Uncategorized

Comissão da Reforma Política ouve assembleias e câmaras municipais

A Comissão Especial da Reforma Política reunirá amanhã (26) os presidentes das assembleias legislativas de todos os estados mais o distrito federal e das câmaras municipais das capitais para debater o processo eleitoral e a propaganda nas eleições.

Para o deputado Almeida Lima (PMDB-SE), presidente da comissão e quem sugeriu a reunião, não apenas senadores e deputados federais devem ter participação neste processo. E sim, todos os envolvidos, como vereadores, prefeitos e deputados estaduais, assim como a sociedade. É importante ouvi-los”, disse Almeida Lima.

A capital paranaense está na agenda da comissão. Aqui, a audiência pública sobre a reforma política está marcada para 27 de maio. Há debater marcados em Goiânia, Belém, São Paulo, Porto Alegre, Aracaju, João Pessoa, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Rio Branco, Florianópolis e Recife. Almeida Lima estima que o relatório final da comissão seja votado em junho. Depois disso, a proposta será analisada pelo Plenário da Câmara.

2 Comentários

  1. tem que assumir as cadeiras os mais votados, esse negocio de lista, vai dar problema na hora de elaborar, pois um candidato que tem base forte, vai querer ficar na ponta da lista, enquanto um candidato de 10 votos vai ter o mesmo direito de fica entre os primeiros da lista, não vai dar certo.
    independente de partido, os candidatos que obtiverem votos pela ordem de cadeiras devem assumir.

Comente