Uncategorized

Concessão de passaporte diplomático tem novas regras. Mas e a exceção?

As novas regras para a emissão do passaporte diplomático, aprovadas ontem (24), serão mais rigorosas. Ao requisitar o documento o órgão deverá informar, de forma detalhada, a razão pela qual faz a solicitação. A pessoa que receber o passaporte terá de provar o motivo que a faz utilizar o documento. Além disso, o nome do beneficiado será publicado no Diário Oficial da União.

A polêmica dos passaportes diplomáticos ganhou destaque quando foi divulgado que os filhos do então presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva possuíam tal concessão sem direito algum. Pela regra, filhos e dependentes de presidentes da república tem direito ao passaporte até 21 anos ou até 24, se forem estudantes ou deficientes físicos. Não era o caso. Resta saber se as novas regras serão respeitadas ou se novas brechas serão encontradas. A tal da exceção à regra.

2 Comentários

  1. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    Os filhos do Ditador Fascista Lula da Silva, aqueles que jamais trabalharam na vida irão devolver os seus passaportes?

Comente