Uncategorized

Ministra Ideli Salvatti apresentou emendas para ONG de assessor

Da UOL — A ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) apresentou duas emendas parlamentares, quando exercia o mandato de senadora pelo PT, em benefício de uma ONG ligada a um assessor seu no Senado. As emendas, no valor total de R$ 200 mil, foram apresentadas na elaboração dos orçamentos de 2008 e 2010.

As verbas foram carimbadas para a entidade Cesap (Centro de Elaborações, Assessoria e Desenvolvimento de Projetos), sediada em Florianópolis. A ONG foi criada em 2003, e teve como sócio-fundador Claudionor de Macedo. Em 2004, ele assumiu o cargo de assessor parlamentar de Ideli no Senado, e pediu afastamento de suas atividades na organização.

Segundo a ministra, por meio de sua assessoria de imprensa, Claudionor seguiu “apenas como membro colaborador” da ONG durante o período em que trabalhou diretamente para Ideli no Senado. Hoje, Claudionor voltou ao quadro de dirigentes da entidade.

As emendas de Ideli para a ONG de seu assessor resultaram na assinatura de dois convênios. O primeiro foi assinado com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, em 31 de dezembro de 2008, no valor de R$ 158,5 mil. Dois anos depois, em 28 de dezembro de 2010, outro convênio foi assinado com a Cesap, desta vez com Secretaria de Políticas para as Mulheres, no valor de R$ 110.320.

Dos valores acertados, R$ 148 mil já foram pagos para a entidade.

Na nota enviada por sua assessoria, a ministra nega irregularidades e afirma que as emendas beneficiaram centenas de famílias.

“Com os recursos destinados através das duas emendas foram criados 12 grupos voltados para ajudar mulheres chefes de família na geração de renda. O trabalho beneficiou indiretamente centenas de famílias das cidades de Itajaí, Tijucas e Palhoça”, afirma a nota.

13 Comentários

  1. Lídio de Paula Responder

    Essa Ideli é conhecida na praça com as suas emendas. Ela é da Escola do Lulinha: enriquecimento a jato.

  2. Oba! Começou a fritura da Ideli Arrogante Salvati. Vergonha catarinense.
    Esse é o fio da meada do fincanciamento de suas campanhas.
    Bye Bye Ideli, ninguém a Salvatti dessa pilantragem de emendas.

  3. SEM NOVIDADE NENHUMA NESSA NOTÍCIA. AFINAL, ESSE É O (des)GOVERNO DO pt (partido do trambique).

  4. A Ideli deveria ser mais respeitada. Afinal, depois de atuar como lider do PTno senado, ela poderá ser canonizada como a santa das causas indefensáveis. Lembrem-se de que ainda somos uma nação católica.

  5. Está tudo enraizado entre os interesses dúbios administrados por pessoas dúbias, que em nome do povo usurpa valores do erário, e depois dizem que estão criando benefícios aos mais necessitados. Mas, na hora de prestar contas nem tudo é transparente…

    Precisaria melhor fiscalização desses convênios, agilidade nos procedimentos de irregularidade e condenação firme e rápida dos envolvidos e cassação de eventuais políticos em casos de falcatruas…

  6. Vou parar de ler as notícias agora mesmo. Agora é a fraquinha da Ideli que foi pega com o porco nas costas. Até o fim da leitura já terei vomitado em cima do teclado, aí vou ter que comprar outro. E a minha mulher não vai gostar nadinha. Tony

  7. Meu Deus!!!!!!!!!!! Misericórdia e paciência pra aguentar tanta falcatrua.
    O que me consola e me da coragem para continuar lendo essas baixarias é que tudo tem fim, e o PT também!!! Aleluia!!!!!!!! e Graças a Deus!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  8. Ué, a filha do Serra tem ONG que recebe dinheiro do governo do PSDB, alguém aí quer reclamar?

Comente