Uncategorized

Estudantes da UFPR passam fim de semana acampados na Reitoria

Os estudantes da Universidade Federal do Paraná (UFPR) que estão acampados no prédio da reitoria da Universidade, decidiram ontem à noite, em assembleia, que vão permanecer no local até que a pauta de reivindicações seja atendida. Devem passar o fim de semana por lá, já que o reitor da UFPR, Zaki Akel Sobrinho, prometeu uma resposta às manifestações somente na segunda-feira.

As reinvindicações dos estudantes incluem o fim da superlotação nas salas de aula e a contratação de professores. Representantes dos servidores federais programaram novo ato da greve para segunda-feira, no Politécnico, a partir das 7 horas. Parados desde o dia 15 de junho, os servidores consideraram um desrespeito do reitor a atitude de anunciar a retomada de algumas atividades, como o Restaurante Universitário do Politécnico, a Central de Transportes (Centran) e o Centro de Computação Eletrônica (CCE). Em resposta, a assembleia decidiu manter a greve.

1 Comentário

  1. A luta histórica dos estudantes, contra os desmandos e omissões do governo, deve ser resgatada. A luta deve se voltar tambem contra a atual direção da UNE, hoje tão desfigurada e repleta de pelegos, que deve ser banida, pois não se ouve mais o rumor da revolta contra a corrupção. O exemplo dos estudantes chilenos deve ser seguido para que surjam os verdadeiros lideres estudantís que representem a classe com dignidade.

Comente