Uncategorized

População de Palmas pede mais segurança

Em caminhada na cidade de Palmas o principal pedido da população aos candidatos Ricardo Barros, Beto Richa e Gustavo Fruet foi o de mais atenção à segurança. Os três candidatos da coligação Novo Paraná passaram, nesta sexta-feira (20), pelas principais ruas da cidade cumprimentando a população e ouvindo reivindicações.

“O Beto afirmou que vai reativar a Patrulha Rural. Uma ótima notícia para o Paraná e principalmente aqui para o Sul do Estado. Vamos trabalhar juntos no Senado para trazer recursos que possibilitem devolver a sensação de segurança para a população. Hoje, o povo paranaense tem medo. A criminalidade está altíssima e o efetivo da polícia é o mesmo de 20 anos atrás. Vamos mudar essa situação”, afirmou Ricardo Barros.

Os candidatos também visitaram duas empresas de compensados. Lá conversaram com trabalhadores e reafirmaram o compromisso de trabalhar pelo desenvolvimento da região e pelo aumento da segurança.

O prefeito em exercício de Palmas, Gilberto Almeida, disse que a eleição de Ricardo Barros para o Senado é a garantia de obras e investimentos na região. “Ele é o cara para trazer recursos para cá”, frisou.

À noite os candidatos seguem para Pato Branco onde participam de um encontro com lideranças políticas da cidade e da região Sudoeste.

2 Comentários

  1. Anderson S. Lima Responder

    Candidatos, o paraná pede mais segurança. O Brasil pede mais segurança. Não queremos promessas não cumpridas, queremos certezas executadas. Como Curitibano, espero que o candidato Beto Richa não tenha a mesma besteira de olhar só pro coração de cada município grande que é os “centros”, esquecendo da periferia, das áreas suburbanas. Eu até queria votar no Beto por suas obras pela cidade de Curitiba, mas não me beneficiou. Continuo com um péssimo ensino público, continuo vendo uma péssima qualidade na pavimentação de onde resido. Vejo problemas de invasão e viaturas “municipais” expulsando o povo. O lado B de Curitiba, o lado pobre, Beto não viu. Se tem algo que devia ser feito, era calcular o tamanho de Curitiba como uma esfera com km de diâmetro. Dentro dessa esfera, ele teria de começar suas melhorias de “fora” pra dentro, vindo das periferias e indo em direção ao centro. No entanto, fez o contrário. A classe média agradeceu e os miseráveis continuam na mesmice. O que devo esperar de Beto? O que devo esperar do Osmar que só olha pro setor Rural? Quero soluções.

  2. HOJE A GRANDE CURITIBA, ESTA QUASE IMPOSSIVEL DE SOLUCIONAR TODOS OS SEUS PROBLEMAS,,,SÃO 75 BAIRROS POPULOSOS,,E CADA UM COM O SEU PROBLEMA DIFERENTE, ,,O GRANDE MAL É QUE FIZERAM E FAZEM MUITA PROPAGANDA QUE CURITIBA É O PARAISO NA TERRA,,DAI VEM GENTE DE TODOS OS CANTOS DO PAIS, DE TODAS AS CLASSES SOCIAIS,,AI NÃO Á ORÇAMENTO NEM ADIMINSTRAÇÃO QUE RESOLVA.

Comente