Uncategorized

Beto reúne secretariado

Daqui a pouco, às 10h00 de hoje, acontece a segunda reunião geral do secretariado de Beto Richa no auditório do Palácio das Araucárias.

O secretário de Controle Interno, Mauro Munhoz, fará um relato detalhado do que apurou sobre a situação do Estado. A herança de oito anos de PMDB de Requião a Pessuti é pior do que se imaginava.

17 Comentários

  1. E não adianta o senador Requião trazer recursos para o paraná e dizer que ele consegue e os outros não. Teve o governo e não fez. É melhor deixar esse senador em banho maria, anunciando-se o descalabro de ações no governo e sua displicência com o povo do Paraná.

  2. POR FAVOR, GOVERNADOR E SECRETÁRIO FLÁVIO ARNS, FAÇAM ALGUMA COISA PARA AJUDAR OS 35 MIL ALUNOS QUE FIZERAM O CURSO DA VIZIVALI/IESDE.

    MAIS UM ANO LETIVO SE INICIARÁ, E NÃO TEMOS UMA SOLUÇÃO PARA ESSE ANGUSTIANTE PROBLEMA QUE ESTAMOS VIVENDO.

    MUITOS PROFESSORES NÃO PODERÃO ASSUMIR PSS, POIS O SEED, INSISTE EM NÃO ACEITAR NEM OS DIPLOMAS LEGAIS DA UCB E ULBRA.

    PORQUE ISSO ACONTECE NO PARANÁ?
    SERÁ QUE A EDUCAÇÃO AQUI CONTINUARÁ A NÃO MERECER NENHUM VALOR?
    ASSIM COMO ERA NO TRISTE E REPUGNANTE GOVERNO ANTERIOR.

    ESPERO QUE VOCÊS FAÇAM ALGUMA COISA URGENTE PARA AJUDAR-NOS. POIS É LAMENTÁVEL O QUE ESTÁ ACONTECENDO.

  3. O Requião ficou falando nos ultimos 8 anos na ‘herança maldita do governo que me antecedeu’, tomara que o Beto não venha com essa historia tambem.

  4. se a herança do requião já não era boa, com certeza piorou com a do pessuti e seus secretários que pareciam mordomos do chefe.

  5. Vigilante do Portão Responder

    Fizeram curo superior na VIZIVALE?

    Então vão cobrar do Requião e do Lula,
    Os Cursos NÃO ESTAVAM RECONHECIDOS, mesmo assim milhares de professores FIZERAM a faculdade.

    O MEC e a Secretaria de Educação NADA FIZERAM, para EVITAR O DESASTRE.

    A Faculdade ofertando os cursos e os alunos Frequentando, sem que os órgãos responsáveis tomassem alguma providência.

    Promessas e mais promessas, inclusive às vésperas da eleição.
    NADA FOI FEITO.

    Novamente, deixaram o abacaxi para o Beto Richa.

  6. PSenhor Governador, fazer essa reunião com secretariado é muito importante, mais faz também com as empresas públicas para saber o que vem acontecendo. No caso da Claspar

  7. Espero que os Secretários levem também notícias boas de alguns órgãos e estatais, afinal de contas existem muitos bons, competentes e experientes profissionais que atuam há bom em funções técnicas e gerenciais, nas quais são especialistas e que não estão sendo ouvidos como deveriam. Pior é que tem muito a acrescentar às idéias de reinvento levadas por alguns que acham que sabem tudo, que já nasceram sabendo. Não há a necessidade de levar tanta gente da Prefeitura como está acontecendo em algumas áreas, basta escutar e ter sensibilidade para descobrir as capacidades e história de cada funcionario efetivo.

  8. Concordo com o Luís. Não adianta ficar choramingando e procurando culpados!
    Tem que mostrar competência para administrar e resolver os problemas.

  9. Não adianta reclamar, infelizmente vem governo, vai governo e as coisas nada mudam. No início os órgãos e empresas estatais são todos ineficientes, improdutivos, inchados, cheios de assessorias, etc. etc., e ao final de cada governo milagrosamente se tornam em maravilhas e “cases” de administração competente, mesmo cheios das mesmas coisas com cabeças diferentes. Tomam-se no início da gestão medidas de “choque” que resultam apenas em substituição e remanejamentos de pessoas sem levar em conta sua capacidade, seus resultados, suas aptidões e o seu comprometimento com a entidade que os emprega, mas preferências políticas, como se fosse crime um funcionário público não saber adivinhar e escolher sempre o candidato que vencerá para votar. Na iniciativa privada os donos do negócio não abrem mão de pessoas competentes só porque votaram em candidato não apoiado pelo patrão, afinal o que se quer são resultados e resultados dão os competentes não os puxa-sacos. Na iniciativa pública a competência não é medida assim, aliás a história das pessoas é apagada pelo voto, por isso é que os resultados são pífios e as estruturas de poder terminam exatamente iguais somente com cabeças diferentes. Verifiquem os que acontecerá nas estatais e nas demais estruturas de governo. Guarde, os números atuais e os comparem com os números ao final do governo, vejam se não foi só crescimento vegetativo ou involução porque a necessidade decresceu, coisas que acontecem naturalmente e sem esforço adicional nenhum.

  10. E nós do IPEM, fomos esquecidos, será que o governador nao está interessado em fiscalizar… saibam que o IPEM está sem Presidente, sem Diretores..o clima esta deprimente.

  11. B em, com o PMDB no poder (Romanelli, Iatauro, etc) o Beto só falta agora é reinaugurar a escolinha do Bob Req. Ou vai manter as reun iões de secretariado secretas?

  12. Pecisamos de ações na Sanepar, principalmente no Interior. Tá tudo parado e gerende se posando de rei, abajulados por coordenadores bajuladores. Beto precisamos virar esta página do aparelhamento da empresa com finalidades exclusas.

  13. O Beto conseguirá domar essa torre de babel?,ai tem tudo que se possa discordar de raças e credos,isso é um verdadeiro balaio de gatos

  14. Caipira do Interior Responder

    É isso aí, Esperança, existem muitos funcionários de carreira dedicados e muito competentes, mas que suas opniões não são levadas em consideração por serem “só funcionários”……alguns, mesmo da turma dos “desenquadrados” (tenho alguns amigos nesta situação) que se dedicam bastante e não são reconhecidos profissionalmente, alguns até muito mais competentes que os agentes profissionais, mas que não são puxa -saco, e sendo assim, deixados de lado…………enquanto os “puxa-sacos” sorriem e ainda tripudiam em cima deles……Nossa esperança é o Sr. Governador arrumar a situação das diferenças entre funcionarios……exonere todos os cargos em comissão dos funcionários puxa-saco de carreira e veja se vai sobrar alguém pra trabalhar!!!!!!!!!!!! Nenhum….pode apostar…..

Comente