Uncategorized

Lula e Serra preparam “batalha” por hegemonia no Paraná

PSDB lista Estado como prioridade para evitar queda maior de tucano; Lula decide reforçar campanha de Osmar

Luciana Pombo do Paraná Online

O Paraná entrou de vez na pauta de prioridades da campanha nacional para eleição de Dilma Roussef (PT) e de José Serra (PSDB) para a presidência da República. De um lado José Serra, que decidiu priorizar os estados onde tem uma situação mais confortável, como o Paraná com Beto Richa (PSDB), para tentar reverter a vertiginosa queda nas pesquisas em relação à presidenciável do PT, Dilma Roussef. Do outro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que diante da perspectivas cada vez maiores de vitória de Dilma no primeiro turno da eleição presidencial, resolveu aproveitar para reforçar as campanhas dos candidatos ao governo de sua coligação com chances de vitória, como o Paraná de Osmar Dias (PDT).

Pesquisa divulgada ontem pela CNT/Sensus revela que Serra tem 47,8% das intenções de voto no Sul, contra 37,1% de Dilma. Diante do cenário de queda nas pesquisas em quase todo o País, os tucanos decidiram priorizar a campanha em estados como o Paraná, onde ainda tem candidatos ao governo competitivos. A ideia, no caso do Paraná, é “colar” em Richa para tentar capitalizar a vantagem que o candidato do PSDB ao governo tem no Estado para o presidenciável.

A estratégia, porém, vai na direção contrária do que vem sendo feito na campanha de Richa, onde Serra até agora foi praticamente esquecido na propaganda eleitoral no rádio e na televisão. É que temendo ser “contaminado” pela queda do presidenciável nas pesquisas, os tucanos paranaenses tem “escondido” Serra nos programas televisivos, limitando sua participação a aparições rápidas e discretas.
Para reverter essa situação, Serra já tem nova passagem agendada pelo Estado, no próximo domingo, quando vai a Cascavel, na região Oeste. “Já estão sendo tomadas as providências pela campanha de Beto para aproximação com José Serra”, confirmou Euclides Scalco, ex-presidente da Itaipu Binacional e um dos coordenadores da campanha de Gustavo Fruet (PSDB) para o Senado.

O deputado federal Alfredo Kaefer (PSDB) não prevê dificuldades no trabalho de aproximação das duas candidaturas. “Temos ainda 38 dias para as eleições e 36 programas eleitorais. A população começará a sentir a mudança. O Beto está bem posicionado no Paraná, o que ajuda a puxar votos para o Serra e não acredito na força do PT do nosso Estado. Vamos chacoalhar o Paraná e garantir um segundo turno com José Serra”, disse Kaefer.

Não atrapalhem — O presidente estadual do PSDB, deputado Valdir Rossoni, não demonstrou nenhuma empolgação com a estratégia de Serra de querer “colar” em Richa para capitalizar os votos de seu aliado tucano no Estado. Pelo contrário, o dirigente revelou certa preocupação com isso. “O que eles não podem (na coordenação nacional) é nos atrapalhar. Se estamos bem em alguns estados como no Paraná, não se pode mexer no que está certo”, comentou Rossoni.

Na esperança de reverter a contínua queda de Serra nas pesquisas, a campanha nacional do PSDB pretende focar em quatro estados na reta final. Além do Paraná, estão na lista São Paulo, Minas Gerais e Goiás. Nestes quatro estados, o partido tem chances de eleger os governadores. A cúpula nacional se reúne hoje em São Paulo para discutir as estratégias de campanha e mudanças de postura. “Temos que mudar o foco da campanha nacional. Não dá para darmos aval ao que está aí. Temos profundas críticas que precisam ser feitas”, ponderou o senador Álvaro Dias (PSDB). Rossoni concorda que a postura deveria ser diferente da que foi adotada pelo marketing nacional, mas acredita que seja tarde para recomeçar uma campanha. “Vivemos um bom momento na economia, mas temos muitos problemas como filas em hospitais em todo o Brasil. São coisas que precisavam ser mostradas. Mas não sei se agora não é tarde”, ponderou o deputado tucano.

14 Comentários

  1. Serra tornou-se uma viúva chorosa para os candidatos demo-tucanos et caterva da quinta comarca… abandonado pelos aliados locais que perceberam que sua companhia é uma assombração para os eleitores, Serra vai vagar pelas noites frias do Paraná e irá experimentar o gosto amargo de uma das características mais marcantes dos políticos da roça paranaense: a traição a tudo e a todos que constituam ameaças aos seus interesses paroquiais… êta caipirada da boa, sô…

  2. Parreiras Rodrigues Responder

    Corrupto administrativamente, corrupto eleitoralmente. Se a Justiça Eleitoral fosse séria, vetaria a participação do presidente em campanha, a menos que ele se afaste do cargo. Lembro-me que Haroldo Leon Peres, governador nomeado, chamou o saudoso Marcos Léo de Albuquerque Velozzo, então prefeito de Santa Isabel do Ivai e intimou: Ou Brandão, – candidato a deputado estadual ganha em seu município ou eu o risco do mapa. É assim que funcionava e, me parece, continua funcionando.

  3. O PSDB NÃO ESTÁ MAIS PREOCUPADO COM A ELEIÇÃO PERDIDA DE SERRA, MAS COM TENTAR GARANTIR O GOVERNPO DO ESTADO E UMA VAGA NO SENNADO!
    SERRA FOI UM PROJETO QUE NÃO VINGOU, O NEGÓCIO AGORA, É TENTAR SALVAR UM OU DOIS DEDOS!!!

  4. Sul inteligente Responder

    Lula estipulou horário de trabalho para ele. Nunca houve na história destepaiz, um presidente que depois do mandato vai entrar com ação trabalhista requerendo horas extras. Passou oito anos e não percebeu que era Presidente da República. Passou oito anos matando o brasileiro de vergonha.

    Quando os votos forem contados, vão ter que colocar os donos dos institutos de pesquisa na cadeia.

    Paraná com Dilma? Sul com Dilma? Dilma no primeiro turno? Só rindo mesmo.

  5. salete cesconeto de arruda Responder

    Se o Beto não DESGRUDAR totalmente do Serra anotem:

    VAI PERDER PARA O OSMAR!

    Beto só tem uma saíde: mandar o Zé VIAJAR para bem longe do nosso estado.

    Não digam que não avisei!

  6. salete cesconeto de arruda Responder

    Para quem acha que estou torcendo para o Beto perder – um recado:

    Eu só quero o meu bosque!
    Aquele que teve parte “doada” “trocada” por reforma em jaula de macaco.
    Estamos TORRANDO no sol das docas e nossa cortina verde foi toda rasgada – pelos MACACOS que andam soltos por aí. O problema é que a Curitiba ECOLÓGICA E PREMIADA não percebe que o bosque prometido em reuniões e registrado em gravações – virou só uma vegetação rasteira com galinhos de árvores que talvez prejudiquem quem tem asma e bronquite.
    Estamos aguardando que o Maurício aparece e o Omar Ackel coloque as PLACAS registradas em ata – na reunião do HIPER.
    São tantos os vídeos viajando pelo Brasil – que não custava nada – para a prefeitura de Curitiba – fazer uma CORTINA VERDE – DENSA E LARGA – para proteger o cidadão que teve sua vida PIORADA – na capital ecológica.
    Aposto que os MACACOS ficariam felizes!
    Aguardem convite para o Café Filosófico sobre a SELVAGEM VIDA DOS MACACOS!
    Abraços Fábio.

  7. To de olho no Sr. Responder

    Tão vendo a cada dia que a canoa vai acabar entrando agua e aí desespero e o destempero. Não tem geito a reversão virá também no Paraná, para Presidente e automaticamente para Governador. Vitória de Dilma e de Osmar.

  8. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    MAS LULA É CÂNDIDATO?

    O Brasil tem um DITADOR e uma QUAERILHEIRA aíás, uma QUADRILHA CHAMADA PT / MST

    Lula da Silva, deixe o povo exercer o direito de escolher seus cândidatos livremente, sem imposição isto chama-se DEMOCRACIA.;

    FORA DITADOR LULA DA SILVA.
    FORA QUADRILHEIRA DILMA

    ACORDA BRASIL, AINDA HÁ TEMPO
    JOSÉ SERRA – PRESIDENTE

  9. No Paraná a PETEZADA não tem vez, fora Sarner, Collor , Renan, Requião. Zé Dirceu , Palloci , Zenuino , Delúbio e outros do Mensalão, que o LULA nunca viu nada, nunca sabe de nada.

  10. Paraná é um estado peculiar.

    Se a Dilma sobe no Brasil inteiro, no Paraná isso não acontece.

    Essa estratégia do Lula é furada, ele tem peso político imenso no Brasil inteiro, mas aqui é limitado. Então não adianta nada.

  11. Parreiras Rodrigues Responder

    Tenho pensado em rever o meu conceito a respeito do movimento O Sul é o meu país. Gilberto Freire, Ivo Patarra, Marcos Freire, Celso Furtado diziam que apesar de explorado, o povo nordestino era muito orgulhoso e varonil.

  12. Prezado Fábio

    Coisa boa não vem por aí?
    Com certeza vão engordar a campanha do o$mar.
    O molusco com a dilma estão apavorados, o candidato
    deles é muito fraco.
    Felizmente estamou apoiando candidatos do BEM, (Beto/Serra/Gustavo Fruet)
    o deles osMAR e dilMÁ, não dá né?
    Abraços

  13. Sul inteligente vota na Dilma, segundo a última pesquisa Serra está perdendo no Sul e também no Paraná.

  14. DITADORA DILMA DA SILVA Responder

    Ora, parem de tanta ignorância Sras. Petistas / Mstistas.
    Vamos fazer comparações entre JOSÉ SERRA e Dilma.
    Isto sim interessa ao Brasil e ao futuro de nossos filhos e futuras gerações.

Comente