Uncategorized

Mudança para o SBT

Por Laura Mattos da Folha.com

Para ficar mais perto do comando de seu grupo após a fraude no Banco PanAmericano, Silvio Santos mudará a administração de suas empresas para o Complexo Anhanguera, sede do SBT.

Para cobrir um rombo na instituição, Silvio teve de dar todas as suas empresas como garantia de um empréstimo de R$ 2,5 bilhões do Fundo Garantidor de Créditos.

Essa foi a primeira decisão importante depois que Luiz Sandoval pediu demissão, anteontem, da presidência do Grupo Silvio Santos, que reúne 44 empresas. Sandoval foi substituído por Guilherme Stoliar, sobrinho e homem de confiança do apresentador.

A mudança de endereço da sede do grupo e a nomeação de Stoliar são vistos como sinal de que Silvio deverá priorizar o SBT na administração da crise.

Stoliar era diretor-executivo do SBT e um dos grandes defensores da concentração da holding no complexo.

ENTENDA O CASO

O Grupo Silvio Santos, acionista principal do PanAmericano, anunciou que colocará R$ 2,5 bilhões no banco para cobrir um prejuízo causado por uma fraude contábil. Em seu comunicado oficial, a diretoria do banco menciona “inconsistências contábeis”. O dinheiro virá de empréstimo do FGC (Fundo Garantidor de Créditos).

O BC descobriu que o PanAmericano vendeu carteiras de crédito para outras instituições financeiras, mas continuou contabilizando esses recursos como parte do seu patrimônio. O problema foi detectado há poucos meses e houve uma negociação para evitar a quebra da instituição, já que o rombo era bilionário.

A quebra só foi evitada após o Grupo Silvio Santos assumir integralmente a responsabilidade pelo problema e oferecer os seus bens para conseguir um empréstimo nesse valor junto ao FGC. Como o fundo é uma entidade privada, não houve utilização de recursos públicos. Além disso, a Caixa Econômica Federal, que também faz parte do bloco de controle, não terá de arcar com a perda.

A Polícia Federal informou que instaurou, na semana passada, inquérito policial para apurar a eventual prática de crimes contra o Sistema Financeiro Nacional. O Ministério Público Federal informou que também vai investigar as transações do banco.

5 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    A Caixa Econômica acaba de afirmar que vai AJUDAR o Banco do Silvio a sair da crise.

    É DINHEIRO PÚBLICO, COLOCADO EM BANCO FALIDO.

    Mais uma metira do governo LULA:

    NÃO HÁ DINHEIRO PÚBLICO NO SOCORRO AO BANCO PANAMERICANO.

  2. quem diria né o presidente do banco era formado em educação fisica, o negocio é seu silvio santos voltar a ser vendedor como no passado, tem que se leiloar as empresas e sanar as dividas pois outras empresas irao comprar, entao faliu silvio e ponto final, e pare de ficar chorando!

  3. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    Há muito tempo venho falando que, “tem dinheiro do povo brasileiro, metido nisso”. O fascisata Lula da Silva, deve ser responsabilizado pelo uso (sem qualquer consulta ou as escuras), da máquina pública para salvar empresa quebrada. como se o dinheiro fosse de sua propriedade. Lula por isso, deveria pagara com bons anos de cadeia por improbidade administrativa. Opa, esqueci que estamos no brasil.

Comente