Uncategorized

Tristeza de empreiteiros. Mensagem sobre a Copel é adiada

Estragaram o Natal de esperançosos empreiteiros do ramo e outros nem tanto. Os deputados adiaram ontem, por duas sessões, votação em primeiro turno de outra mensagem do governo Pessuti, que altera a lei permitindo que a Copel participe de consórcios para disputar licitações de novas concessões de forma minoritária. A lei atual, proposta pelo então governador Roberto Requião (PMDB), prevê que a estatal só pode participar desse tipo de negócio se for como sócia majoritária, ou seja, 50% mais um das ações.

3 Comentários

  1. Lei estupida que engessa a Copel. Propria dos Chavistas e de uma ignorancia total. Isso faz com que se tenha que licitar papel higienico, que alias poderia ser utilizado para limpar o cerebro dos qua a fizeram.

  2. Aí Zè.
    Vai ser ótimo para a iniciativa privada, decidir onde irão aplicar o dinheiro público e se caso der chabú no investimento, o povo paga.

  3. Luiz Carlos
    Ve se aprende. Voce não precisa ter 51% para mandar. Depende de como se compõe as partes. O povo paga sim, quando há incompetentes e maus gestores. Ou principalmente burrocratas…

Comente