Uncategorized

No vai, não vai, Fruet nega que entra no PDT na segunda-feira

De Roger Pereira do O Estado do Paraná

O ex-deputado federal Gustavo Fruet (sem partido) desmentiu as declarações do vereador Tito Zeglin (PDT) de que se filiará ao PDT na próxima segunda-feira, dia 12. Gustavo disse que fica contente com a expectativa dos pedetistas, mas informou que não conversou com o vereador nas últimas semanas e descartou qualquer anúncio na segunda-feira uma vez que está com viagem marcada para Brasília para a próxima terça-feira, dia 13, para conversar com a cúpula do PDT e do PV.

“Fiquei sabendo que marcaram essa data, mas não tem nada não. Vou para Brasília na terça. Faz sete meses que não vou para lá. Tenho agenda com o Osmar (Dias – presidente estadual do PDT). Ele vai tentar marcar para conversarmos com o Cristóvão Buarque e com o Penna (José Luiz), presidente nacional do PV.”, disse Gustavo, que quer anunciar seu novo partido já com a aliança encaminhada entre PDT e PV.

Fruet disse que também espera uma conversa com a cúpula do PT, mas entende a dificuldade de agenda dos ministros Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann para terem esse diálogo antes do prazo de filiação partidária, que encerra-se na primeira semana de outubro. “Mas já tive uma bela conversa com o Ênio Verri (presidente estadual petista) em que concordamos que não é possível uma definição agora, mas o diálogo segue aberto para o ano que vem, respeitando as questões internas do partido”, disse. “É uma conversa como essa que pretendo ter, também, com o Ratinho Júnior (pré-candidato a prefeito de Curitiba pelo PSC)”, acrescentou.

Gustavo disse que no final da próxima semana, se bem sucedida essa série de encontros em Brasília, poderá tomar a decisão e anunciar o partido pelo qual disputará a prefeitura de Curitiba no ano que vem. “É uma questão que estou tendo todo o cuidado, pois a pressão do outro lado é grande. Já tem gente querendo enfraquecer o PDT só por causa da possibilidade de eu ir para lá. Estão querendo tirar vereadores do PDT e colocar no PSD, que deverá apoiar a prefeitura”, comentou.

5 Comentários

  1. Para Fruet, todo cuidado é pouco. Ele tem história, tem currículo e já demonstrou serviço em prol da política paranaense e nacional.

    Agora, precisa escolher bem às companhias. Afinal, ele não pode, depois de tantos anos de vida política sadia, se aliar ao que existe de pior na política nacional: os maus políticos…

    Ele ainda é uma reserva que os paranaenses admiram e gostariam de vê-lo nos mais altos cargos do Estado. Mas não a qualquer preço…

  2. Esta novela está demorando muito. A continuar assim é melhor fundar novo partido, o PPT( Perdido por Perdido, Truco…)

  3. Hamilton Luiz Nassif- Londrina Responder

    QUEM AVISA AMIGO É,GUSTAVO,VOCÊ ESTÁ PERDENDO O BONDE DA HISTÓRIA.. QUANTOS EXEMPLOS ,VOCÊ PRESENCIOU. CUIDE-SE.!!!!!

  4. Do Gustavo só sabemos uma coisa, é ex-tucano, e mais nada. Acredito que até ele mesmo não saiba aonde vai parar. Para quem estava com uma pressa louca, tanto é que saiu correndo do ninho tucano, hoje está meio devagar. Será que já está arrependido? Caiu no conto do vigário dos futuros aliados? Ou viu que vai ficar falando sozinho. Tony

Comente