Uncategorized

Erenice nomeou filha do presidente dos Correios para Casa Civil

A ex-ministra da Casa Civil Erenice Guerra, que deixou o cargo após denúncias de tráfico de influência, empregou no ministério uma das filhas do presidente dos Correios, David José de Matos.

Nomeada assessora do gabinete da Casa Civil em 25 de junho, Paula foi exonerada ontem, “a pedido”, conforme portaria publicada no “Diário Oficial”. “Pedi que se afastasse”, afirmou David Matos, que foi indicado por Erenice para presidir os Correios um mês depois que a filha dele foi trabalhar com a então ministra.

Paula contou à Folha que foi Erenice quem a chamou para trabalhar na Casa Civil. “Erenice sempre foi amiga do meu pai, conheço ela desde que era criança. Ela me perguntou se eu tinha interesse em trabalhar na Casa Civil por um período curto”, disse, contando ainda que o convite foi feito pela ex-ministra numa academia de ginástica.

Segundo o relato de Paula, Erenice disse que o ministério estava “esvaziado por causa da eleição” e que precisava de gente para a coordenação dos trabalhos de assistência às vítimas das enchentes que destruíram Alagoas e Pernambuco em junho deste ano. Como funcionária da Casa Civil, Paula contou que tinha a função de consolidar as informações encaminhadas pelos Estados e por outros ministérios.

“O combinado era eu ficar até outubro, estou terminando o mestrado e achei que a experiência poderia ser interessante. Mas como meu pai é uma pessoa pública, vi que poderia criar alguma confusão e decidi sair”, relatou a filha do presidente dos Correios.

6 Comentários

  1. coveiro do dinheiro público Responder

    Assessora com a função de consolidar as informações encaminhadas pelos Estados e por outros ministérios.
    Na prática, postar algunsdados numa planilha em Excel com meia dúzia de fórmulas e ganhar uns R$ 20.000,00 as custas do dinheiro do povo.
    Erenice disse que o ministério estava “esvaziado por causa da eleição”>>>> Deveria ter lançado um edital para concurso público. Aliás, o dia que acabar a mamata de terceirizações mandrake e apadrinhamento com comissionamentos vão sobrar oportunidades de emprego na máquina estatal.

  2. CAVALEIRO NEGRO Responder

    vejam que vergonha e ainda negam, pois a mesma declarou que o ministério estava vazio por causa da eleição, isso é vergonhoso esse pessoal do ministério deveria sim estar lá trabalhando, pois ganham para isso, onde está o MINISTÉRIO PÚBLICO QUE NÃO DÁ UMA BATIDA E VEJAM QUEM ESTA FALTANDO POR ESTAR TRABALHANDO NA CAMPANHA DA TERRORISTA DILMA

  3. Vergonha essa Sra. Erenice, comprometida dos pés a cabeça com Dilma e a Petezada, roubou dinheiro público desviado da saúde, educação e da segurança pública do povo do Brasil!!!!!
    Fora também Osmar e Requião!!!!!!

Comente