Uncategorized

Veneri não explica denúncia e prefere
atacar Derosso

O deputado Tadeu Veneri (PT), frustrou os que esperavam que ocupasse a tribuna da Assembléia nesta para dar explicações sobre a ação popular que é alvo, que foi acatada pelo juiz Nei Roberto de Barros Guimarães da 8º Vara da Fazenda Pública de Curitiba.

Na ação é acusado de ter usado R$ 75 mil de verbas de ressarcimento para sua campanha de reeleição em 2006. Os gastos foram feitos com brindes, jornais e livros contendo autopromoção do parlamentar. O juiz determinou que o Ministério Público investigasse o caso e que Veneri se explicasse dentro de vinte dias. Em lugar de se defender dessa denúncia que envolve seu mandato, Veneri preferiu atacar o vereador João Cláudio Derosso.

2 Comentários

Comente