Uncategorized

Veneri enruste explicação para escândalo do ressarcimento

Faltam 15 dias para esgotar o prazo para o deputado Tadeu Veneri explicar as denúncias contidas em uma ação popular movida pelo microempresário Edimar Rodrigues de Almeida Pegoraro. Ele questiona o uso de R$ 75 mil em verbas de ressarcimento da Assembléia que teriam sido usadas pelo deputado em sua campanha de reeleição em 2006.

O juiz Nei Roberto de Barros, da 8º Vara da Fazenda Pública de Curitiba concedeu 20 dias para que Veneri se explicasse, sobre o pagamento de material promocional com verbas de ressarcimento. Até agora o deputado se mantém no mais absoluto silêncio, está enrustindo qualquer espécie de explicação.

4 Comentários

Comente