Uncategorized

Jovens são mortos após briga em frente à Praça da Espanha


Foto: Reprodução

De Vanessa Prateano da Gazeta do Povo

Dois jovens foram mortos em frente a um bar no bairro Batel, na madrugada deste sábado, por volta das 4h30. De acordo com a Delegacia de Homicídios, que investiga o caso, um grupo de aproximadamente dez pessoas iniciou uma discussão dentro do Bar Celebrare, na Rua Fernando Simas, 55, em frente à Praça da Espanha.

Ao saírem na calçada, um homem teria buscado uma arma no carro e atirado contra seis pessoas. Uma morreu no local, e uma a caminho do hospital. Outras três estão feridas.

Todas as vítimas eram homens e tinham menos de 20 anos. O rapaz que morreu no local, identificado como Edson Luiz de Oliveira, tinha 18 anos, e levou dois tiros nas costas. A outra vítima é Guilherme Henrique dos Santos Silva, de aproximadamente 16 anos. Os feridos foram identificados como Vanessa de Paula Torrini, de 18 anos, L.A.P.B., de 15 anos, e Tiago Luiz Araújo, de 18.

Diferentemente do que foi colocado, o jovem Eduardo Henrique Moreira, de 20 anos, não está entre os mortos. O jovem informou à Gazeta do Povo que sua identidade foi encontrada junto ao corpo de Guilherme Henrique dos Santos Silva, de quem ele é amigo, mas que não estava no bar no momento da discussão. O nome do jovem inclusive consta do boletim de ocorrência, mas ele ainda não sabe informar por que a identidade estava junto do amigo.

De acordo com testemunhas, os disparos duraram menos de um minuto, e foram feitos em sequência. No local, a perícia encontrou várias cápsulas de pistola calibre 9mm. Os autores dos disparos, de acordo com informações passadas por testemunhas à polícia, fugiram em um veículo Ford Ka. Segundo a assessoria de comunicação da PM, várias denúncias anônimas já foram feitas ao 190, e todas serão repassadas à Delegacia de Homicídios.

Bar continuou tocando música após tiroteio

Pouco após o tiroteio, uma das vítimas teria entrado no bar para se esconder. Um vídeo feito por um cinegrafista amador mostra equipes do Siate adentrando o local, e pouco depois, comentários de que o rapaz estaria sendo retirado. No momento em que as equipes entram no estabelecimento, é possível perceber que o bar ainda toca música.

De acordo com o proprietário do Celebrare, Liferson Nascimento, esta é a primeira vez que um tiroteio ocorre na frente do bar desde que ele entrou em funcionamento, há seis anos, embora moradores tenham afirmado à Gazeta do Povo que houve pelo menos outros dois ao longo dos últimos dois anos.

O proprietário afirma que não parou a música por recomendação da polícia. “Eles orientaram a continuar com a música para manter as pessoas dentro do bar, para evitar que elas saíssem para a rua e causassem confusão”.

Nascimento nega que o autor dos disparos estivesse no bar, e que ele estava do lado de fora, passando pela rua. “A hipótese é de que quem estava dentro do bar ligou para alguém que estava fora, que foi o autor dos disparos”.

A polícia afirma que ainda investiga o caso e que pretende ouvir clientes do bar e os que se envolveram na discussão.

Nascimento afirmou que não foi chamado para prestar esclarecimentos. “Não tenho responsabilidade, pois isso ocorreu fora do bar. Só teria alguma culpa se isso tivesse acontecido dentro”.

Crime no centro

Mais dois homens foram mortos em frente a um bar nesta madrugada. O crime ocorreu em frente ao Bar Crystal, na Avenida Visconde de Guarapuava com a Rua Doutor Faivre, por volta das 2h40.

Houve um desentendimento entre quatro pessoas dentro do estabelecimento e um homem atirou em outros dois. Um deles, identificado como Alessando Alves de Souza, morreu no local. O outro morreu a encaminhado do Hospital Cajuru. Dois homens foram presos e encaminhados ao 1°. Distrito Policial, no Centro.

9 Comentários

  1. MAS DAI NÃO TEM POLICIA NO MUNDO QUE RESOLVA……POR QUE JOVEMS DE 15….16…ESTÃO NOS BARES AS 4 HORAS DA MADRUGADA????????????????????????????????????????????

  2. DE onde vem as armas e drogas ???Obvio do Paraguai e Bolivia !!! Quem sao os amigos destes vizinhos picaretas ?? Marco Aurelio Garcia , Lula, Amorin, Gleisi !!!
    Alguem ja viajou pela Argentina de carro ??? A qualquer hora e qualquer local tem a famosa Gendarmeria que fiscaliza tudo, com caes..e’ uma enchecao de saco..mas circular com drogas e armas na Argentina nao e’ fa’cil..
    No Brasil basta policiar Foz-Curitiba e Foz Maringa , a Castelo Branco…so’ isso ja’ tiraria 75% de armas de drogas no BRasil !!
    Mas a preguica parece ser maior ..ou nao ha’ interesse nenhum em coibir estes delitos !!!

  3. Parreiras Rodrigues Responder

    João, pertinente a sua indagação.

    Lembro-me das denúncias da simpatia existente entre PT e Farc.

    Daí?

  4. Renata Gonçalves Responder

    Hoje em dia tem pessoas que acham que tudo se resolve com uma arma de fogo , assim tirando vidas de jovens que saem para se divertir acredito que precise de mais policias para dar mais segurança em frente desses estabelecimentos e deveria mudar muita lei , é muito jovem menores de 18 anos que estao em baladas bebendo , e isso não é somente nesse bar e sim em varios em Curitiba esta na hora de todos ficarem atentos para evitar esse tipo de acontecimento doloroso imagine em pleno sabado qntas familia estao chorando ??? mas é sempre assim precisa acontecer uma tragedia para o governo , fazer alguma coisa agora nao adianta pessoas do bem foram mortas e isso acontece todos os dias , até pq em bar nao pode fumar , mais pode beber isso é ridiculo!!! esta na hora de rever essas leis , e colocar mais policiais na rua para evitar esse laentavel acontecimento . Que Deus conforte cada familia que hj chora por essas perdas.

  5. E a policia ? Sempre reclamam que faltam gente ! Todo efetivo prefere ficar sentado no escritório … Na rua tem risco e se matar bandido as ONG vão pegar no pe !

Comente