Uncategorized

Jornalista é agredida dentro da Prefeitura
de Quatro Barras



Foto: O Estado do Paraná

Cristiane Fortes foi até a prefeitura pedir explicações sobre uma reportagem.
Prefeitura afirma que assessor de Planejamento a agrediu por legítima defesa.

Do G1 PR

A jornalista e proprietária do jornal ‘Metropolitan’s’, Cristiane Fortes, da cidade de Quatro Barras, na Região Metropolitana de Curitiba, foi agredida dentro da prefeitura da cidade pelo assessor de Planejamento, Frederico Bernardi, na manhã de ontem (25).

Fortes foi atendida no Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul, e levou pontos no rosto. Ela disse que foi até a prefeitura pedir explicações sobre uma reportagem que envolvia o nome dela.


“Ele só disse: Ah, você está me procurando? E daí ele fechou a mão e foi um murro na boca. Daí foram pontos, cinco pontos internos, mais dois pontos externos. Eu fiz o raio-x também, há suspeita de fratura no nariz. (…) Ele me derrubou, me deu alguns chutes, e daí a esposa dele entrou correndo e tirou ele do gabinete.”, relatou a jornalista.

Em nota, a Prefeitura de Quatro Barras afirmou, por meio do procurador jurídico Manoel Barbosa, que a jornalista invadiu a prefeitura, ofendendo e desacatando funcionários. Segundo a nota, ao tentar entrar no gabinete do prefeito, ela ainda agrediu o assessor de planejamento, que reagiu em legítima defesa.

De acordo com o procurador, o prefeito de Quatro Barras, Loreno Tolardo, não estava na prefeitura no momento da confusão. A conclusão da nota é de que “o fato será apurado pela Administração por meio das instâncias cabíveis”.

14 Comentários

  1. Cuidado Jornalistas Responder

    Lei Maria da Penha, indenização de 100 milhões, Cadeia para o Prefeito, cassação do mandato, e se fazer apologia a crime dacadeia todos na cadeia. São bandidos, coruptos e omissos politicos. Ministério Público e Gaeco neles.

  2. Olá Cristiane Fortes, Vamos usar o rigor da Lei Maria da Penha nesse cara Transvestido de homen, que na verdade não passa de um bruta monte e covarde, porque ele não pega um outro Homen ou só tem coragem pra enfrentar Mulheres, eu fico totalmente indignado com atitudes desse tipo de marginal, que deveria estar preso aguardando julgamento. desculpe-me pelo desabafo.

  3. JULIO CESAR DE SISTI Responder

    Independente do motivo isso foi uma covardia, pois além de bater em uma mulher – o covarde deu um soco na boca da jornalista – o machão ainda está protegido por lei para não sofrer o mesmo tipo de agressão (Art 331 CP). Que venha o vagabundo se meter a machão comigo!!!

  4. Vigia Curitibano Responder

    Esse cara deveria de ser exonerado é uma vergonha para uma Prefeitura ter um assessor desse estilo ! Prefeito exonere esse assessor de meia tigela !!! Não deixe um estupido desses manchar a sua administração.
    Alem de tudo que é uma convardia a atitude que ele tomou !!!!
    Mané não se bate em mulher, se ele faz isso com uma jornalista, imagine o que faz em casa com a sua esposa !!! machão de cozinha!!!

  5. Quem não tem força intelectual usa sempre a força física.
    Qual é mesmo o cargo do agressor?

  6. nao existe motivo que mereça uma violencia desta sr mauricio . Este tipo de pessoas que colocamos pra defender os nossos direitos quando soubermos o valor que tem o voto saberemos escolher politicos descentes e pessoas competentes para governar nosso país

  7. Ninguém apanha em uma situação dessas de graça, com certeza ela mereceu ou armou esse circo p/ prejudicar o Assessor.

  8. RICARDO MOCELIN Responder

    SÓ QUEM ESTAVA LÁ SABE O QUE ACONTECEU,,NÃO ADIANTA VOCÊS QUERER DEFENDER SÓ PORQUE É MULHER, GARANTO SE FOSSE ELA QUE TIVESSE BATIDO VOCÊS ESTARIAM CHAMANDO O CARA DE BUNDÃO,MULHER QUE NÃO RESPEITA SÓ PORQUE ACHA QUE TEM A LEI A FAVOR TEM QUE TOMAR CACETE MESMO,AGORA ELA APRENDE A RESPEITAR AS PESSOAS, OU SE NÃO VAI TOMAR UM PAU MAIS FEIO AINDA PRA VER SE APRENDE…

Comente