Uncategorized

Deduragem de Gleisi tem as digitais de petistas

O colunista Giba Um identificou a fonte das notícias que revelam as peripécias aéreas de Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann:

“O PT nacional já identificou a fonte das informações sobre os vôos secretos que deixaram os ministros Paulo Bernardo (Comunicações) e Gleisi Hoffmann (Casa Civil) à beira do desemprego. É fogo amigo originário das próprias fileiras do PT. Supostamente, teriam partido dos deputados Dr. Rosinha (federal) e Tadeu Veneri (estadual), que querem disputar a prefeitura de Curitiba pelo partido. O projeto foi abortado porque Bernardo, pensando na candidatura de Gleisi ao governo do Paraná, está preferindo apoiar o ex-tucano Gustavo Fruet.”

7 Comentários

  1. Pois se fizeram isso, estão apoiados! É muito estranho que um casal assuma dois Ministérios no mesmo Governo…pode ser do ponto de vista legal, mas para mim é Imoral. Não é só porque pertencem ao mesmo partido que estão acima do bem e do mal.

  2. Petista é assim, um querendo fazer a caveira do outro. Acabam prestando um serviço a sociedade com esse tipo de delação. Muita coisa a gente nunca ficaria sabendo se não fosse o ódio e o ciúme que existe entre eles.

  3. Eles são tão imorais quanto. Eram coniventes com a corrupção, sabiam dela e levariam para o túmulo se isso fosse ajudá-los de alguma forma. A verdade é que os petistas se acham os mocinhos da moral e que são a salvação da pátria, mas estão nadando na mesma lama de corrupção que vive quase a totalidade dos políticos brasileiros.

Comente