Uncategorized

Folha acusa Alvaro de dar uma paulada no ensino

O senador Alvaro Dias teve sua carreira marcada por uma agressão aos professores. Foi em 30 de agosto de 1988, quando uma marcha de reivindicação de professores em frente ao Palácio Iguaçu foi dissolvida pela polícia do então governador Alvaro Dias a base de bombas, cargas de cavalaria e golpes de cassetete.

Pois 23 anos depois, o hoje senador Alvaro Dias, é apontado, por um editorial da Folha de S. Paulo de aplicar uma paulada no ensino superior ao rebaixar exigências às instituições de ensino superior com relação à formação e títulos exigidos de seus professores. O jornal denuncia mais um golpe contra a educação superior no país.

“Pretende-se eliminar a exigência de 30% de doutores e mestres no corpo docente. Para qualquer padrão aceitável internacionalmente, o mínimo em vigor já seria bastante baixo: menos de um terço dos professores universitários com alguma titulação acadêmica”, diz a Folha.

Esse rebaixamento de nível, entretanto, segundo o jornal: “Não parece baixo o bastante, no entanto, para o relator do projeto, o senador Alvaro Dias (PSDB-PR), a modificação na lei havia sido proposta, inicialmente, pela Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado. Pretendia-se eliminar a exigência de mestrado ou doutorado para os professores em áreas de engenharia e tecnologia. O saber prático substituiria, no caso de profissionais de notória competência, os méritos da titulação acadêmica”.

Por trás dessas manobras existem as piores intenções, segundo o jornal. “O projeto do Senado esconde mal o verdadeiro propósito: atender aos interesses de faculdades sem compromisso com o ensino de qualidade, que poderão contratar a salário baixo professores alheios a qualquer padrão de excelência acadêmica”.

19 Comentários

  1. O melhor GOVERNO que tivemos em todos os tempos neste Estado. Tomara que este mandado possa ser igual a este. Parabens a este grande governador

  2. Baboseiras. Não foi o Álvaro Dias que isentou do pagamento das mensalidades que os estudantes pagavam para as Universidades Estaduais? Ninguém mais se lembra disso?

  3. Graças a ele pude terminar meu curso superior na Fafija (hoje parte da UENP), pois até então, inclusive a UEL, as estaduais cobravam, e era dificil para nós carentes fazer uma faculdade.

  4. COM CERTEZA ESTÁ POR TRÁS DESSA HISTÓRIA O SUPLENTE DO SENADOR ALVARO DIAS,O REITOR DA FACULDADE CESUMAR DE MARINGÁ,SR.WILSON MATTOS,É SENADOR,ESTÁIS DEFENDENDO O LEITINHO DE ALGUNS E FERRANDO CENTENAS DE MESTRES E DOUTORES.

  5. Esse é o camarada que apoiou o BAKA e o RISÓLES em Paranaguá juntamente ao Deputado da Educação

    Esse cara liberou verba do BNDS para o BAKA ladrões

  6. ate hoje o melhor. parabens alvaro balsa nova te agradeçe se hoje Balsa Nova tem o que tem foi na sua gestao que conseguimos. e tambem a historia dos professores muitos sabem que nao foi bem assim …….

  7. Interior do Paraná Responder

    Por favor gente vamo ter o mínimo de consideração..o Alvaro foi um grande governador, deixou obras em todo o Estado, isentu de taxas as universidades estaduais, e qnto ao episódio do caso dos professeres quem tiver o mínimo de curiosidade entre no youtube e veja as manifestações da época…uma coisa é reivindicar a outra é querer invadir o Palácio…com ctza coisas do sindicato Petralha querendo desestabilizar um governo sério.

  8. Alvaro foi péssimo para a educação como governador e como senador não seria ndiferente. Alvaro disse em 1987 a estudantes da então Faculdade APEC, de Umuarama, hoje, Unipar, que a educação não era sua prioridade epor isso não iria estatizar a então APEC, ela continuaria cobrando altas mensalidades e nós, contriubintes e estudantes, pagando estas mensalidades, isto não era problema dele, quem fala esquece, quem ouve, grava. Senador faz favor, deixa a boquinha, vai ra fazedinha, curtir nossa graninha.

  9. Nunca pude fazer uma faculdade dos sonhos, porque o salário da minha mãe de professora era um pesadelos!!! Com esse ato infeliz vc ganhou milhares de votos contra.

  10. TODO NOTICIA PLANTADA NA IMPRENSA CONTRA O LIDER NO SENADO ALVARO DIAS, É PAGA PELA OPOSIÇÃO DE DENTRO DO PARTIDO, PRINCIPALMENTE DAQUI DE CURITIBAÉ O UNICO SENADOR QUE APARECE NA IMPRENSA SÉRIA, TODOS OS DIAS BATENDO NO GOVERNO DO PT. E PEDINDO EXPLICAÇÕES DAS POUCAS VERGONHAS DE FALCATRUAS POR PARTE DA CUPULA PETISTA.

  11. Primeiro, temos que ver como os nossos jovens escrevem, falam e demonstram os conhecimentos adquiridos na escola hoje em dia, para saber como os professores devem ser tratados. Segundo, como os nossos governantes são pagos, e bem, com dinheiro público, seus filhos deveriam estudar em escolas públicas, as quais são administradas por eles, ou será que eles acham que não estão fazendo um bom trabalho? Pros nossos filhos tá bom, pros deles não?

  12. O Álvaro com certeza foi o pior governador que o Paraná já teve.
    É o pior senador no Senado.
    Me digam o que de bom o Álvaro fez como Senador nestes quase 20 anos.
    É claro que ele é contra a educação, pois um povo culto não vota em um candidato igual a ele.

Comente