; enquanto, ao executivo cabe fiscalizar, bem como estabelecer preços e contratos. Para ilustrar essa questão, posso citar as rodovias federais, que praticam preços muito menores que as estradas do Paraná e São Paulo, por exemplo. Essa disparidade se deve a permissividade do poder executivo em relação aos contratos e preços estabelecidos com as concessionárias; o que isenta o parlamento de responsabilidade nesse ponto.

    A saber, que a aprovação dessa lei foi quase unânime, apenas três deputados se obstaram ao projeto; entre os que o apoiaram estava o então deputado Beto Richa, que conhece muito bem os contratos firmados, uma vez que seu irmão foi diretor do DER (órgão responsável pela elaboração e fiscalização dos contratos).

    Estou convicto de que a minha iniciativa foi benéfica para os caminhos do estado do Paraná. São gritantes as evidências de que essa especulação é eleitoreira e lamento esse fato. Espero que agora, depois de esclarecida a situação, os senhores saibam a quem indagar.

    Neivo Beraldin.

  13. Luciano Paranista Responder

    Teve gente querendo comparar os pedagios que ligam santa cantarina, mas não tem como comparar porque o preço desses pedagio e um decimo.

Comente