Uncategorized

Julgamento de Abib Miguel começa hoje

Karlos Kohlbach, Katia Brembatti, James Alberti e Gabriel Tabatcheik da Gazeta do Povo

É esperado para hoje o início do primeiro julgamento do ex-diretor-geral da Assembleia Legislativa do Paraná Abib Miguel. O começo dos depoimentos foi adiado duas vezes por causa de problemas de saúde do réu. Bibinho, como é conhecido, é acusado pelo Ministério Público de comandar um esquema de desvio de recursos no Legislativo estadual que teria retirado pelo menos R$ 100 milhões dos cofres públicos.

O caso veio à tona em março deste ano com as reportagens da série Diários Secretos, divulgadas pela Gazeta do Povo e pela RPC TV.

Testemunhas de defesa e de acusação devem comparecer diante da juíza Ângela Ramina na 9.ª Vara Criminal de Curitiba. Duas datas em novembro já haviam sido marcadas anteriormente para o início do julgamento. Até o dia 4 de dezembro, eventuais ausências do ex-diretor em compromissos judiciais estavam justificadas por um atestado médico. Problemas de saúde adiaram, por duas vezes, a ida de Bibinho a juízo. O ex-diretor-geral, que está preso, assim como dois outros ex-diretores da Assembleia, foi submetido a uma cirurgia de hérnia abdominal no Hospital São Lucas, em Curitiba, no início de novembro. A situação levou a juíza a desmembrar do processo as acusações contra Bibinho das que envolvem os demais réus.

O Ministério Público denunciou os réus pelos crimes de desvio de dinheiro público, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica. Além de Abib Miguel, também são réus nesse processo os ex-diretores da Assembleia José Ary Nassiff e Cláudio Marques da Silva e pessoas acusadas de serem funcionárias fantasmas. Os depoimentos de testemunhas de outro processo – em que os ex-diretores são acusados dos mesmos crimes, mas envolvendo outros casos de funcionários fantasmas – estão marcados para 12 de janeiro.

Dezenas de testemunhas de defesa e de acusação foram convocadas. Na sequência, os réus devem ser ouvidos. Dias depois, a promotoria e os advogados de defesa devem apresentar as considerações finais. Depois disso, a juíza pode proferir a sentença, o que não deve acontecer ainda neste ano. O advogado que representa Bibinho e Nassiff, Eurolino Reis, deu indícios de que o processo pode demorar, já que pretende pedir produção de provas e perícias. “Quero cópia dos depósitos bancários, dos cheques e saber quem assinou”, disse ele sobre cheques que, segundo o Ministério Público, teriam sido depositados na conta de Bibinho e de pessoas ligadas a ele.

7 Comentários

  1. Queria ver a cara deste prepotente comendo marmitex e logo vai ter o filho pra dividir a aconchego do xilindró.

  2. E quando vão julgar os verdadeiros responsáveis pela Assembléia?
    Não tem deputado envolvido?
    E a responsabilidade do Presidente da Assembléia e da Mesa diretora?

  3. PQP, Tou de S.Cheio, com essa falça moralidade e condenaçao do Bibinho,todo mundo sabe da interligaçao que os tres poderes mantem por aqui para a sangria
    dos cofres publicos, pois, pois, quem e doido para mexer nesse vespero.pra mim o Bibinhoe inocente, e deveria ser solto imediatamente.

  4. O bibinho ganhou o Record de maior bode espiatório da história……testa de ferro…..laranja…..os verdadeios culpados estão na presidência da Assembléia e Tribunal de Contas. Bandidos..

  5. Bibinho tem 70 anos, sendo condenado, contará com benefícios da idade. Serão pouca marmitas, logo sairá da cadeia, isso se chegar a entrar lá.
    Espero que os bens dele cubram o valor desviado.

  6. Quadrilhinha! Só 100 milhões? O que dizer da do BANESTADO então???
    E os demagogos falando na televisão que vão resolver o problema da educação!
    Quantas escolas + transporte escolar + professores + merenda + creches + material escolar daria esta grana!?!?!?!?!?!?!

Comente