Uncategorized

Osmar esbraveja contra adesistas do PDT

Osmar diz que não há outra possibilidade: PDT fará oposição a Beto Richa

Em entrevista à Banda B, senador diz que deputados sabem disso e que não haverá racha

Denise Mello da Banda B

O senador Osmar Dias, do PDT, que disputou o governo do estado com o governador eleito Beto Richa, do PSDB, disse há pouco em entrevista à Banda B que não há outra possibilidade para o partido na Assembleia que não seja uma postura de oposição.

A reação veio depois que alguns deputados deputados, eleitos ou reeleitos, admitiram não ver motivos para fazer oposição ao novo governo. O PDT elegeu quatro deputados estaduais.

Para Dias, a população não aceitaria essa “mudança de lado”. “A postura do PDT na Assembleia já foi definida pelos eleitores. Tivemos mais de 45% dos votos de pessoas que acreditaram no projeto que o PDT apresentou, diferente do projeto do PSDB. Eu acredito que os deputados defenderam o nosso projeto durante a campanha e, por isso, não pode acontecer uma mudança tão rápida. Até porque a oposição é muito importante na Assembleia, para exigir que as promessas feitas pelo outro candidato sejam cumpridas.

Vários compromissos foram assumidos na campanha, por exemplo a promessa de dar R$ 50,00 para cada família do Bolsa Família; ou então o aumento prometido aos professores de 26%. Quem é vai cobrar tudo isso senão o PDT?”, questionou Dias.

Infiéis

Sobre a declaração do presidente em exercício do PDT, Augustinho Zucchi, de que não pode ser ingrato já que Beto Richa levantou, lá atrás, a possibilidade dele ser o seu vice na chapa, o senador disse que não haverá racha no partido.

“Não haverá racha dentro do PDT. Os deputados vão refletir sobre a postura do partido e ver que devem cobrar todos os compromissos assumidos”. E quanto aos infiéis que surgirem no caminho?

“Existe uma lei que é conhecida como lei da fidelidade partidária. Todos os que quiserem seguir a orientação do partido serão consultados. Cada deputado sabe o que é ser fiel. Confio muito nos meus companheiros que me levaram a ser candidato ao governo. Não decidi ser candidato sozinho. A decisão foi tomada pelo partido, pela coligação, por muita gente. Enfrentei com integridade uma campanha dura e agora espero que a lealdade seja recíproca”, afirmou o senador à Banda B.

Dias disse ainda que não sabe quando vai reassumir a direção estadual do partido. Encerrou a entrevista dizendo: “Na democracia é assim: quem perde a eleição deve fazer o que a população detemrina; ou seja, a cobrança das promessas feita por quem se elegeu”.

39 Comentários

  1. Concordo com o até então senador Urtigão,palavras dele : “Foi uma decisão amadurecida”, de fato,mas foi tão amadurecida que caiu do galho e espatifou-se no chão…não chore,você vai cavalgar muito no Tocantins ,e, não esqueça de convidar o Gardenal do Duce,pois, os cavalinhos dele precisamde novas pastagens,e será ótimo,principalmente na fazenda que o próprio Duce denunciou….mas, políticos são políticos, vido deles tudo pode-se esperar,vejam o maior exemplo ,o caso do Delegado Protógenes que comandou ação policial em cima de Daniel Dantas,foi ridiculalizado pelo Ministro da Defesa,perseguido pelo pessoal do PT, afastado por ter feito um trabalho honesto,agora vem com esta conversa fiada de ajudar a guerrilheira,É MUITA CARA DE PAU….

  2. PF diz que jornalista pagou para violar sigilo de tucano
    Qua, 20 Out, 01h28
    Investigação da Polícia Federal (PF) aponta que o jornalista Amaury Ribeiro Jr. encomendou a quebra dos sigilos fiscais do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, da filha de José Serra, Verônica, do genro dele, Alexandre Bourgeois, e de outros tucanos entre setembro e outubro de 2009, época em que trabalhava no jornal Estado de Minas. Em depoimento que durou 13 horas na semana passada, Amaury confirmou que pagou R$ 12 mil ao despachante Dirceu Rodrigues Garcia, que trabalha em São Paulo. No entanto, não contou de onde saiu o dinheiro.

    PUBLICIDADE

    No ano passado, a encomenda de Amaury foi repassada pelo despachante Dirceu Rodrigues Garcia ao office-boy Ademir Cabral, que pediu ajuda do contador Antonio Carlos Atella. Este usou uma procuração falsa para violar os sigilos fiscais de Verônica e seu marido, Alexandre, numa agência da Receita Federal em Santo André (SP).

    Amaury participou do grupo de inteligência da pré-campanha de Dilma Rousseff (PT) este ano, já sem vínculos com o jornal mineiro. Esteve, inclusive, numa reunião em abril com a coordenação de comunicação da campanha petista para supostamente discutir a elaboração de um dossiê contra os tucanos.

    Entre setembro e outubro de 2009, o Estado de Minas teria custeado as viagens de Amaury a São Paulo para buscar os documentos. Ele disse à PF que decidiu fazer a investigação depois de descobrir que o deputado Marcelo Itagiba (PSDB-RJ) estaria comandando um grupo de espionagem a serviço do presidenciável José Serra (PSDB) para devassar a vida do ex-governador de Minas e senador eleito, Aécio Neves (PSDB).

    Amaury afirmou que deixou o jornal no fim de 2009, mas deixou um relatório completo de toda a apuração, levando uma cópia consigo para futura publicação de um livro. Na sua versão, a inteligência do PT teria tomado conhecimento do conteúdo de sua investigação e o convidou para trabalhar na equipe de campanha de Dilma.

    Depois de deixar o emprego no jornal, Amaury participou de uma reunião em abril com integrantes da pré-campanha de Dilma. Presente ao encontro, ocorrido num restaurante em Brasília, o delegado Onésimo de Souza afirmou à polícia que foi chamado para cuidar da segurança do escritório do jornalista Luiz Lanzetta, responsável até então pela coordenação de comunicação da campanha de Dilma. Lanzetta deixou a campanha em junho após a revelação do caso.

    Amaury confirmou que durante o período em que ficou em Brasília, em abril deste ano, negociando com a equipe da pré-campanha de Dilma, a despesa do flat onde ficou hospedado foi paga por “uma pessoa do PT”, ligada à candidatura governista. A PF já fechou praticamente todo o caso. Resta saber agora de onde saíram os R$ 12 mil e quem é a pessoa do PT que pagou a hospedagem do jornalista.

  3. esse derrotadodo osmar ainda está enchendo o saco., perdeu agora quer falar ainda tem que botar a viola no saco.

  4. Osmar….
    Hoje na RPC, o jornal do Meio Dia, anunciou que estão cadastrando pessoas interessadas em trabalhar na colheita de maçã, no vizinho estado de SC, como o senhor esta quase desempregado, derrepente esta noticia pode anima-lo.
    Basta comparecer à Agência do Trabahador mais próxima, e fazer o seu cadastro. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    ééé Osmar, aliou-se ao molusco, ao Maria Loca, e a Guerrilheira, agora aguente, e nao adianta, os deputados do PDT, com certeza irão, cedo ou tarde, compor a base aliada do BETO, serão inteligentes o suficiente, para verem o NOVO PARANA, que ja começou a surgir.

  5. Este Osmar Dias é daqueles malandros mesmo.Nunca sabe em qual galho fica, para onde pula, ainda bem que não ganhou para o governo, porque este safado tinha apenas o interesse próprio e não interesse pelo Paraná e seus habitantes.
    Pessoal quem votou neste cidadão fica aqui a minha tristeza em saber que ainda tem muita gente que tem muito pouco dentro da cabecinha e acredita em Osmar Dias, o candidato da incoerência e das contradições.

  6. Urtigão, vai cuidar da fazenda; essa safra não dá mais fruto, já foi tudo colhido, sô !

  7. Duval Simões Araújo-Londrina Responder

    Realmente o povo não entende essas viradas, principalmente a de Osmar, que abraçou o kPTa sem cerimônia. Por isso o povo lhe deu o trôco nas urnas.

  8. Na minha opinião, o senador Osmar Dias deveria deixar urgentemente o PDT e filiar-se ao PT, que é onde encontrou seu verdadeiro eu.

  9. Adesista é uma palavra que vem de adesivo, ou seja, que adere, que cola. Pelo menos, e apesar da adjetivação negativa dada pelo senador à sua turma, eles conseguem colar, aderir, se vincular a uma nova situação porque têm gabarito para tanto. Já ele, coitado, vagou e vagou por vários mangueiras e não conseguiu ser nem adesista, nem tampouco ter adesão em torno de si. Como se diz, “perdeu o foco, o rumo, o sentido” que deveria norteá-lo na profissão polítiqueira que tem. Não tem moral, pois, para reclamar da sua turma que, agora, busca propostas mais consistentes para apoiar. Aliás essa ciclotimia e essa instabilidade pessoal parece ser comum a ambos os irmãos senadores, já que Álvaro acena em mudar de partido novamente.

  10. EMERSON NOGUEIRA Responder

    Uéééééééééé???!!!!
    O cara não tinha resolvido volta pra roça?
    Que agricultura é que é bom?
    E outras mentiras do tipo??!!

    Até derrotado ele mostra que é mesmo confiável….

    Volta pra roça Osmar!

  11. Osmar perdeu vai pra casa, mas tambem estes Deputados só querem ser Governo seeeempre, eita cambada !

  12. EMERSON NOGUEIRA Responder

    Quis dizer no comentário anterior que
    ATÉ DERROTADO ELE MOSTRA QUE NÃO É MESMO CONFIÁVEL…

  13. Juliana Azevedo Travassos Responder

    DENUNCIA: Conheço um Vereador em Araucária chamado Pedrinho Nogueira que possui a filha da sua irmã contratada como Cargo em comissão na Prefeitura desde 2009, isto é legal? não seria nepotismo? alias comenta-se que la no seu gabinete seus assessores que ganham 5500 reais por mês e trabalham somente meio período revezando alguns pela manhã e outros a tarde. Isto é ilegal ?
    até logo e boa noite

  14. Marcelo Bitencurt Responder

    Juliana, esse tipo de denuncia vc pode fazer no ministério público do pr ou acionar os meio de comunicação, que investigam a veracidade dos fatos.

  15. Barbudão, dançou! Não é nada. Agora vai ter que mendigar cargo no Governo Federal, se Dilma for eleita. Se for Serra, vai para o exílio em seu latifúndio em Tocantins.

  16. Rasa Pereira (Cajuru) Responder

    Nobres leitores e bogleiros deste espaço; Uma atenção especial para o que ele afirma:
    “Para Dias, a população não aceitaria essa “mudança de lado”. “A postura do PDT na Assembleia já foi definida pelos eleitores.”
    KKKKKKKK vindo de quem a postura de “não podemos mudar de lado”…. O Urtigão é um SEM NOÇÃO.
    Pra quem fez aliança com Requião, Lula, Gleise e Et Caterva do PT, tá no minimo brincando…
    Alias.. que assembleia o cara-palida esta falando ? Ele é um ex-senador…. vai carpinar no Tocantins !!!

  17. Paulo, esse não é aquele…aquele.. aquele cara lá, que foi candidato a governador, era Senador… que agora é fazendeiro lá no Tocantins? como é mesmo o nome dele, ficou no quase duas vezes até.. mas o Paraná lhe disse NÃOO??

  18. éeeee Osmar agora arque com as consequencias……….mais voce ja roubou muito né,………………..sem falar na grana q voce deve ter levado do pt……………..fim de carreira pra voce………..e cade os milhares de voto do norte pioneiro……….hahahahha………lá tambem estão rindo da sua cara…………………..voce teve tanto tempo ao la do NOSSO GOVERNADOR ELEITO BETO RICHA, deveria ter aprendido com ele………perdeu perdeu vacilãoooooo

  19. É Osmarionete se deu mal, mais ruím da cara vai ficar se o Serra ganhar e se depender de mim ele já ganhou.

  20. Sandra Tais Gomes Ferreira Responder

    Qie tristeza Paraná…

    Mesmo diante da derrota, tanto rancor no coração, vejam só este era o candidato a governo do estado que apoia a DILMA. Chega agora é hora de um Novo Paraná de um Paraná que governa com respeito ao povo. Eu sou Professora Estadual do Noroeste do PARANÁ e tenho mais que certeza que Beto governará para uma linda história do Paraná E UMA CONSTRUÇÃO JAMAIS VISTA NA EDUCAÇÃO. Nosso Secretário de Educação Flávio Arns é mais que especial, é um homem sensível que sempre lutou por nós. Vamos Paraná, vamos, lutar para que Deus limpe estes corações amargurados. Profª Sandra Tais – Paranavaí. Agora queremos SERRA 45…

  21. VC vai fazer oposição?????!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! CHEGA OSMAR!!!OPOSIÇÃO??? VC JÁ FEZ, AGORA FIQUE QUIETINHO NÃO PREJUDIQUE NÓS PARANAENSES,,,, VC NOS ABANDONOU E AGORA QUER O QUÊ???? FAZER OPOSIÇÃO???? PELO AMOR DE DEUS…C H E G A A A A A …

  22. A vaidade não permite que o grande senador reconheça que foi usado (e abusado!!!) por Lula, Dilma, Gleise e Requião!!!! Como dizem em SC, “mofas com a pomba na balaia”!!!!

  23. Não é só o Osmar que esbraveja minha gente!!!´
    Certo grupo do NRE de Curitiba convocou as pedagogas para uma reunião de trabalho e pasmem o assunto era MALHAR O BETO RICHA, inclusive com convidada especial dio Sindicato.
    QUE VERGONHA, tirar profissionais da escola com desculpa esfarrapada para tratar de assuntos já bem assimilados na conduta cotidiana das equipes pedagógicas só para FALAR MAL DO PRÓXIMO GOVERNADOR, oh dor de cotovelo! oh dor de perder o carguinho ganho! Oh dor de deixar a mamata para voltar às escolas e assumir seus postos para os quais fizeram concurso e estão em desvio de cargo!
    Só conseguiram a revolta de muitas profissionais competentes que lá compareceram achando que seria uma reunião séria de serviço em prol das escolas.
    Espero que o Beto coloque alguém lá que faça uma limpa e deixe somente pessoas competentes para realizar as tarefas. Aliás, o Beto devia consultar as bases que o apoiaram para saber quem realmente é gente do trabalho naquele lugar e mandar embora o cordão de puxa saco da Maria Louca, o senador que jamais deveria ter seido eleito, a vergonha do Paraná.

  24. mauroney aparecido de andrade Responder

    – o Osmar tem razão quando diz ” que o povo não aceitaria mudança de lado”, porque ele mesmo sentiu na pele o que é mudar de lado, será q. vai continuar do lado daqueles “bravatões”.

  25. Parreiras Rodrigues Responder

    Osmar se esquece que o PDT trabalhou e muito em cima da proposta de tê-lo como senador na chapa do Beto. Sair para governador foi uma decisão quase sua. Então…

  26. Futuro ex-senador, já esta na hora de voce mudar de partido. Saia do PDT e vá para o PDT (Partido de Tocantins). Quer uma verdade? Seus correligionários não o suportam mais, pela traição.

  27. lingua de trapo Responder

    Deixa o lingua de trapo falar, aliás não sei porque ainda estão dando cancha pro vendilhão do tocantins, o cara é senador por apenas dois meses, depois não tem mais mandato, não tem mais representatividade, não tem mais amigos sobrou pra ele uma mochilona de dinheiro e um fazendão no tocantins. Inclusive com esse dinheiro da pra comprar os cavalos do requião que terão que procurar nova morada. Queria ver a cara do requião quando tomar posse do gabinete do trouxa lá em Brasília.

  28. CAVALEIRO NEGRO Responder

    ENGRAÇADO NÉ SEU OSMAR, PORQUE VOCE NÃO FEZ OPOSIÇÃO AO REQUIÃO, SEU MAIOR DESAFETO, QUE LHE CALUNIOU, CHAMOU DE LADRÃO, ETC, ETC, ..AGORA VEM PEDIR PARA SEUS DEPUTADOS FAZEREM OPOSIÇÃO, ISSO É CARACTERISTICO DE SUA PERSONALIDADE QUE NÓS ATÉ ENTÃO NÃO CONHECIAMOS, O BETO NÃO LHE CALUNIOU APENAS FAZIAS REFERENCIAS DAQUILO QUE O REQUIÃO FALOU DE VOCE NA CAMPANHA PASSADO, ….E TEM MAIS URTIGÃO FALIDO,….FAÇA UM ESTAGIO NA …FAZENDA…DA
    TV RECORD E DEPOIS VÁ TRABALHAR COM SEUS BOIS EM TOCANTINS.

  29. O QUASE EX SENADOR OSMAR “indeciso” DIAS, PRECISA DESCER DO PALANQUE. SUA DERROTA FOI ACACHAPANTE. HOJE SEUS COMPANHEIROS DE PARTIDO ESTÃO “cag……” E ANDANDO PARA O QUE VOCE PENSA. VÁ PARA BRASÍLIA E DE LÁ SE MANDE PARA O TOCANTINS E LEVE SUA “neo amiga dirma do xefe”. VAI PERDER MAIS UMA ELEIÇÃO. ALIÁS VAI BATER UM RECORD DE PERDER DUAS ELEIÇÕES EM UMA.

  30. Para que ia se dedicar aos seus próprios agronegócios, o Osmar não deveria mais falar em política.

  31. SUL PR vc tá falando do futuro ministro da agricultura, como não só maça mas à agricultura toda vai melhorar, não seja bobo vc vai continuar puxando o saco para se manter num carguinho no governo e nunca vai conseguir eleger nem presidente de igreja.

  32. Quando o Osmar se aliou ao PT eu enviei um comentário aqui que a eleição dele ja estava perdida e não tinha para o Bete, ia ganhar no primeiro turno.

  33. VLemainski-Cascavel Responder

    Seria bom o Osmar perguntar ao Lulla o que ele acha disso…Na campanha tudo o que falava tinha que mencionar o “padinho” e a “madinha”. Virara luz de satélite…

Comente