Uncategorized

Bueno defende fim da emenda individual

O entrevistado de Joice Hasselmann, no Olho no Olho, líder do PPS na Câmara, o deputado federal Rubens Bueno, defende o fim das emendas parlamentares individuais no Congresso Nacional. “Queremos que as bancadas estaduais e regionais definam quais os projetos estruturais são mais importantes para os estados e regiões.

Você puxa um e vem vários. Por isso somos a favor da CPI. A CPI pode quer sigilo bancário e fiscal e pedir a devolução do dinheiro e propor novas regras que evitem que isso não volte acontecer” – defende. “O Ministro do Turismo, Pedro Novaes, em abril e maio, recebeu documentos do TCU e da polícia federal e não investigou as irregularidades.”

Bueno argumenta que a investigação não deve se restringir a apenas alguns convênios. As denúncias envolvem parlamentares paranaenses como Ney Leprevost e Alfredo Kaefer.

2 Comentários

  1. Parreiras Rodrigues Responder

    Tá certo o RBueno. Emendas são calabocas. “Você me puxa o saco, vota os meus projetos, as minhas medidas provisórias e eu te pago a emenda xis, onde você agrada o seu prefeito, faz média com o seu eleitor e ainda pode até dar uma mordidinha”, é a tradução do diálogo em torno.

Comente